A Lei do Uno - livro 1

A LEI DO UNO ~ sessão 8 ~ OVNIs não tripulados dos EUA ~ Tesla

Partilhar:

A LEI DO UNO – resumo da sessão 8, uma das mais importantes onde se fala sobre Nicolas Tesla e as naves não tripuladas dos EUA

8.2 Existe uma porção do material de ontem que eu lerei onde você diz “existe uma certa quantidade de pousos sendo realizados. Alguns desses pousos são das suas pessoas; alguns são de entidades conhecidas por vocês como o grupo de Orion”. Minha primeira pergunta é o que você quis dizer por alguns são das suas pessoas? RA: As suas pessoas têm, neste espaço/tempo atual, a conquista tecnológica, se você a chamar assim, de serem capazes de criar e voar a forma e tipo de naves conhecidas por vocês como objetos voadores não identificados. Infelizmente, para a frequência vibratória do complexo de memória social das suas pessoas, estes dispositivos não são utilizados para o serviço à humanidade, mas para uso de potencial destrutivo. Isto atrapalha, ainda mais, o nexo vibratório do seu complexo de memória social, causando uma situação onde nem aqueles orientados ao serviço a outrem, nem aqueles orientados ao serviço a si podem ganhar a energia/poder que abriria o portal para a infinidade inteligente para o complexo de memória social. Isto, por sua vez, faz a colheita ser pequena.

8.3 Estas naves que são das nossas pessoas vieram do que nós chamamos de planos que não estão encarnados neste momento? Onde elas estão situadas? RA: Estas das quais nós falamos são de terceira densidade e são parte dos chamados complexos militares de várias divisões societárias ou estruturas das vossas pessoas. As bases são variadas. Existem bases, como você as chamaria, debaixo do oceano nas suas águas ao sul, próximo das Bahamas e também nos seus mares do Pacífico em vários locais próximos à costa Chilena. Existem bases sobre a lua, como vocês chamam este satélite, que estão atualmente sendo retrabalhadas. Existem bases que estão situadas nas vossas terras. Existem bases, se vocês a chamarem assim, nos vossos céus. Estas são as bases das suas pessoas, bem numerosas e, como nós dizemos, potencialmente destrutivas.

8.4 De onde as pessoas que operam essas naves vêm? São afiliadas a qualquer nação da Terra? Quais são suas origens? RA: Estas pessoas vêm do mesmo lugar que você ou eu. Elas vêm do Criador. Como você quis dizer na pergunta, neste aspecto mais raso, estas pessoas são aquelas, que no seu e noutros governos, são responsáveis pelo que vocês chamariam de segurança nacional.

8.5 Então eu devo entender que os Estados Unidos têm estas naves em bases subaquáticas? RA: Você está correto.

8.6 Como os Estados Unidos aprenderam sobre a tecnologia para construir estes? RA: Existia um complexo mente/corpo/espírito conhecido pelas vossas pessoas pelo complexo de som vibratório, Nikola Telsa. Esta entidade deixou a ilusão e os papéis contendo os entendimentos necessários e foram levados por complexos mente/corpo/espírito que servem o seu complexo de segurança nacional. Então, as vossas pessoas se tornaram privadas da tecnologia básica. No caso daqueles complexos mente/corpo/espírito, que vocês chamam de Russos, a tecnologia foi dada por um da Confederação numa tentativa, há aproximadamente vinte sete dos seus anos (1954), de compartilhar informação e trazer paz para os seus povos. As entidades que deram esta informação estavam equivocadas, mas nós fizemos muitas coisas no final deste ciclo na tentativa de ajudar a sua colheita a partir das quais nós aprendemos a inutilidade de certos tipos de ajuda. Este é um fator que contribui para a nossa abordagem mais cautelosa nesta data, mesmo que a necessidade é potência sobre potência maior e o chamado das vossas pessoas é maior e maior.

8.7 Estou intrigado com o propósito destas naves que nós temos em bases submarinas. Esta tecnologia é suficiente para ofuscar todos os outros armamentos? Nós temos apenas a habilidade de voar nestas naves ou existem armas como… Elas foram dadas a nós ou são apenas naves para transporte? É muito difícil de acreditar no que estou dizendo. RA: As naves, em algumas instâncias, são equivocadamente chamadas assim. Seria mais apropriado considerá-las armamentos. A energia usada é aquela do campo de energia eletromagnética que polariza a esfera terrestre. O armamento é de dois tipos básicos: aquele chamado pelas vossas pessoas de psicotrónico e aquele que é chamado pelas vossas pessoas de raio de partículas. A quantidade de destruição que está contida nesta tecnologia é considerável e as armas têm sido usadas em muitos casos para alterar os padrões climáticos e para aumentar a mudança vibratória que envolve o seu planeta neste momento.

8.8 Como eles foram capazes de manter isto como segredo? Porque estas naves não estão em uso para transporte? RA: Os governos de cada ilusão de divisão societária desejam-se retirar da publicidade para que a surpresa seja mantida em caso de ação hostil do que as suas pessoas chamam de inimigos.

8.9 Quantas destas naves os Estados Unidos possuem? RA: Os Estados Unidos possuem 573 neste momento (1981). Eles estão em processo de aumento desse número.

8.10 Qual a velocidade máxima destas naves? RA: A velocidade máxima destas naves é igual ao quadrado da energia da Terra. Este campo varia. O limite é aproximadamente metade da velocidade da luz, como você a chamaria. Isto se deve a imperfeições do design.

8.11 Estes tipos de naves não resolveriam totalmente, ou chegariam próximo disso, muitos dos problemas de energia no que diz respeito ao transporte?  RA: A tecnologia, que as suas pessoas possuem neste momento, é capaz de resolver cada uma das limitações que infestam o seu complexo de memória social no presente nexo de experiência. Entretanto, as preocupações de alguns dos vossos seres com distorções no sentido do que você chamaria de energia de poder, faz com que estas soluções sejam mantidas em sigilo até que as soluções sejam tão necessitadas que aqueles com a distorção podem, então, se tornar mais distorcidos ainda na direção do poder.

8.12 Ao mesmo tempo que você menciona que alguns dos pousos são das nossas pessoas, você também menciona que alguns são do grupo de Orion. Nós conversamos um pouco sobre o grupo de Orion, mas porque o grupo de Orion pousa aqui? Qual o seu propósito? RA: O seu propósito é conquista, ao contrário daqueles da Confederação, que aguardam pelo chamado. O assim chamado grupo de Orion se convoca para conquistar.

8.13 Especificamente, o que eles fazem quando pousam? RA: Existem dois tipos de pousos. No primeiro, entidades de dentro das suas pessoas são levadas a bordo e programadas para uso futuro. Existem dois ou três níveis de programação. Primeiro, o nível que será descoberto por aqueles que fazem pesquisa. Segundo, um programa de acionamento. Terceiro, um segundo e muito profundo programa de acionamento, cristalizando a entidade, tornando-a sem vida e utilizável como um tipo de retransmissor. Este é um tipo de pouso.
O segundo tipo é de pouso por baixo da crosta terrestre, que é acessível a partir da água. Novamente, na área geral da América do Sul e Caribe e próximo ao assim chamado polo norte. As bases destas pessoas são subterrâneas.

8.14 O que o grupo de Orion tem – qual o objetivo com relação à conquista do grupo de Orion? RA: Como nós dissemos anteriormente, o seu objetivo é localizar certos complexos mente/corpo/espírito que vibram em ressonância com os seus próprios complexos vibracionais e então escravizar os não-elite, como você pode chamar aqueles que não têm a vibração de Orion.

8.15 O pouso de Pascagoula em 1973 quando Charlie Hickson foi levado [a bordo] foi deste tipo de pouso? RA: O pouso do qual você fala foi o que você chamaria de anomalia. Não era nem de influência de Orion, nem de nossas pessoas em forma-pensamento, mas sim uma entidade planetária da sua própria vibração que atravessou a quarentena em toda inocência num pouso aleatório.

8.16 O que eles fizeram com Charlie Hickson quando o levaram a bordo? RA: Eles usaram a experiência de vida do seu complexo mente/corpo/espírito, concentrando nas experiências dos complexos que vocês chamam de guerra.

8.17 Como eles a usaram? RA: O uso da experiência é para aprender. Considere uma raça que assiste a um filme. Ela vivencia uma história e se identifica com os sentimentos, perceções e experiências do herói.

8.18 Charlie Hickson é originário do mesmo complexo de memória social que aqueles que o pegaram? RA: Esta entidade de complexo de som vibratório não tinha uma conexão com aqueles que o usaram.

8.19 Aqueles que o usaram, usaram as suas experiências de guerra para aprender mais sobre a Lei do Uno? RA: Está correto.

8.20 As entidades que o escolheram – você pode descrever… aquela é a configuração normal destas entidades? RA: A configuração dos seus seres é sua configuração normal. A falta de similaridades não é grande. Nós mesmos, quando escolhemos uma missão entre as suas pessoas, precisamos estudar as suas pessoas, pois se tivéssemos chegado em nenhuma outra forma que não a nossa própria, teríamos sido percebidos como luz.

8.21 Bem, de qual densidade vieram as entidades que pegaram Charlie Hickson? Qual era a densidade delas? RA: As entidades pelas quais você demonstra tal interesse são seres de terceira densidade de ordem bem alta. Nós devemos expressar o entendimento a vocês que estas entidades não teriam usado o complexo mente/corpo/espírito Charlie, se não fosse pela decisão desta entidade, antes da sua encarnação, de se colocar à disposição para servir.

8.22 Qual é o lar ou origem das entidades que levaram Charlie? RA: Estas entidades são da galáxia de Sirius.

8.23 A informação mais espantosa que você me deu, na qual eu devo admitir ter dificuldade para acreditar, é que os Estados Unidos possuem 573 naves, como você descreveu. Quantas pessoas do nosso governo estão cientes que nós temos estas… quantas pessoas no total nos Estados Unidos estão cientes disso, incluindo aquelas que operam as naves? RA: O número de suas pessoas variam, pois existem necessidades de comunicarem neste nexo tempo/espaço particular, então o número está-se expandindo neste momento. O número aproximado é de 1500. É apenas aproximado pois enquanto seu continuum ilusório de espaço/tempo se move de presente a presente, neste nexo, muitos estão aprendendo.

8.24 Onde estas naves são construídas? RA: Estas naves são construídas, uma a uma, em duas localidades: no deserto ou regiões áridas do seu assim chamado Novo México e no deserto ou regiões áridas do seu assim chamado, México, ambas as instalações sendo no subsolo.

8.25 Você diz que os Estados Unidos na verdade possuem uma indústria de manufatura (produção) no México? RA: Assim o disse. Devo, neste momento, reiterar que este tipo de informação é bem rasa e sem nenhuma consequência particular se comparada ao estudo da Lei do Uno. Entretanto, nós cuidadosamente observamos estes desenvolvimentos na esperança de que suas pessoas possam ser colhidas em paz.

8.26 Eu estou totalmente consciente de que esta linha de questionamento não tem importância alguma, mas esta informação particular é tão espantosa para mim que me faz questionar a sua validade a esse respeito. Até este ponto, eu estava em concordância com tudo. Isto é muito espantoso, e não parece possível que este segredo tenha sido mantido por vinte e sete anos e que nós estamos operando estas naves. Eu peço desculpas por minha atitude, mas eu acho que devo ser bem honesto com relação a isto. É inacreditável para mim que nós iríamos operar uma fábrica no México, fora dos Estados Unidos, para construir estas naves. Talvez eu esteja errado. Estas naves são naves físicas construídas por nossas pessoas físicas? Eu poderia ir dar uma volta em uma delas? Está correto? RA: Isto está incorreto. Você não poderia andar numa. Os Estados Unidos, como você chama o seu complexo de sociedade divisional, as criam como um tipo de arma.

8.27 Não existem ocupantes então? Nenhum piloto, devo dizer? RA: Está correto.

8.28 Como elas são controladas? RA: Elas são controladas por computador a partir de uma fonte de dados remota.

8.29 Porque temos uma fábrica no México? RA: A necessidade é tanto por secura do solo, quanto por ausência quase total de população. Portanto, o seu assim chamado governo e o assim chamado governo do seu vizinho geográfico providenciaram uma instalação subterrânea. Os oficiais do governo que concordaram, não sabiam do uso ao qual a vossa terra seria submetida, pois pensavam que uma instalação de pesquisa governamental para uso no que vocês chamariam de guerra bacteriológica.

8.30 É este o tipo de nave na qual Daniel Frye foi transportado? RA: Aquele conhecido como Daniel foi, em forma-pensamento, transportado pela Confederação numa ilusão veicular de forma-pensamento, de forma a fornecer ao seu complexo mente/corpo/espírito dados para que pudéssemos ver como este tipo de contacto ajudaria as suas pessoas no descobrimento da infinidade inteligente por trás da ilusão dos limites.

8.31 Seria possível para qualquer um de nós ter um contacto mais direto com a Confederação? RA: Ao observarmos as distorções daqueles que foram submetidos a esta sequência experimental, nós decidimos por gradualmente nos retirar, devo dizer, do contacto direto em forma-pensamento. A distorção menor parece estar disponível em comunicação mente-a-mente.

8.32 A razão pela qual eu perguntei tanto sobre as naves, que você diz que o governo dos Estados Unidos operam, é que se nós incluirmos isto no livro, serão criados inúmeros problemas. É algo que estou considerando deixar totalmente fora do livro, ou eu terei que questioná-lo em detalhes consideráveis sobre o assunto. É difícil até perguntar nesta área, mas eu gostaria de perguntar mais algumas coisas sobre isso, mesmo com a opção de deixarmos de fora do livro. Quais os diâmetros das naves que os Estados Unidos? RA: O diâmetro aproximado, dadas as diversas variações de modelo, é de sete dos seus metros, como vocês medem.

26 de janeiro de 1981
nota: a expressão Self refere-se ao Eu (pessoa), que nem sempre foi traduzido nos livros.

Outros Artigos:

sessão 9 – Marte
sessão 10 – Maldek; Atlântida
sessão 11 – Nikola Tesla – Orion e o serviço a si próprio
sessão 12 – Andarilhos
sessão 13 – Universo – Densidades
sessão 14 – Pirâmides – Colheita – Densidades
resumo do livro “A lei do Uno” e os 5 livros em .pdf

Disclaimer:
1. Os artigos são escritos em português do (Brasil ou de Portugal) ou numa mistura de ambos.
2. Os artigos colocados neste site, são diferentes dos colocados nos corruptos meios de comunicação de massas. Não significa que os autores concordam ou discordam com os mesmos. Você deve usar a sua intuição com aquilo que ressoa ou não consigo. Ninguém é dono da verdade absoluta e este site não foge à regra.

Partilhar:

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments