Pedofilia

Mais de 300 mil vítimas de abusos sexuais da Igreja Católica em França

Partilhar:

À medida que nos aproximamos da transição planetária, temos vindo cada vez mais ver a podridão ser exposta nestes últimos anos, embora seja ainda a ponte do icebergue, visto que os principais crimes contra os humanos ainda estão guardados e não divulgados.

300 mil vítimas de abusos sexuais por parte da igreja Católica em França vem se juntar a outras divulgações feitas nos últimos anos, nos EUA:

Investigação acusa 300 padres de pedofilia nos EUA, com mais de mil vítimas

na Holanda:

Pedofilia ~ 800 sacerdotes holandeses abusaram de 20 mil crianças entre 1945 e 2010 com o encobrimento dos cardeais

na Alemanha:

Pedofilia ~ 1670 padres alemães abusaram de 3600 crianças entre 1946 e 2014

É preciso notar que a australiana Fiona Barnett, expos a pedofilia e só com segredos de justiça e também com a ocultação por parte da comunicação social, o assunto não se tornou viral.

Em 2018 este site oevento divulgou a história de Fiona Barnett, um artigo fortemente censurado que conseguiu se tornar viral com pormenores macabros do abuso sexual e pedofilia um pouco por todo mundo e no qual foi divulgado que a igreja criava orfanatos exclusivamente para vender essas mesmas crianças à elite para todo o tipo de abuso sexual e até morte, através de sacrifícios:

Fiona Barnett ~ Pedofilia; rituais com assassinato; projeto MKULTRA; adrenocromo

França – pedofilia

Quanto à França foi divulgado esta semana, a investigação de uma comissão independente que revelou crimes de abuso sexual a crianças ou adolescentes praticados entre 1950 e 2020.

De acordo com o relatório, cerca de 216 mil crianças ou adolescentes foram abusados ou agredidos sexualmente por clérigos católicos ou religiosos em França entre 1950 e 2020.

O número de vítimas sobe para 330 000 quando considerados “agressores leigos que trabalham em instituições da Igreja Católica”, nomeadamente nas capelanias, professores nas escolas católicas ou em movimentos juvenis, disse o presidente da Comissão Independente sobre os Abusos da Igreja (Ciase, na sigla em francês), Jean-Marc Sauvé, durante a apresentação do relatório à imprensa.

Uma investigação independente sobre o alegado abuso sexual por padres católicos franceses, diáconos e outros clérigos que se traduz num “fenómeno massivo” que foi encoberto por décadas por um “véu de silêncio”.

O relatório foi divulgado após dois anos e meio de investigações.

“Estes números são mais do que preocupantes, são condenáveis e não podem de forma alguma ser ignorados”

De acordo com o presidente da Comissão, composta por 22 membros, os números citados baseiam-se numa estimativa estatística que tem uma margem de erro, por excesso ou defeito, de cerca de 50 mil pessoas.

“Estes números são mais do que preocupantes, são condenáveis e não podem de forma alguma ser ignorados”, disse Jean-Marc Sauvé, explicando que a estimativa revelou que cerca de 80% são vítimas masculinas.

“As consequências são muito graves”, disse Sauvé, adiantando que “cerca de 60% dos homens e mulheres que foram abusados sexualmente revelam grandes problemas na sua vida sentimental ou sexual”

O relatório de 2500 páginas identifica cerca de 3000 abusadores – dois terços dos quais padres – que trabalharam na igreja francesa durante 70 anos. “É uma estimativa mínima”, baseada no censo e na análise dos arquivos (Igreja, justiça, polícia judiciária e imprensa) e nos testemunhos recebidos por este organismo, afirmou, na altura, Jean-Marc Sauvé à agência noticiosa AFP.

Este é o mais recente escândalo a atingir a Igreja Católica, que tem vindo a ser abalada por uma série de escândalos de abuso sexual em todo o mundo nos últimos 20 anos, envolvendo frequentemente crianças.

Papa Francisco lamenta

Embora o Papa Francisco tenha vindo lamentar, isso é apenas uma distração. Recorde-se que o verdadeiro Papa Francisco foi morto e substituído por este duplo / clone que ocupa o seu lugar.

Freiras alemãs venderam/alugaram crianças órfãs a predadores sexuais

Avião intercetado com crianças para pedofilia e comércio de órgãos

Esta semana foi divulgado por este site um vídeo é que num avião de carga que decolou do Sudão do Sul foi inspecionado por funcionários da alfândega durante uma escala no Níger.

Foram descobertas centenas de crianças sequestradas cujo destino era Espanha.

No vídeo, as autoridades dizem que as crianças foram destinadas a serem vendidas a pedófilos ou usadas para transplantes de órgãos. Observem que a tripulação sendo levada em pulseiras condizentes:

https://rumble.com/vnax0p-avio-intercetado-com-crianas-para-pedofilia-e-venda-de-rgos.html

Nenhuma referência foi feita pela comunicação social sobre este tem ainda.

No menu pedofilia, encontra muitos artigos sobre a pedofilia dos últimos anos:

https://www.oevento.pt/category/pedofilia/

A finalizar Sinead O’Connor estava certa em 1992:

Será que devemos a Sinéad O’Connor um pedido de desculpas por falar a verdade sobre o abuso de crianças pela igreja em 1992?

FIM

Disclaimer:
1. Os artigos são escritos em português do (Brasil ou de Portugal) ou numa mistura de ambos.
2. Os artigos colocados neste site, são diferentes dos colocados nos corruptos meios de comunicação de massas. Não significa que os autores concordam ou discordam com os mesmos. Você deve usar a sua intuição com aquilo que ressoa ou não consigo. Ninguém é dono da verdade absoluta e este site não foge à regra.

Partilhar:

Author: Krystal

colaborador

5 2 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

5 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments