revelação cósmica t25, Richard Doty, Tim

S25E01 Dinâmica do Tempo e Portais ~ contato com um viajante do futuro

Partilhar:

As experiências secretas do governo dos EUA na Área 51 abriram portais de espaço-tempo? Explorando a dinâmica temporal, as viagens no tempo e a tecnologia do portal, o agente reformado da AFOSI Richard Doty junta-se ao conselheiro táctico alemão Tim para discutir a história do envolvimento militar americano e alemão com os portais.

S25E01 Dinâmica do Tempo e Portais (Revelação Cósmica ~ Tim Tactical Advisor) S25E01 Temporal Dynamics & Portals

revelação cósmica temporada 25 episódio 1

REVELAÇÃO CÓSMICA – POR DENTRO DO PROGRAMA ESPACIAL SECRETO

A legendagem possível (não exata):

Emery Smith: Tim, um conselheiro tático da Alemanha, está conosco hoje no programa Revelação Cósmica. Ele analisa, prevê e propõe diferentes estratégias em relação a grupos alienígenas que estão em contato com a Terra. Também se junta a nós hoje Richard Doty, um agente especial de contra-inteligência aposentado que serviu no Escritório de Investigações Especiais (OSI ) da Força Aérea. Senhores, bem-vindos!

Tim, Richard Doty, Emery Smith

Hoje vamos falar sobre portais e tempo. Ou seja, de você, Rick, o público aprenderá o ponto de vista americano, e de você, Tim, é claro, o alemão. Rick, você viu tantos artigos sobre este assunto. Onde você poderia começar?

RD: Bem, durante minha carreira de contra-inteligência, fui designado para a Área 51. E uma das operações que aperfeiçoei / operações de contrainteligência foi uma operação ou projeto realizado pelos Laboratórios Nacionais, um projeto de pesquisa sobre como viajar no tempo, é viável, diferentes métodos e diferentes procedimentos que poderiam ser desenvolvidos para isso, mover-se de um lugar no tempo para outro lugar no tempo.

Em geral, realmente desenvolvi uma operação de contrainteligência baseada no projeto. Na maioria das vezes, quando recebemos projetos como este e somos obrigados a desenvolver uma operação de contrainteligência, você lê apenas o resumo, os objetivos, mas não o relatório inteiro. Naquela época, o próprio tema da viagem no tempo me chocou tanto que li todo o documento, até as seções científicas.

Aqui está o que tentamos fazer; era isso que o governo americano estava tentando fazer: abrir um portal ou túnel na tela do espaço para viajar. Não divulgo nada que ainda seja confidencial. Muito já foi escrito sobre. Ao mesmo tempo, a teoria foi até ensinada na faculdade. Em geral, eles tentaram melhorar os procedimentos. Usando lasers de alta energia, usando magnetismo, grandes ímãs de alta energia para disparar lasers e outras coisas através de um portal ou criar um portal, abra o tempo e tente descobrir como manter o portal aberto. Para tentar manter o portal aberto, os cientistas usaram diferentes conchas. Tentaram prendê-lo com gases. Até onde eu sei, eles usaram argônio e vários outros tipos diferentes de gases que foram enviados através de portais. E realmente funcionou.

O problema era manter os portais abertos e evitar qualquer dano ou ferimento a qualquer coisa que passasse pelo portal. Os cientistas enviaram baratas, ratazanas, ratos e, acho, alguns outros animais pelos portais, mas naquela época não conseguiram melhorar o procedimento.

S01E12 Portais: Teia Cósmica ~ Viajar para uma outra Galáxia em minutos

E.S.: Em que ano foi isso?

RD: Na década de 1980, do início até meados da década de 1980. Na verdade, tudo começou na década de 1960. Acredito que eles iniciaram o projeto nos Laboratórios Nacionais de Sandia ; então estava em seus estágios iniciais. Os cientistas conseguiram capturar no papel como fazê-lo, mas então, quando tentaram melhorar tudo, digamos, na realidade, encontraram vários obstáculos diferentes, clima, atmosfera e tudo o que impedia que o portal do tempo permanecesse aberto. Ou seja, os pesquisadores realmente abriram vários portais, mas não conseguiram mantê-los abertos para que as pessoas pudessem passar por eles.

Quando os cientistas abriram o portal, muitas coisas diferentes aconteceram. Ou seja, quando você abre o portal, há pequenas explosões, por assim dizer. Havia distorções da atmosfera, distorções de consideração quando você olhava para o portal.

Em suma, havia muita distorção acontecendo. Então, outra coisa veio à tona: os cientistas não sabiam se o portal avançou ou retrocedeu no tempo. Era uma grande pergunta.

Os pesquisadores tentaram descobrir tudo o que poderia esclarecer esse problema, se estamos avançando ou retrocedendo no tempo. E no final eles conseguiram. Eles conseguiram melhorar a forma como o portal abre. No início, o único problema era que os portais permaneciam abertos por um milissegundo. Mais tarde, eles permaneceram abertos por apenas alguns segundos.

Os cientistas aperfeiçoaram algo chamado injeção nuclear, onde eles criam uma pequena, muito pequena explosão nuclear, atiram uma pequena bola de material nuclear no portal… Não sei como eles fizeram isso. Eu sei que uma pequena explosão nuclear estava sendo criada. Parecia estar abrindo um portal. E quando eles tentaram colocar uma concha ali… A concha era feita de algum tipo de material antimagnético. O portal permaneceu aberto por vários segundos e depois fechou e destruiu a concha.

E.S.: Caramba. Ficção. Quando eu estava lá no início dos anos 1990, eu fazia parte desse projeto, os cientistas também usavam certos alinhamentos. Eles descobriram que a Terra tem diferentes tipos de alinhamentos dimensionais, porque também existem linhas ley no espaço. Eles ainda não aperfeiçoaram o suficiente para usá-lo. Tim, o que você acha disso? O que você ouviu, leu ou experimentou?

Tim : Sabemos que na história moderna a Alemanha pode ter sido a primeira nação a experimentar viagens no tempo. Todo mundo sabe que a física teórica… O tempo pode ser uma dimensão acessível. Os alemães tiveram essa ideia nas décadas de 1920 e 1930. Eles experimentaram isso, acredito, na década de 1940.

A abordagem deles era usar alta voltagem para derreter o tecido do espaço, que poderia ser usado para mover a dinâmica do tempo, mas provou ser instável e bastante tóxico para qualquer pessoa nesse tipo de campo. Portanto, estou absolutamente convencido de que naquela época, estamos falando da década de 1940, eles não conseguiram isso de forma alguma, não conseguiram tornar o campo estável.

Richard já disse que supostamente as pessoas usavam a mesma mecânica nos tempos antigos, e é por isso que encontramos muitos locais antigos alinhados com diferentes linhas e constelações. Os antigos usavam energias naturais para abrir certos portões. Então você (aponta para Richard) estava falando sobre os anos 1970 e 1980, e você (se vira para Emery) está pensando nos anos 1990.

Acredito que nos anos 2000, 2010, os Greys decidiram dar a pelo menos um certo grupo de pessoas na Terra uma tecnologia estável e funcional.

Estou definitivamente convencido de que essa tecnologia é altamente sigilosa, ou seja, nem todos têm acesso a ela. Acredito que os Greys levaram isso a sério e só permitiram o acesso a um número muito limitado de pessoas ou a um grupo de pessoas. Essas pessoas existem. Ou seja, há pessoas que passam pelos portais. Eles também residem em uma versão futura da Terra, incorporada no tempo. Sua missão é monitorar o desenvolvimento da Terra. Até onde eu sei, agora eles estão ativos e até presentes no planeta.

E.S.: Sim, acredito que selecionam organizações e pessoas específicas que serão responsáveis ​​pelo uso desta tecnologia.

Tim : Sim.

E.S. : Diga-me, esses portais também existem no espaço, não apenas na Terra?

Tim : Eu gostaria de acrescentar que a dinâmica temporal também pode ser usada para fins militares.  Ou seja, usando a dinâmica temporal, alguém pode criar uma arma altamente eficaz. Acho que essa é a razão pela qual os Greys escolheram apenas passar essa tecnologia para um grupo muito específico de pessoas.

E.S. : Rick, você pode acrescentar alguma coisa?

RD : Bem, algo que foi desenvolvido durante os experimentos de viagem no tempo no Local de Testes de Nevada na Área 51 tornou-se a parte periférica dos projetos. Pesquisadores descobriram que podem criar armas de energia, um sistema de armas de alta energia. Este não era o objetivo, mas ao longo dos anos de experimentação com portais, eles perceberam que havia algo que eles poderiam aproveitar. Quando deixei o serviço ativo, eles estavam desenvolvendo uma arma de energia.

E.S. : Foi um efeito colateral, ou seja, a arma de energia abriu um portal?

RD : Sem dúvida. Abriu um portal. Quando me aposentei, os cientistas tentaram melhorá-lo. Eu acho que, ao longo dos anos, eles conseguiram. Quando eu trabalhava para um laboratório privado no Texas, tivemos a sorte de ver algumas das coisas que o UPPNIR estava fazendo naquele lugar, armas de energia aprimoradas.

E.S. : Rick, eles experimentaram abrir um portal. Como os cientistas sabiam o que havia do outro lado?

RD : Bem, um dos objetivos era defini-lo exatamente, e também como eles poderiam medir o portal, ou como eles poderiam olhar para ele. Subcontratados também trabalharam nisso. Eles desenvolveram algumas técnicas e equipamentos, talvez ainda sigilosos. Não quero entrar nos detalhes dessa parte; eles tinham equipamento semelhante a um osciloscópio. De alguma forma, projetou.

Os pesquisadores puderam detectar padrões de ondas, os padrões de ondas usuais da Terra. Quando abriram a tela, encontraram estranhos padrões de ondas que não conseguimos duplicar em nenhum lugar, exceto ao olhar para o portal. Em geral, quando um estranho padrão de onda aparecia nos instrumentos, eles sabiam que haviam aberto um portal.

Então, outro problema surgiu no início. Os cientistas não sabiam para onde o portal levava. Ele voltou no tempo ou avançou? Com o tempo, o estudo foi transferido para outro local, em uma montanha na Califórnia. Eles o duplicaram lá e descobriram que os padrões de ondas eram muito diferentes daqueles do deserto de Nevada, no Nevada Test Site, que foi o principal local para os experimentos.

Os pesquisadores se perguntaram: “Espere, por que os padrões de ondas são tão diferentes na Califórnia?” E aqui está, eles determinaram que em um caso isso é devido à altura, no outro por causa do local do experimento, de Nevada à Califórnia. Em geral, quando saí do serviço e mesmo quando trabalhei para um laboratório privado, as pesquisas progrediram muito rapidamente.

E.S. : Tim, o que você acha disso?

Tim: Todos sabemos que as medidas são unidades ou uma forma de localizar algo no espaço. Então, se temos três dimensões, podemos usar o método do triângulo… temos uma maneira de determinar onde algo está no espaço. Na física, cada partícula tem um lugar específico, uma posição específica onde está.

O mesmo se aplica à dinâmica temporal na forma de usar o tempo e os fatores temporais como outra dimensão. A maneira geométrica de ver a dinâmica temporal é problemática e confusa. Veja, cada partícula dentro da quarta dimensão da dinâmica temporal está simultaneamente em diferentes outros lugares dentro da dimensão do tempo. Isso também introduz alguns problemas em como manipular o tempo, já que tudo afeta o passado e o futuro.

Como ondas dessa posição, considerando que quando estamos falando apenas de três posições ou três dimensões, é um processo bastante difícil e padrão localizar tudo. Isso é algo que as pessoas têm tido problemas. Como usá-lo, e também como estabilizar o tempo para não interromper o fluxo do tempo e ter certos impulsos em determinados lugares para receber as ondas corretas da posição onde algo está.

Acho que foi isso que os Greys fizeram. Eles ensinaram as pessoas dando-lhes o algoritmo, o método de cálculo e como usar a dinâmica do tempo.

E.S.: Qual é a sua teoria de que quando as pessoas viajam no tempo e voltam… Oh, me fazem essa pergunta milhares de vezes… digamos voltar e parar Hitler? Depois voltam ao presente. Isso criaria uma linha do tempo diferente ou ainda estamos nessa linha do tempo ? Isso cria uma linha de tempo completamente diferente… Existem várias linhas de tempo, ou é realmente apenas a mesma linha de tempo?

Tim: Você pode imaginar ter uma linha de tempo no meio de tudo. Esta é a linha do tempo mais estável onde temos linhas do tempo bem sucedidas. Se você fizer o que acabou de dizer, manipular algo e ter um efeito cascata em torno do momento que você criou na dinâmica do tempo, isso pode ser catastrófico. Isso significa que, se você tivesse evitado a Segunda Guerra Mundial, o nazismo nunca teria aparecido e não teria desempenhado um papel muito importante na evolução, pelo menos, da Terra. Ou seja, os nazistas eram necessários.

A experiência que, infelizmente, o universo teve durante a Segunda Guerra Mundial, em termos de probabilidades e possibilidades, foi necessária para a conscientização. Por isso serviu. Se não tivesse ocorrido, com o tempo, a linha temporária não teria sucesso. Então ele se fundiria novamente com o principal e nunca mais se separaria. Veja bem, probabilidades e possibilidades, se forem importantes o suficiente, definitivamente desempenharão seu papel, tudo definitivamente acontecerá, talvez de uma maneira diferente, mas com o mesmo efeito e experiência.

E.S. : Por favor, você poderia explicar? Você disse anteriormente que os Greys nos deram tecnologia de viagem no tempo e que nossas equipes agora a estão usando. O que essas equipes estão fazendo? Qual é o programa deles?

Tim : Ok. A missão psicológica dos Greys era mostrar às pessoas os possíveis efeitos de seu programa e o que eles estavam fazendo por si mesmos e pelo planeta.

É claro que, como os Greys têm seu estoque (stock) genético na humanidade, eles dependem da humanidade e de sua evolução para manter o desenvolvimento geral de tudo. Acho que as formas anteriores de se comunicar com as pessoas, de alguma forma chegar aos governos para contatar as pessoas nas ruas, o fenômeno do seqüestro de que já falamos, todas falharam em termos de fazer uma mudança, uma mudança na mente das pessoas.

E.S. : Também foi um reconhecimento para ver o que está acontecendo e voltar e dizer: “Ei, precisamos mudar algumas coisas para que as coisas não deem errado?” Quer dizer, não deu negativo?

Tim : Com certeza. Foi isso que os Greys fizeram. Eles deram a tecnologia a um certo grupo de pessoas, e essas pessoas criaram algum tipo de presença na versão futura deste planeta. De alguma forma, eles foram incorporados naquele tempo para não alterar acidentalmente o futuro de uma maneira ou de outra. Eles então voltaram para a versão de que estamos aqui agora, para que todos os observadores que vivem aqui agora possam ser guiados de maneira possível e produtiva.

S18E05 Estação Espacial de Júpiter (Revelação Cósmica)

E.S. : Tim, você falou sobre como os Greys tinham a tecnologia e a repassaram para uma elite cuidadosamente escolhida, poucas pessoas. Por que confiamos neles? Podemos confiar neles com esta tecnologia?

Tim : Acho que quando os Greys deram a tecnologia ao grupo, eles tinham seu próprio benefício e programa em mente. Não tenho certeza de quais fatores eles escolheram esse grupo, mas sei que eles se sentiram conectados à raça humana e se beneficiaram da raça humana. Mesmo que eles fossem um grupo de elite do poder, de certa forma… Estamos falando sobre a elite aqui agora. Existem outros fatores que explicam por que eles foram escolhidos. São pessoas bastante razoáveis ​​e sabem as consequências. A única missão deles é estabilizar a linha do tempo em que estamos aqui. Então, sim, eu confio nessas pessoas. Eu sei que eles estão aqui e são muito úteis.

E.S. : Este grupo de elite faz parte do governo, corporações, facção? A quem eles pertencem?

Tim : Eles trabalham com outros grupos poderosos neste planeta e não são afiliados a governos ou empresas. Nem mesmo relacionado aos militares.

E.S. : Rick, falando sobre isso, baseado na documentação e em tudo que você viu, como era o programa? O que eles estavam tentando fazer sobre viagens no tempo e portais? Uso para fins militares? Para fins científicos, para fins de pesquisa? Você já leu alguma coisa sobre o programa deles?

RD : Bem, o programa principal era militar. Os militares estavam tentando descobrir se poderiam usá-lo para criar algum tipo de sistema de armas, ou talvez, digamos, combater insurgentes ou assustar o inimigo. E a primeira coisa que os pesquisadores descobriram, que, aliás, eles ficaram extremamente surpresos… Especialmente um dos cientistas, o principal envolvido no projeto, que foi realizado nos Laboratórios Sandia . Em geral, ele trabalhou no que eles realmente fizeram.

Eles abriram um portal no tempo ou um portal para outra dimensão? Isso foi algo que realmente preocupou os pesquisadores. Algo aconteceu, e esse algo é muito difícil não apenas de explicar, mas até mesmo de falar sobre isso. Em um experimento em particular… eu não estava lá, não vi, mas eles me disseram.

Aconteceu em um local de teste em Nevada. Os cientistas sempre realizaram experimentos muito tarde à noite ou muito cedo pela manhã. Às vezes, depois da meia-noite. Foi o que eles fizeram: para descobrir alguma coisa, eles colocaram um pequeno dispositivo nuclear. Na saída, por outro lado, muitas reações foram observadas. Tudo foi jogado para trás. Que eu saiba, isso nunca aconteceu. Isso preocupou muito os cientistas. O que eles fizeram? “O que nos fizemos? O que fizemos com o tempo? Os pesquisadores realmente se importavam com o que estavam se metendo.

Quando o portal foi fechado… Ele foi fechado em algum lugar às duas ou três da manhã. Os cientistas limparam e limparam tudo. E de repente eles viram estranhas figuras descendo. Estamos falando de figuras estranhas descendo ao longe. Quero dizer, a uma distância de quilômetros. Repito, eles observaram estranhas figuras descendentes. Um dos técnicos pegou alguns equipamentos, voltou para um dos diretores e perguntou: “Quem é aquele que está descendo? Tem algumas pessoas lá.” Obviamente, ninguém deveria estar lá. É muito perigoso estar lá. E quem quer que fossem essas pessoas, elas apareceram por um tempo, 10-15 minutos, e depois desapareceram. O que eles estavam fazendo? Você acabou de abrir a dimensão?

Um dos cientistas foi muito útil ao tentar convencer os outros cientistas de que não abrimos um portal temporal. Abrimos uma dimensão e capturamos algo de lá para esta dimensão. Quando as coisas clareavam… Os pesquisadores sempre esperavam 24 horas antes de descer para limpar a radiação e tudo mais. Então, quando desceram, não encontraram nada, mas encontraram pedaços de barro e outros detritos jogados para fora do portal. Talvez esse incidente ainda seja confidencial.

Em geral, os cientistas coletavam tudo o que encontravam e levavam ao laboratório para pesquisa. Em geral, coisas muito, muito, muito estranhas aconteceram. Como eu disse, eu não estava lá, não me tornei uma testemunha ocular, mas li sobre isso. E depois me contaram sobre isso.

E.S. : Na verdade, observei a convergência de dimensões, apenas em algum momento quando você estava em dois lugares ao mesmo tempo. Talvez Tim possa explicar isso, pois a quarta dimensão, como falamos antes, às vezes pode se sobrepor a outras dimensões.

Tim : Acho que precisamos deixar claro que estamos falando de realidades diferentes que podem compartilhar o mesmo espaço de uma forma ou de outra. Então o que Richard está falando e o que poderia ter acontecido pode significar que as dimensões se sobrepõem; enorme energia é investida nisso, as frequências se aproximam muito umas das outras, e então pessoas e coisas podem aparecer. Em alguns espaços e lugares da Terra, temos o mesmo fenômeno quando as pessoas relatam que, por exemplo, viram fantasmas ou outra coisa. Parece ser o mesmo efeito. A dinâmica natural da energia é suprimida, comprimida tanto que algo pode aparecer.

E aqui está outra coisa que eu gostaria de dizer. Existem espécies e seres que naturalmente, sem o uso de tecnologia, compreenderam e entenderam as mecânicas ou técnicas do movimento no tempo. Existem seres sencientes nas dimensões do tempo que estão muito interessados ​​em entender issoComo pensamos, argumentamos teoricamente, o tempo também pode ser uma medida. Existem seres extraterrestres que só podem viver dentro do tempo. Eles entendem que qualquer lugar particular do universo está conectado a todos os outros lugares, e que usando o status de observador, sendo um observador, eles podem se posicionar dentro das dimensões do tempo.

E.S. : Então eles são viajantes do tempo?

Tim : Não. Estes são seres ou formas de vida que vivem dentro das dimensões do tempo. Assim como experimentamos a tridimensionalidade como uma dimensão, como um espaço vivo que pode ser usado para a vida, eles vivem dentro do tempo. De uma forma ou de outra, eles também criam o tempo, o que afeta as linhas do tempo que vivenciamos aqui.

E.S. : Rick, houve algum problema quando vocês experimentaram abrir portais e coisas voltando por eles?

RD: Bem, depois do incidente em que algo passou pelo portal e eles viram figuras descendo, os cientistas ficaram muito, muito preocupados se eles tinham acabado de abrir um portal a tempo, e agora os viajantes do tempo estão passando por ele? Ou era um portal para outra dimensão? Eles caíram em uma dimensão, seja a quarta, quinta ou qualquer outra dimensão? Ou… Eu não li sobre isso até mais tarde, quando trabalhei para um laboratório particular. Ou era um universo paralelo. Foi algo que também foi atualizado, e um artigo inteiro foi escrito sobre isso.

Em geral, naquela época, após o incidente, os pesquisadores ficaram muito, muito preocupados que pudessem trazer algo que pudesse prejudicá-los. Abriram o portal, alguém do outro lado viu que o portal estava aberto e entrou, tentando passar. Tínhamos equipamentos arcaicos, possivelmente arcaicos do nosso lado. Por outro lado, eles podem estar milhares de anos à nossa frente. E quando tentamos trazer algo, ou eles pulam, ou o que quer que funcione, nós apenas os machucamos. Isso causou preocupações muito, muito sérias.

E.S. : Isso já aconteceu?

RD : Um incidente em particular onde os cientistas descobriram algo do outro lado. Eu não estava lá. Fiquei sabendo disso mais tarde. Os pesquisadores encontraram o que descreveram como um corpo fortemente carbonizado.

S18E06 Guerras da Linha do Tempo (Revelação Cósmica)

E.S. : Ou seja, você viu um corpo carbonizado. Ele passou pelo portal, ou você apenas o viu através do portal?

RD: Bem, eu não estava lá

E.S. : Oh!

RD R: Mas eu li sobre isso. Em uma reunião secreta, me disseram que quando a equipe desceu 24 horas depois, quando todos estavam seguros, encontraram um corpo gravemente queimado que nunca foi identificado. Os pesquisadores sabiam que não era um dos trabalhadores, pois todos estavam cadastrados e disponíveis. Eles sabiam que não era alguém de outros locais de teste. Então foi alguém que foi trazido de volta? Houve um consenso geral entre os cientistas de que algo passou pelo portal, ou algo voluntariamente tentou passar pelo portal e foi danificado do nosso lado.

E.S. : O corpo carbonizado… Poderia explicar, era bípede? Ou estava tão queimado que você não podia dizer nada?

RD : Bom, eu nunca… Tem gente que saberia, outras pessoas envolvidas no projeto. Mas nunca pesquisei algo assim. Eu nunca vi nada além do corpo carbonizado relatado no relatório. Os cientistas acreditavam que era um humanóide.

E.S. : Tim, você tem algo a dizer sobre isso?

Tim : Acho que seria super interessante saber o seguinte. Em conexão com o tempo, avançando no tempo, de fato, estamos retrocedendo no tempo. Então você pode pelo menos de alguma forma descrever a dinâmica do tempo. Olha, se olharmos para a mesa (aponta para a mesa no centro), na verdade é a luz que entra em nossa percepção, e a luz leva tempo para trazer essa memória para o sistema operacional que a unidade de consciência usa para interpretar o dados, provenientes da tabela.

Então, mesmo que seja apenas um nanossegundo ou algo assim, a imagem que vejo da mesa está realmente no passado. Tudo o que estamos experimentando agora é a luz vindo de uma fonte muito distante. E nos movemos dentro dessa luz em direção à fonte. Ou seja, sentimos a presença de uma fonte muito, muito, muito antiga. O que estamos vivendo agora está muito atrasado. E, no entanto, estamos avançando no tempo.

Em suma, você pode ver que a dinâmica temporal tem duas linhas se movendo em direções opostas enquanto o observador está no meio. Isso é o que quero dizer com ter uma espécie de rugas ao redor de tudo.

E.S. : Então, de fato, os fótons estão no passado, e com o advento da luz, então…

Tim : Tudo o que estamos vendo agora, você, eu e Richard, não estamos mais aqui. A fonte está em outro lugar. Esta é uma fonte ou experiência de pensamento muito, muito, muito antiga que estamos tendo agora.

E.S. : Você está dizendo que somos uma velha projeção de nós mesmos, de onde eu realmente existo?

Tim : Como “eu”, você não existe. Todos nós somos uma fonte. Uma fonte que irradia diferentes potenciais e probabilidades do centro do universo. As pessoas chamam a fonte de ponto zero ou algo assim. É o meio, o centro de tudo. Tudo o que experimentamos daquela época, e especialmente esta versão do universo, é baseado na luz. Portanto, existem várias outras versões baseadas em várias outras coisas. Mas o que experimentamos aqui é tudo irradiando, digamos, fótons de luz.

A mesa emite luz. Nós também. E os corpos biológicos que temos nesta versão interpretam os dados vindos da luz. Se você diminuir o zoom, tudo isso… não estamos realmente aqui. Percebemos um feixe de luz muito, muito antigo. Existem seres… quero dizer, os modelos antigos estão errados. Embora alguns sejam úteis.

Imagine que em algum lugar existe um ponto de origem e temos luz emanando dele. Nós, como observadores, estamos em outro ponto, muito distante da fonte. Na verdade, estamos nos movendo em direção à fonte, tornando-nos cada vez mais densos até atingi-la; então nos reunimos. A partir deste ponto, temos outra versão em desenvolvimento do universo. Ele também tem seres que vêm com ele.

Esses seres usam métodos fora da linha do tempo linear . Eles vêm e “consertam” tudo o que está lá, porque aqui estamos vivendo um paradoxo de probabilidade que precisa ser resolvido. Eles fazem isso vindo e consertando tudo para que no final, eventualmente, possamos nos reunir. Tornamo-nos um novamente e a partir daí construímos uma nova versão do universo.

RD : Tim, você conhece algum exemplo em que seres passaram por um portal?

Tim : Sim, o tempo todo. Temos dois tipos de seres. Uma espécie evoluiu para se conscientizar do potencial de viagem através da dinâmica temporal usando o status de observador para viajar para outro lugar. Eles não usam mais portais. Eles usam as habilidades naturais que todos nós temos quando estamos conscientes delas, repito, estamos conscientes.

A segunda espécie são criaturas menos desenvolvidas, mas muito avançadas tecnologicamente. Então eles usam portais diferentes e tecnologias diferentes para fins de movimento. Supostamente houve uma época neste planeta em que as entidades usavam o fluxo natural de energias e portais em todo o planeta para se comunicar com as pessoas daquela época.

RD : Nesta discussão, gostaria de lhe perguntar o seguinte. Quando eu trabalhava para um laboratório privado, houve um incidente. Colocamos um anúncio… como parte de um programa de viagem no tempo em andamento… estamos falando sobre os anos 1990…  que precisamos de viajantes no tempo. Não havia internet naquela época, só revistas, então anunciávamos em revistas. Então, um homem veio até nós e disse: “Sou um viajante do tempo”.

Ele parecia muito incomum. Minhas experiências de comunicação e conhecimento sobre alienígenas… Quando conhecemos aquele homem em Phoenix, Arizona… Ele era alto e magro, braços desproporcionais ao corpo. A pele era muito, muito, muito leve. Fui bastante franco com ele quando se apresentou como George Arthur. Agora você pode acessar a Internet e encontrar histórias sobre esse cara, George Arthur. Perguntei de onde ele veio. Ele respondeu: “Você realmente quer saber exatamente de onde eu vim, ou você está interessado em onde estou agora?” Eu disse não. Onde você nasceu?”

“É muito difícil explicar, já que nasci mil anos no futuro. Voltei no tempo.” Bem, verificamos o cara em todos os aspectos. Um dos meus deveres era uma verificação abrangente. Conseguimos encontrar… zero. Nada. Não foi possível encontrar nada. Ele falou… E era incompreensível para a mente. … que poderia nos mostrar como fazê-lo, como voltar no tempo.

Você sabe, há um lugar no Arizona. George o chamou de Monte Secreto. Falei com Randy Cramer sobre isso. Ele sabe onde é este lugar. Nós fomos lá. Os cientistas trouxeram seus equipamentos com eles. Saímos de Austin, Texas. Arthur nos recebeu e nos levou até o local. Estávamos dirigindo um jipe ​​com tração nas quatro rodas. Levamos muito tempo para chegar lá. George disse: “Vou descer este desfiladeiro – era um verdadeiro desfiladeiro – e mostrar como se faz, mas não me sigam”. Ele começou a descer para o desfiladeiro. Esperamos por cerca de 45 minutos, ele não saiu.

O desfiladeiro curvou-se ligeiramente para a esquerda. Então decidimos… eu era a cobaia, e eu disse: “Vou descer e procurar o cara.” Ele se foi.

Tim : Uau!

RD : Não desapareceu. Só havia uma maneira de sair, escalando um penhasco de 609 metros de altura, já que o caminho pelo cânion estava bloqueado por uma parede de 609 metros de altura. Não havia portais que pudéssemos encontrar, nem cavernas ou túneis. No dia anterior à nossa chegada, estava chovendo lá, então havia pequenas poças de água, mas elas tinham apenas 15 cm de profundidade. Em geral, George desapareceu. No momento minha pergunta é: “Você já conheceu pessoas – não me refiro a seres, mas pessoas – que viajariam no tempo para frente ou para trás?”

Tim : Conheço pessoas que fazem parte do grupo Time Corps. Quer dizer, eu traduziria o título dessa forma. Não sei se eles usam a tecnologia para chegar a algum lugar. Não sei se o exército tradicional usa essas tecnologias. Sim. Isso é tudo.

E.S. Isso me leva à próxima pergunta. Existem lugares como este no planeta Terra conhecidos como portais antigos? E se sim, eles precisam ser ativados ou estão sempre ativados?

nota oevento: um dos artigos mais interessantes dos últimos tempos:

KS ~ Grelhas Amenti ~ Portais Estelares ~ 7 Selos Jehovianos ~ NDC

Tim : Sim. Tanto quanto eu entendo, houve momentos em que as pessoas estavam em contato próximo com várias outras espécies. E era bastante comum usar fluxos de energia natural para passar por portais e se comunicar com pessoas terrenas. Com o tempo, a memória, a memória coletiva se esqueceu disso. Eu também esqueci porque então as pessoas estavam passando por um período de caos. Os alienígenas estavam tentando detectar influências na Terra para ver o que deu errado. Já falamos sobre isso, sobre a presença de influências nocivas e grande caos, e sobre o fato de que algo deu errado. E sim, até onde eu entendo, era bastante comum eles se comunicarem com as pessoas na Terra através de portais.

E.S. : Rick, você ouviu alguma coisa sobre isso, viu em sua documentação?

RD : Não. Eu não sei nada sobre o grupo de pessoas que Tim estava falando. Quero dizer, talvez existissem essas pessoas na época, mas nunca fui informado sobre nenhum programa desse tipo. Na década de 1990, estávamos apenas procurando por pessoas que viajavam no tempo, e George Arthur foi o único que realmente conseguiu provar algo para nós. Foi oferecido muito dinheiro, $50.000. Infelizmente, Arthur nunca recebeu o dinheiro, porque… E aqui está mais uma pergunta que me resta. As pessoas que foram recrutadas, as pessoas que foram recrutadas para o programa por alienígenas, eram deste período ou do futuro?

Tim : Eles eram do período de 2000, 2010. E sim, eles vieram do presente. Eles foram recrutados… Bem, eu não sei quais fatores foram usados ​​para o recrutamento. Eles eram caras sensatos e inteligentes, dedicados à missão de proteger a linha do tempo . Acho que esses foram os incentivos.

RD : Eles foram cuidadosamente verificados, estudados e preparados? Eles foram treinados?

Tim : Os Greys criaram um sistema de treinamento. Eles também explicaram a tecnologia. Eles deram algoritmos e ensinaram como usá-los. Acho que o Time Corps tem sido bastante autônomo desde então.

E.S. : Quão avançada é a tecnologia de viagens do portal agora? Quero dizer, podemos sair e voltar à vontade?

Tim : De várias conversas, aprendi que nos tempos antigos, os portais usavam dinâmicas naturais, fluxos de energia naturais. As pessoas, por outro lado, usavam algum tipo de dispositivo de pedra para traçar as coordenadas. Além disso, o dispositivo foi usado como uma espécie de consciência.

E.S. : Tipo, a consciência como um tipo de tecnologia?

Tim : Sim, algo feito de pedra.

E.S. : Orgânico?

Tim : Sim. É orgânico. Os antigos pegavam pedras e esculpiam nelas ou dentro das coordenadas, diferentes hieróglifos. Eles usaram essas pedras para alcançar ou passar por portais naturais quando precisavam de correlações de tempo específicas ou alinhamentos específicos com as estrelas. Eles não podiam passar pelo portal espontaneamente. Apenas em certos momentos, acredito, os equinócios eram usados.

Em geral, quero dizer, estamos falando de tecnologia natural, que usa fenômenos naturais e física natural para passar por portais. Tempo passou. Hoje é uma tecnologia completamente diferente. De certa forma, é mais complexo. Até onde eu sei, as pessoas são capazes de descobrir ou mesmo mover matéria especial ou átomos únicos dentro da dimensão do tempo. Em geral, sim, a tecnologia moderna é mais complexa.

RD R: Quando eu estava trabalhando em contra-inteligência em um projeto de viagem no tempo, descobri que o governo dos EUA estava se preparando para qualquer coisa. Eles estavam preparando um grupo de pessoas para viajar no tempo. Isso aconteceu provavelmente no início da década de 1970. Eu não posso dizer exatamente. Algumas dessas pessoas eram astronautas, outras eram apenas militares, e também havia alguns cientistas. Desde o projeto… Eles deveriam ser capazes de completar o projeto e realmente abrir a tela do espaço.

O governo estava preparando uma equipe de pessoas para entrar no portal. Acho que o primeiro grupo era de 15 ou 20 pessoas. As pessoas receberam os chamados marcadores. Um dos problemas pode ser o seguinte: as pessoas passaram pelo portal e foram parar onde? Para voltar, eles tinham que encontrar o outro lado do portal. É para isso que servem os marcadores. Em geral, havia todos os tipos de sistemas diferentes que eram usados ​​para marcar um lugar de tal maneira …

S01E13 Portais: Navegando pelo Tempo (Viagens no Tempo)

Quer dizer, não havia navegadores naquela época. Ou seja, se as pessoas passavam pelo portal, não tinham navegadores ou MTR, um satélite militar que era usado na década de 1960 antes do advento do GPS. Então tivemos que nos preparar para isso também. E é incrível. Sabe, eu vi o tutorial, o manual. Muito gordo. Ele mencionou literalmente tudo para se preparar. Algo… Já falamos sobre isso um pouco antes. Então, algo para o qual eles estavam se preparando… Eles contaram aos astronautas… A propósito, eles eram chamados de astronautas no tempo, crononautas. Então, eles disseram aos crononautas que, ao chegarem ao local e descobrirem que voltaram no tempo, estão estritamente proibidos de manipular algo, pois pode surgir um paradoxo.

Se você enviar de volta e se encontrar andando na rua ou de alguma forma… Você não pode fazer isso. Um paradoxo pode surgir. Na época, também achei o manual incrível. Eu gostaria de trazê-lo aqui. Quero dizer, os crononautas foram treinados para muito. Agora não posso entrar em mais detalhes. Nós simplesmente não temos tempo para isso. Eles estavam preparados para muitas situações, caso pudessem voltar no tempo.

E.S. : Certo.

Tim : É chamado de colapso quântico, colapso quântico. Se as pessoas se encontrarem e interagirem com diferentes versões de si mesmas, o colapso quântico pode ocorrer e a linha do tempo falha.

E.S. : Digamos que você voltou no tempo e matou seu avô. Então o que está acontecendo com a linha do tempo agora? Quando você volta, você existe? Ou uma linha do tempo completamente diferente está sendo criada?

Tim : Definitivamente só que você tem um avô morto. Isso acontece. Mas fora isso, não há nada que possa desaparecer. Tudo o que é possível ou provável ainda acontecerá. Portanto, se alguém volta no tempo e mata seu avô, a memória permanece no tempo em que foi a algum lugar e fez algo. Em seguida, outra seqüência de tempo aparece. Algo desaparece, mas você ainda existirá porque ainda está ciente de sua existência. E o universo fundirá linhas de tempo mal sucedidas em uma estável.

Se você fizer algo que tenha um grande impacto na estabilidade da linha do tempo , o colapso quântico pode acontecer, o que significa que uma linha do tempo estável falhará . E sim, o universo então tenta usar a melhor lógica que tem para colocar a linha do tempo com falha de volta na linha do tempo no meio para torná-la estável novamente.

RD A: Eu acho que é uma discussão incrível. Falei sobre o passado, o que fizemos nas décadas de 1970 e 1980, como experimentamos viagens no tempo, sobre diferentes projetos relacionados a viagens no tempo. E agora Tim nos leva ao presente e até ao futuro. Sim, ótima discussão.

Tim : Eu gosto. Eu gosto de perspectiva. Sou grato por podermos falar sobre isso, discuti-lo. Há também outra coisa que me faz sentir confortável na minha posição. O conhecimento de que o universo está no controle, que no final não podemos falhar, só podemos ter sucesso no que fazemos.

Spoiler
Desculpe, apenas utilizadores com sessão iniciada podem ver spoilers.
Disclaimer: Os artigos são escritos em português do (Brasil ou de Portugal) ou numa mistura de ambos. Este site publica artigos próprios e de outros informantes em que se limita a publicá-los: quer dizer que pode não concordar com os mesmos. Você deve usar a sua intuição com aquilo que ressoa ou não consigo.

Partilhar:

Author: Krystal

colaborador

5 2 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

2 Comentários
Most Voted
Newest Oldest
Inline Feedbacks
View all comments