A Lei do Uno - livro 1

A LEI DO UNO – sessão 17 – Colheita – Jesus Cristo – livro Oahspe

Partilhar:

Primeiro, nós estamos agora em quarta densidade. Os efeitos da quarta densidade aumentarão nos próximos trinta anos? Nós veremos mais mudanças no nosso ambiente e no nosso efeito sobre o ambiente? RA: A quarta densidade é um espectro vibracional. O seu continuum espaço/tempo espiralou a sua esfera planetária e sua, o que nós chamaríamos de galáxia, e o que você chama de estrela, nesta vibração. Isto fará com que a esfera planetária em si, realinhe eletromagneticamente os seus vórtices de receção do influxo de forças cósmicas, se expressando como redes vibracionais, para que a Terra seja, então, magnetizada em quarta densidade, como você poderia dizer. Isto ocorrerá com algumas inconveniências, como nós dissemos anteriormente, devido às energias das formas-pensamento das suas pessoas, que perturbam as construções ordenadas dos padrões de energia das espirais de energia da sua Terra, que aumentam a entropia e o calor inutilizável. Isto fará com que a sua esfera planetária tenha algumas ruturas na sua vestimenta externa enquanto se torna apropriadamente magnetizada para a quarta densidade. Este é o ajuste planetário.
Você encontrará um nítido aumento no número de pessoas, como vocês chamam, complexos mente/corpo/espírito, cujos potenciais vibracionais incluem o potencial para distorções da quarta vibração. Então, parecerá existir, digamos, uma nova prole. Estes são aqueles encarnando para trabalho de quarta densidade.
Existirá também um notável aumento, no curto prazo, de complexos mente/corpo/espírito e complexos sociais negativamente orientados ou polarizados, devido às condições de polarização da notável delineação entre as características de quarta densidade e terceira densidade com orientação ao serviço a si.
Aqueles que permanecerem na quarta densidade, neste plano, serão da assim chamada orientação positiva. Muitos virão de outros lugares, pois parece que com todos os melhores esforços da Confederação, que incluem aqueles dos planos interiores das suas pessoas, civilizações interiores e aqueles de outras dimensões, a colheita ainda será bem menor que aquela que esta esfera planetária seria capaz de confortavelmente suportar em serviço.
17.2 É possível ajudar uma entidade a alcançar o nível da quarta densidade, nestes últimos dias? RA: É impossível ajudar outro ser diretamente. Só é possível tornar catálise disponível de alguma maneira, o mais importante sendo a radiação da perceção da unicidade com o Criador a partir de si, menos importante sendo informações, tais como as que compartilhamos com vocês. Nós mesmos não sentimos uma urgência para que esta informação seja amplamente divulgada. É suficiente que nós tenhamos disponibilizado para três, quatro, ou cinco. Esta é uma recompensa extremamente ampla, pois se um destes obtiver entendimento da quarta densidade devido a esta catálise, então, nós teremos cumprido a Lei do Uno na distorção do serviço.
Nós encorajamos uma tentativa não apaixonada de compartilhar informação, sem preocupação com números ou crescimento rápido entre outrem. Que vocês tentem tornar esta informação disponível é, no seu termo, o seu serviço. A tentativa, se alcançar um, alcançará a todos.
Nós não podemos oferecer atalhos para a iluminação. Iluminação é do momento, é uma abertura à infinidade inteligente. Ela só pode ser alcançada pelo self, para o self. Outro self não pode ensinar/aprender a iluminação, mas apenas ensinar/aprender informação, inspiração, ou uma partilha de amor, de mistério, do desconhecido, que faz com que o outro self alcance e comece o processo de busca, que termina em um momento, mas quem pode saber quando uma entidade abrirá o portal para o presente?
17.3 Em meditação, há algumas noites, eu tive a intuição de uma questão sobre uma cratera na Rússia. Eu acredito que era em Tunguska. Você poderia me dizer o que causou esta cratera? RA: A destruição de um reator de fissão causou esta cratera.
17.4 Reator de quem? RA: Isto foi o que você poderia chamar de “sonda” enviada pela Confederação, que teve um mau funcionamento. Ela foi movida para uma área onde a sua destruição não causaria infringimento sobre a vontade de complexos mente/corpo/espírito. Ela foi, então, detonada.
17.5 Qual era o seu propósito ao vir aqui? RA: Era uma sonda desenvolvida para escutar os vários sinais das suas pessoas. Vocês estavam, naquele tempo, começando a trabalhar numa esfera mais técnica. Nós estávamos interessados em determinar a extensão e a rapidez dos seus avanços. Esta sonda era alimentada por um motor de fissão simples como você o chamaria. Não era do tipo que vocês hoje conhecem, mas era bem pequena. Entretanto, tem os mesmos efeitos destrutivos sobre as estruturas moleculares de terceira densidade. Então, como ela teve um mau funcionamento, nós sentimos que seria melhor escolher um lugar para a sua destruição em vez de tentarmos recuperá-la, pois os modos de possibilidade/probabilidade desta manobra pareciam bem, bem mínimos.
17.6 O perigo dela era de ambas explosão e radiação? RA: Existe muito pouca radiação, como você a conhece, neste tipo específico de dispositivo. Existe radiação que é localizada, mas a localização é tal que ela não se espalha com os ventos, como a emissão das suas armas, de certa forma, primitivas.
17.7  acredito que uma análise das árvores naquela área mostrou um baixo nível radioativo. É esta a razão para um nível de radiação tão baixo nas árvores? RA: Isto está correto. A quantidade de radiação é bem localizada. Entretanto, a energia que é libertada é poderosa o suficiente para causar dificuldades.
17.8 Então, a Confederação foi responsável pela Terra receber energia nuclear? RA: É um ponto que não se pode julgar. O que é causa? A equação básica que precedeu este trabalho foi uma equação trazida através de um Andarilho dedicado ao serviço ao planeta. Que este trabalho se tivesse tornado fundação para instrumentos de destruição, não era a intenção e não foi dado.
17.9 Você poderia-me dizer quem foi este Andarilho que trouxe a equação? RA: Esta informação parece inofensiva, já que esta entidade não é mais da sua terceira densidade planetária. Esta entidade foi nomeada, complexo de som vibratório, Albert.
17.11 Você poderia-me dizer se Jesus de Nazaré veio da Confederação antes da encarnação aqui? RA: Aquele conhecido por vocês como Jesus de Nazaré não tinha um nome. Esta entidade era um membro da quarta densidade do mais alto nível daquele sub-octavo. Esta entidade desejava entrar nesta esfera planetária a fim de compartilhar a vibração do amor de forma tão pura quanto possível. Então, esta entidade recebeu permissão para realizar esta missão. Esta entidade foi, então, um Andarilho sem nome, de origens da Confederação, da quarta densidade, representando o entendimento da quarta densidade da vibração do entendimento, ou amor.
17.13 Quando estou-me comunicando com você, como Ra, você é as vezes uma entidade individualizada ou estou conversando com o complexo inteiro? RA: Você fala com Ra. Não existe separação. Você poderia chamar de complexo de memória social, então indicando multiplicidade. Para o nosso entendimento, você está falando com uma porção individualizada de consciência.
17.14 Eu sempre falo com a mesma porção individualizada de consciência, em cada uma das sessões? RA: Você fala com a mesma entidade, através de um canal ou instrumento.
17.15 As pessoas deste planeta, seguindo quaisquer religiões ou nenhuma religião, ou não tendo nenhum conhecimento intelectual da Lei do Uno ou de nada em geral, poderiam ainda ser colhidas para a quarta densidade se elas forem daquela vibração. Isto está correto? RA: Isto está correto. Entretanto, você encontrará poucos, que são colhíveis, cujo brilho não faz com que outros estejam cientes de sua, como você poderia chamar, espiritualidade, a qualidade da distorção do complexo mente/corpo/espírito. Então, não é particularmente provável que uma entidade seria completamente desconhecida, para os seus conhecidos imediatos, como uma personalidade de brilho incomum, mesmo que este indivíduo não seja pego em qualquer uma das suas distorções, dos seus assim chamados sistemas religiosos.
17.16 Quando Jesus de Nazaré encarnou, houve uma tentativa do grupo de Orion de desacreditá-lo de alguma forma? RA: Isto está correto.
17.17 Você poderia-me dizer o que o grupo de Orion fez para tentar causar a sua ruína? RA: A técnica foi aquela de construir sobre outras informações negativamente orientadas. Esta informação foi dada por aquele que as suas pessoas chamavam de “Yahweh”. Esta informação envolveu muitas restrições sobre o comportamento e prometeu poder da terceira densidade de natureza de serviço orientada a si. Estes dois tipos de distorções foram impressos naqueles já orientados a pensar estas formas-pensamento.
Isto, eventualmente, levaria a muitos desafios para a entidade conhecida como Jesus. Eventualmente, levou a um complexo de som vibratório “Judas”, como você chama esta entidade, que acreditava que estava fazendo a coisa apropriada ao trazer sobre ou forçar sobre aquele chamado Jesus, a necessidade de trazer, na distorção de poder de terceira densidade planetária, o domínio de terceira densidade sobre outrem.
Esta entidade, Judas, sentia que, se encurralado, a entidade que vocês chamam de Jesus seria, então, capaz de perceber a sabedoria de usar o poder da infinidade inteligente a fim de dominar outrem. Aquele, que vocês chamam de Judas, estava enganado nesta estimação da reação da entidade Jesus, cujo ensinar/aprendendo não era orientado na direção desta distorção. Isto resultou na destruição do complexo do corpo daquele conhecido como Jesus por vocês.
17.18 Então, se a entidade Jesus era de quarta densidade e existem Andarilhos no planeta hoje que vieram da quinta e sexta densidade, o que foi que Jesus fez que o capacitou a ser tão bom curandeiro, e esses seres de quinta e sexta densidade poderiam fazer o mesmo? RA: Aqueles que curam podem ser de qualquer densidade que tenha consciência do espírito. Isto inclui terceira, quarta, quinta, sexta e sétima. A terceira densidade pode ser uma na qual a cura é realizada tanto quanto as outras. Entretanto, existe mais material ilusório para entender, balancear, aceitar, e para se mover a partir dele.
O portal para a infinidade inteligente pode ser aberto apenas quando um entendimento dos influxos de energia inteligente é aberto até o curandeiro. Estas são as assim chamadas Leis Naturais do seu continuum espaço/tempo local e a sua rede de fontes eletromagnéticas ou ligações de influxo de energia.
Conheça então, primeiro, a mente e o corpo. Então, na medida em que o espírito é integrado e sintetizado, estes são harmonizados num complexo de mente/corpo/espírito que pode se mover entre as dimensões e que pode abrir o portal para a infinidade inteligente, assim curando o self pela luz e compartilhando essa luz com outrem.
A verdadeira cura é simplesmente o brilho do self causando um ambiente no qual a catálise pode ocorrer que inicia o reconhecimento do self, pelo self, das propriedades de autocura do self.
17.19 Como Jesus aprendeu isto durante sua encarnação? RA: Esta entidade aprendeu a habilidade por um meio natural de lembrança numa idade bem jovem. Infelizmente, esta entidade, primeiro, descobriu a sua habilidade de penetrar a infinidade inteligente ao se tornar a distorção que você chama de “bravo” com um amigo. Esta entidade foi tocada pela entidade conhecida como Jesus, por vocês, e foi fatalmente ferida. Então, aquele conhecido como Jesus se tornou ciente que residia nele um terrível potencial. Esta entidade determinou descobrir como usar esta energia para o bem e não para o negativo. Esta entidade era de polaridade extremamente positiva e se lembrou mais que a maioria dos Andarilhos lembra.
17.20 Como esta ação agressiva contra um amigo afetou Jesus no seu crescimento espiritual? Para onde ele foi depois de sua morte física? RA: A entidade, que vocês chamam de Jesus, foi galvanizada por esta experiência e começou uma jornada de busca e procura. Esta entidade estudou primeiramente, dia e noite, nas suas próprias construções religiosas, as quais vocês chamam Judaísmo e aprendeu o suficiente para se tornar um rabino, como vocês chamam os ensinar/aprender deste ritmo ou distorção particular de entendimento, numa idade muito jovem.
Na idade de aproximadamente treze anos e meio dos seus anos, esta entidade deixou a habitação da sua família terrena, como você a chamaria, e andou por muitos outros lugares, buscando mais informações. Isto continuou esporadicamente, até que a entidade tinha aproximadamente vinte e cinco, quando retornou para a habitação da sua família e aprendeu e praticou a arte do seu pai terreno.
Quando a entidade se tornou capaz de integrar ou sintetizar todas as experiências, a entidade começou a falar com os outros e ensinar/aprender o que ela havia sentido ser de uma natureza recompensadora, durante os anos precedentes. A entidade foi carmicamente absolvida da destruição de outro ser, quando ela estava na última porção da sua vida e falou sobre, o que você chamaria de cruz, dizendo, “Perdoai-vos Pai, pois eles não sabem o que fazem.” Em perdão, se encontra a interrupção da roda da ação, ou o que vocês chamam de carma.
17.21 Então,  em qual densidade a entidade conhecida como Jesus reside agora? RA: Esta entidade estuda agora as lições da vibração da sabedoria, a quinta densidade, também chamada de vibração da luz.
17.22 Na nossa cultura, existe um grande provérbio que diz que ele retornará. Você poderia-me dizer se isto está planeado? RA: Eu tentarei resolver esta questão. É difícil. Esta entidade se tornou ciente que não era uma entidade de si mesma, mas operava como um mensageiro do Uno Criador, quem esta entidade via como amor. Esta entidade estava ciente que este ciclo estava na sua última porção e falou com a intenção de que aqueles da sua consciência retornariam para a colheita.
O complexo mente/corpo/espírito em particular, que vocês chamam de Jesus, como o que você chamaria de entidade, não retornará exceto como um membro da Confederação ocasionalmente falando através de um canal. Entretanto, existem outros, de idêntica congruência de consciência, que receberão aqueles na quarta densidade. Este é o significado do retorno.
17.23 Você falou do alívio do carma sendo o perdão. São… são… Estou tendo dificuldades para formular esta questão. Eu acho que deverei retornar a ela. Eu perguntarei esta outra pergunta. Você poderia me dizer porque a Terra será de quarta densidade positiva, em vez de quarta densidade negativa, após o ciclo se completar, já que parece haver uma maior população negativa? RA: A Terra parece ser negativa. Isto é devido ao silencioso, digamos, horror que é a distorção comum que as entidades boas ou positivas têm com relação às ocorrências que são do seu espaço/tempo presente. Entretanto, aqueles orientados e colhíveis nos caminhos do serviço a outrem excedem enormemente aqueles cuja orientação na direção do serviço a si tenha alcançado uma qualidade colhível.
17.24 Em outras palavras, existirão menos entidades negativas sendo colhidas para a quarta densidade que positivas. Isto está correto? RA: Isto está correto. A grande maioria das suas pessoas repetirá a terceira densidade.
17.25 Como Taras Bulba, Genghis Khan, e Rasputin foram colhidos antes da colheita? RA: É um direito/privilégio/dever daqueles abertos conscientemente para o portal da infinidade inteligente a maneira de sua partida da densidade. Aqueles de orientação negativa, que assim alcançam este direito/dever, muito frequentemente escolhem prosseguir no seu ensino/ aprendizado no serviço a si.
17.29 Devo eu entender que a colheita ocorrerá no ano de 2011, ou ela será espalhada? RA: Esta é uma aproximação. Nós declaramos que temos dificuldade com o seu tempo/espaço. Esta é uma ligação tempo/espaço apropriadamente provável/possível para colheita. Aqueles, que não estiverem em encarnação, neste tempo, serão incluídos na colheita. (nota do autor deste site: a colheita deverá ocorrer no período 2025-2030).
17.30 Bem, se uma entidade desejar aprender os caminhos, desejar ser de serviço a outrem, em vez de serviço a si, enquanto está nesta terceira densidade, existem formas melhores de se servir a outrem ou uma forma é tão boa quanto qualquer outra? RA: A melhor maneira de servir a outrem foi explicitamente coberta em material anterior. Nós iteraremos brevemente.
A melhor maneira de servir a outrem é a tentativa constante de buscar compartilhar o amor do Criador, como é conhecido pelo self interior. Isto envolve o autoconhecimento e a habilidade de se abrir a outrem, sem hesitação. Isto envolve, digamos, irradiar aquilo que é a essência ou o coração do complexo mente/corpo/espírito.
Falando com relação à intenção da sua questão, a melhor maneira para cada buscador em terceira densidade de ser do serviço a outrem é única àquele complexo mente/corpo/espírito. Isto significa que o complexo mente/corpo/espírito deve então buscar dentro de si a inteligência do seu próprio discernimento com relação a melhor forma de servir a outrem. Isto será diferente para cada um. Não existe o melhor. Não existe generalização. Nada é conhecido.
17.31 No livro Oahspe, declara-se que se um indivíduo é mais de 50% para outrem – ou seja, é mais de 50% serviço a outrem e é menos que 50% serviço a si, então ele é colhível. Esta é uma declaração correta? RA: Isto está correto se a colheita for para o quarto nível dimensional positivo.
17.32 Qual deve ser a percentagem da entidade, digamos, para ele ser colhido para o negativo? RA: A entidade, que deseja buscar o caminho do serviço a si, deve obter um grau de cinco, ou seja, 5% serviço a outrem, 95% serviço a si. Ela deve aproximar-se da totalidade. O caminho negativo é bem difícil de se obter grau de colheita e requer grande dedicação.
17.33 Porque no caminho negativo é tão mais difícil de se obter grau de colheita que no positivo? RA: Isto é devido à distorção da Lei do Uno que indica que o portal para a infinidade inteligente seja um portal no final de um caminho estreito e limitado, como você poderia chamá-lo. Obter 51% de dedicação ao bem-estar de outrem é tão difícil quanto se obter um grau de cinco por cento de dedicação a outrem. O, digamos, ralo da indiferença está entre estes dois.
17.34 Bem, então se uma entidade é colhida para a quarta densidade com um grau, digamos, de cinquenta e um por cento para outrem, quarenta e nove por cento para si, qual nível da quarta densidade ele iria? Eu presumo que existem diferentes níveis da quarta densidade. RA: Isto está correto. Cada um entra na sub-densidade que vibra de acordo com o entendimento da entidade.
17.35 Quantos níveis nós temos aqui na terceira densidade, neste momento? RA: A terceira densidade tem um número infinito de níveis.
17.36 Eu já ouvi que existem sete níveis astrais e sete níveis devachânicos primários. RA: Você fala de algumas das distinções mais amplas, em níveis, nos seus planos interiores. Isto está correto.
17.37 Bem, quem habita os planos astrais e quem habita os planos devachânicos? RA: Entidades habitam os vários planos de acordo com as suas naturezas vibracionais. Os planos astrais variam de formas-pensamento nas extremidades mais baixas a seres iluminados, que se tornaram dedicados a ensinar/aprendendo, nos planos astrais mais altos.
Nos planos devachânicos, como você os chama, estão aqueles cujas vibrações são ainda mais próximas às distorções primárias do amor/luz. Além destes planos, existem outros.
17.38 Bem, cada um… então… isto é difícil. O nosso plano físico: Existem sete sub-planos no que chamamos do nosso plano físico aqui? RA: Você está correto. Isto é difícil de entender. Existe um número infinito de planos. Na sua distorção de continuum espaço/tempo, em particular, existem sete sub-planos de complexos mente/corpo/espírito. Você descobrirá a natureza vibracional destes sete planos na medida em que passar através das suas distorções experienciais, encontrando outros-selfs dos vários níveis, que correspondem aos centros de influxo de energia do seu veículo físico.
Os planos invisíveis, ou interiores, de terceira densidade, são habitados por aqueles que não são de natureza de complexos de corpos físicos como o seu; ou seja, eles não condicionam os seus complexos de espíritos/mentes a um corpo químico. De qualquer forma, estas entidades são divididas no que você poderia chamar de sonho artificial dentro de um sonho, em vários níveis. Nos níveis superiores, o desejo de comunicar conhecimento de volta para baixo, nos planos exteriores de existência, se torna menor, devido ao intensivo ensino/aprendendo que ocorre nestes níveis.
17.39 Então, é necessário penetrar um plano de cada vez ao nos movermos a partir do que chamamos terceira densidade física através destes planos? RA: É nossa experiência que alguns penetram diversos planos de uma vez. Outros os penetram devagar. Alguns têm ânsia de tentar penetrar os planos mais altos, antes de penetrar as energias dos assim chamados planos mais baixos ou planos mais fundamentais. Isto causa desequilíbrio de energia. Você achará a saúde debilitada, como você chama esta distorção, frequentemente sendo o resultado de uma incompatibilidade de energias nas quais alguns dos níveis de energia mais altos estão sendo ativados pelas tentativas conscientes da entidade, enquanto a entidade ainda não penetrou os centros de energia mais baixos ou sub-densidades desta densidade.
17.41 Neste momento, próximo ao final do ciclo, como são as encarnações no físico permitidas, digamos, neste planeta? RA: Entidades desejando obter experiência criticamente necessária, a fim de se tornarem colhíveis, encarnam com prioridade perante aquelas que irão, sem muita dúvida provável/possível, precisar re-experienciar esta densidade.
17.42 Há quanto tempo isto tem ocorrido, este tipo de alocação? RA: Isto tem ocorrido desde que a primeira entidade individual se tornou consciente da sua necessidade de aprender as lições desta densidade. Isto foi o início do que você poderia chamar de precedência por vibração.
17.43 Você poderia explicar o que quis dizer com precedência por vibração? RA: A precedência por vibração é o tratamento preferencial, digamos, que segue os caminhos da Lei do Uno, que encoraja indivíduos colhíveis, a cada indivíduo, se tornando ciente do tempo de colheita e da necessidade, num nível pessoal, de inclinar mente, corpo e espírito na direção do ensinar/aprendendo destas lições, é dada prioridade, a fim de que esta entidade possa ter a maior chance possível, digamos, de ter sucesso na sua tentativa.

3 de fevereiro de 1981
nota: a expressão Self refere-se ao Eu (pessoa), que nem sempre foi traduzido nos livros.

artigos relacionados:

sessão 18 – Yahweh
sessão 19 – segunda para a terceira densidade
sessão 20 – estátuas da Ilha de Páscoa – segunda densidade
sessão 21 – terceira densidade
sessão 22 – colheita – Atlântida
sessão 23 – Egípcios
sessão 24 – Yahweh
sessão 25 – Quinta Densidade, densidade da luz ou sabedoria

Disclaimer:
1. Os artigos são escritos em português do (Brasil ou de Portugal) ou numa mistura de ambos.
2. Os artigos colocados neste site, são diferentes dos colocados nos corruptos meios de comunicação de massas. Não significa que os autores concordam ou discordam com os mesmos. Você deve usar a sua intuição com aquilo que ressoa ou não consigo. Ninguém é dono da verdade absoluta e este site não foge à regra.

Partilhar:

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments