Controlo Mental

Nova APP permite ganhar até 10 euros por hora bastando estar conectado às redes sociais!

Partilhar no Facebook

Nova APP permite ganhar até 10 euros por hora bastando estar conectado às redes sociais!

O nosso ego engana-nos a pensar que a loucura deste mundo é realmente normal. Dia após dia, muitos vivem vidas silenciosas de desespero. Apesar de todas as evidências de que o mundo está descontrolado e a loucura das multidões é visível no mercado financeiro, no mercado imobiliário, na política, na justiça social e nas redes sociais, o nível de normalidade da população atingiu níveis surpreendentes, à medida que nós desesperadamente nos tentamos convencer de que tudo está bem. Mas não está.

O ópio das massas não é apenas religião, mas a propaganda, desinformação, mentiras e distrações tecnológicas projetadas pela classe dominante do governo invisível para proporcionar às massas, ilusões agradáveis ​​sobre o seu país, sociedade e situação material. Se as massas acordassem e percebessem que estão sendo manipuladas, oprimidas e encurraladas como ovelhas, a revolução varreria a Terra. As pessoas estão sendo levadas à loucura por um sentimento avassalador de dissonância cognitiva. As pessoas preferem passar os dias na bisbilhotice / coscuvilhice como se isso lhes fizesse bem!

A masturbação mental exigida por uma vasta faixa da população que vê a evidência do declínio, criada pelo uso excessivo de dívidas e corrupção sistemática do governo, finanças e comunicação social (mídia), criou uma sociedade de zumbis mentalmente stressados. Eles sabem que as coisas não estão certas, mas admitir que a verdade destruiria as suas ilusões e exigiria que eles agissem. É mais fácil se auto-medicar com drogas (inclui medicamentos), álcool e perder-se no seu mundo de fantasia tecnológica das redes sociais. Preferem acreditar em mentiras consoladoras, do que lidar com a verdade desconfortável. Eles vão junto com as mentiras, porque fazer o contrário produziria tremendo mal-estar mental.

A maioria corre em círculos, levantando cedo todas as manhãs, seguindo a mesma rotina, indo obedientemente aos cubículos de trabalho, vendo as mesmas pessoas, fazendo a mesma coisa e fingindo que é importante, por um salário que vale menos a cada dia. Fazem isso, porque são treinados como animais para acreditar que a maneira de progredir na vida, é comprar a crédito, merdas de que não precisam!

nota: o título do artigo foi para enganar os não despertos a lerem este artigo, que lhes fará bem à mente, caso contrário não o iriam fazer! Para os despertos, é um bom artigo para enviarem aos vossos amigos (o título vai obrigá-los a terem curiosidade em ler)

O materialismo, o consumismo, a cobiça e o acompanhamento da vida dos vizinhos foram incorporados nos cérebros, após anos de doutrinação da escola do governo e propaganda da comunicação social (mídia). Muito poucas pessoas conseguem chegar à frente. Eles estão apenas correndo numa roda igual à dos hamster e não indo a nenhum lugar. É por isso que há muita depressão, raiva e prioridades equivocadas nas nossas vidas.

Caminhando ao longo de uma rua em qualquer área, você vê rostos tristes que perdem tempo absorvido por trivialidades e besteiras que emanam dos seus Smartphones. As vidas de muitos, são uma marcha sem sentido de miséria e repetição irracional de tarefas diárias. Há uma esmagadora nuvem de tristeza permeando a vida das massas, à medida que a nossa cultura repulsiva, construída sobre desejos satisfatórios, consumismo, egoísmo e ganância, resulta em seres humanos delirantes, desapontados e desesperados.

Essa cultura disfuncional resultou em níveis crescentes de suicídio, overdoses de drogas (inclui medicamentos), depressão e a formação de pessoas mentalmente instáveis ​​que periodicamente realizam ataques violentos sem motivo previsível. Veja as notícias e tente não perceber que o mundo enlouqueceu.

A nossa sociedade não se tornou tão ridícula, mal orientada e defeituosa da noite para o dia. Já se passaram décadas. E isso pode ser atribuído ao esforço intencional daqueles que controlam o governo em destruir o nosso sistema educacional e substituí-lo por um sistema de doutrinação social. As crianças não são mais ensinadas a pensar. As crianças estão sendo criadas pelo estado como nada mais que engrenagens de máquinas, autênticos robôs.

A solução positiva: meditação, ioga, natureza (caminhar ou permanecer), reiki, desligar a TV, comunicação social, reduzir facebook e smartphone, seguir o site oevento.pt (se desejar saber a verdade!), etc

A unidade familiar se auto-destruiu à medida que milhões de crianças no mundo são criadas em lares sem pai, lares desfeitos ou famílias disfuncionais. Elas não são ensinadas a agir e a pensar tendo o amor dos pais em casa, então significa que elas são facilmente suscetíveis ao dogma da justiça social, presas pelos seus robôs / professores que habitam as salas de aula das nossas escolas. Como Frank Zappa apontou anos atrás, você precisa se educar e não deixar que as escolas apodreçam a sua mente. Nós não atendemos ao seu conselho.

Os professores infelizmente são obrigados a seguir um programa de ensino, imposto por um governo. Um programa estúpido, cada vez mais exigente, com disciplinas que pouco interessa à pessoa que se está a formar. Uma disciplina que promovesse bons hábitos alimentares, promovesse o ioga, a meditação, o reiki era o caminho, mas isso obviamente não interessa!

As crianças que questionam a autoridade ou não agem de maneira subserviente são imediatamente diagnosticadas e drogadas até à submissão com a conivência dos pais. O sistema das escolas não quer desempenhos altos, pensadores críticos ou qualquer um que questione a sua ortodoxia ordenada pelo governo. A classe dominante (também conhecida como Estado Profundo) quer que os autómatos controláveis, maleáveis ​​e não-pensantes façam os trabalhos vagabundos de baixa remuneração, comprem porcarias estrangeiras baratas com os seus cartões de crédito e sejam dependentes do Estado para a sua existência miserável.

Os pais também têm culpa: muitos exigem boas notas (a todo o custo) e a maioria depressa oferece às crianças porcaria como jogos eletrónicos, PS4, smartphone, tablets além de cedo os habituar a comer junkfood: comida e bebida de lixo! Muitos ainda se julgam bons pais! A maior parte da humanidade é feliz sendo carneiros bem comportados, sendo-lhes dito o que fazer e como agir.

É tempo de evoluir e deixar de comer tanta porcaria! Não foi para isso que vieram cá à Terra!

oevento.pt/2017/05/09/dieta-de-alta-vibracao/

Crianças infelizes, drogadas e iludidas, que foram tratadas como um número, crescem e se tornam infelizes, excessivamente medicadas e facilmente manipuláveis, criando o mundo louco que estamos vivenciando. As crianças estão esperando o dia em que se vão sentir bem – como o aniversário delas – mas o dia nunca chega. Eles crescem e fazem o que lhes é dito – entrar em dívida enorme para obter uma educação universitária inútil – aprender a ser ofendido (praxes) – se formar como flocos de neve especiais que procuram espaços seguros. Depois de serem protegidos e recebendo propagandas durante toda a sua juventude, eles estão totalmente despreparados para o mundo real dos baixos salários, do trabalho servil e do pensamento para si mesmos. Múltiplas gerações experimentaram este processo desprezível, implementado por aqueles no poder.

Eles entram na idade adulta exatamente como os seus detentores desejam – escravizados em dívidas, dependentes dos meios de comunicação de massa para lhes dizer como pensar – e dependentes do estado para a sua saúde e bem-estar. Eles não sabem como pensar criticamente como os seus brinquedos tecnológicos (da sua infância) e absorção infinita de trivialidades em plataformas de rede social torna-os mais burocráticos a cada minuto. Frank Zappa entendeu o perigo da mídia (comunicação social) de massa há 45 anos com a sua música “I’m the Slime”.

Ele percebeu que o governo e as mega-corporações usavam a TV como uma ferramenta para a sua propaganda, moldando as mentes da nossa juventude, manipulando-as para se adequarem às ideias, opiniões, hábitos e gostos desejados por aqueles que puxam as cordas da sociedade. Zappa não tinha ideia de quanto controlo os fascistas corporativos poderiam aproveitar quando a internet e a mídia social proliferassem em todo o mundo. Combinando o poder do estado de vigilância com os métodos dissimulados do Google, Facebook e Twitter, criou-se um campo de concentração social com guardas armados do governo e corporações guerreiras de justiça social fornecendo a propaganda.

O impacto negativo das redes sociais foi documentado num estudo recente, numa universidade da Ivy League. Aqueles que reduziram o uso da rede social tiveram uma redução significativa na depressão e na solidão. Os dados provaram que gastar horas por dia no Facebook, Instagram, Twitter e outras mídias sociais é prejudicial à saúde mental dos estudantes universitários.

As redes sociais nada mais são do que sinalização de virtude e pavoneamento por pessoas que tentam estimular os seus próprios egos. O narcisismo incessante transmitido pelas pessoas “bonitas” faz com que os outros comparem as suas vidas a esses elitistas egocêntricos superficiais. Quando as pessoas normais passam os seus dias comparando as suas vidas simples, com as falsas e incríveis vidas de egomanias, elas ficam deprimidas e infelizes com as suas próprias vidas.

Até que as pessoas larguem os seus smartphones, passem um tempo vivendo no mundo real com pessoas reais e parem de idolatrar falsos ícones (atores, futebolistas, apresentadores de talk-show, etc), elas se tornarão ainda mais mentalmente instáveis. Isso parece improvável, já que crianças pequenas recebem aparelhos de tecnologia enquanto ainda estão nos seus berços. As massas nunca deixarão de bom grado os seus dispositivos viciados e lidarão com questões reais de uma maneira real.

Até que essa sociedade de selfies sofra uma reversão drástica para a realidade, provavelmente estimulada por uma implosão de dívidas e um conflito civil ou global, as pessoas continuarão a vagar sem pensar pela terra, olhando para os seus telefones inteligentes, ficando mais burras a cada minuto. Essa loucura vai parar quando a sobrevivência diária se torna mais importante do que o último tweet de Cristiano Ronaldo, Cristina Ferreira (apresentadora portuguesa) ou Anitta (cantora brasileira), etc. Até que as pessoas estejam mais preocupadas com o local onde irão obter a próxima refeição do que com o número de pessoas que gostam de postar uma foto da sua última refeição no restaurante, a loucura continuará.

Encontrar velhos amigos para beber e ver como eles sofreram lavagem cerebral pela comunicação social (mídia) e pela classe política é deprimente.

Eu não me adapto a uma sociedade doente, onde os vícios são considerados virtudes, as mentiras são consideradas verdadeiras, o sentimento substitui o pensamento, a ficção passa para o facto, os inimigos são criados para incutir medo e a insanidade é considerada sensata. É um mundo louco e louco, mas eu escolho não ser superado pela loucura. Qual é a sua escolha?

A escolha é começar a subir a sua energia, frequência e vibração, porque brevemente teremos O Evento e poucos serão os escolhidos, confira o artigo abaixo e pense seriamente começar a mudar!

oevento.pt/2018/04/07/o-que-nos-faz-subir-ou-descer-a-nossa-energia-frequencia-e-vibracao/

Q – Nós Somos O Plano

Algo está a acontecer * Alguns entre nós conseguem sentir isso * Este é o momento para expandir o seu pensamento * Você vai ter que rever tudo o que pensava saber sobre o mundo.Após visualizar o vídeo, faça a partilha do mesmo. Está na altura das dezenas de milhares que leiem assiduamente este site, perderem o medo e partilharem pelo menos este artigo que já tem milhões de visualizações nos EUA onde foi produzido.Num futuro próximo teremos energia gratuita para todos; cura para todas as doenças; alimentação com qualidade para todos; a pobreza acabará.Mais detalhes sobre o vídeo em: https://www.oevento.pt/2018/10/20/q-nos-somos-o-plano-o-evento/Adicione este site aos seus favoritos

Publicado por O Evento em Sábado, 20 de outubro de 2018

artigos relacionados:

oevento.pt/2018/11/02/a-maior-parte-da-humanidade-e-feliz-sendo-carneiros-bem-comportados-sendo-lhes-dito-o-que-fazer-e-como-agir/

oevento.pt/2018/10/23/5-tipos-de-pessoas-as-buscadoras-da-verdade-as-submetidas-a-lavagem-cerebral-as-desorientadas-as-poderosas-famintas-as-que-venderam-as-suas-almas/

oevento.pt/2017/05/06/o-que-e-o-evento/

oevento.pt/2017/05/09/dieta-de-alta-vibracao/

oevento.pt/2017/04/20/o-veu-e-a-quarentena/

oevento.pt/2018/04/07/o-que-nos-faz-subir-ou-descer-a-nossa-energia-frequencia-e-vibracao/

oevento.pt/2018/10/15/programacao-humana-emocoes-memorias-e-implantes/

evento.pt/2018/09/29/pedofilia-trafico-de-criancas-rituais-com-assassinatos-projeto-mk-ultra/

oevento.pt/2017/08/19/reencarnacao-contratos-e-porque-somos-obrigados-a-reencarnar/

oevento.pt/2017/04/23/codigo-galactico-galactic-codex/

https://www.facebook.com/oevento.pt/videos/1174510429349949/?t=0

Disclaimer:
1. Os artigos são escritos em português do (Brasil ou de Portugal) ou numa mistura de ambos.

2. Se segue a página do facebook, terá que escolher a opção ver primeiro, caso contrário dificilmente verá as publicações colocadas, devido à restrição a esta página.

3. O autor não usa facebook (raramente), portanto se tiver alguma pergunta, coloque aqui na página (os comentários colocados na página do facebook não serão respondidos: lembre-se, o facebook e youtube fazem parte da Matrix, portanto não passe os dias lá!)

4. Os artigos colocados neste site, são diferentes dos colocados nos meios de comunicação de massas. Não significa que o autor concorda ou discorda com os mesmos. Você deve usar a sua intuição com aquilo que ressoa ou não consigo. Ninguém é dono da verdade absoluta e este site não foge à regra.

Partilhar no Facebook

18 Comments on “Nova APP permite ganhar até 10 euros por hora bastando estar conectado às redes sociais!

    1. Acho que você não entendeu NADA. Entao, melhor escrever sua própria versão da sua loucura ou sanidade, seja lá o que for. Ou simplesmente silenciar para não correr o risco de falar asneiras

  1. Que artigo bom. Parabéns pelo artigo em si e pela publicação dele.
    Em meu simples ponto de vista, de uma pessoa que vivencia a dura realidade no cotidiano, percebo uma desconexão das pessoas consigo mesmas. A falta de inteligência emocional é uma constante. Obviamente não é porque o indivíduo não quer amadurecer emocionalmente, mas porque não consegue quebrar paradigmas pré estabelecidos durante sua vida, seja familiar, escolar, religiosa, midiática… Temos adulto frívolos, fúteis e pensando dentro de caixas. Adultos que carregam consigo o peso de uma lavagem cerebral, intencionalmente provocada, como explica muito bem o artigo.
    No final, somos reféns do todo e de nós mesmos por não conseguirmos enxergar a realidade.
    Sempre digo para mim, “prefiro a verdade, por mais dura que seja”
    A vida pode e deve ser leve, bela e pacífica. Somos à favor da VIDA e jamais do OMminicídeo.
    Novamente, parabéns pelo artigo.
    Namastê

  2. Artigo bom! Com boas reflexões.
    Mas é bom também o meio termo, olhos o todo. A sociedade sempre foi “doente”, em alguns momentos o texto quis dizer que apenas agora estamos assim. Estamos em um caos necessario para que a mudança seja feita. E nem toda criança é infeliz, na verdade existem muitas realidades, e a gente acaba focando naquilo que a gente é internamente, a gente enxerga e se incomoda com o externo com coisas que ainda não ultrapassamos.
    Acredito que todos estão caminhando para a mudança, e na minha humilde opnião a melhor maneira da gente impactar os outros que acreditamos ainda não estarem despertos, é primeiro aceitando eles, aceitando que cada um esta na sua realidade e crescimento.. é sendo quem somos com alegria e amor. Pq isso sim motiva e agrega algo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.