Forum

Por favor <u><a class="login-link" href="https://www.oevento.pt/wp-login.php?redirect_to=https%3A%2F%2Fwww.oevento.pt%2Fforum%2Ftopic%2Frevelacoes-illuminati-8-partes-artigo%2F%3Fpart%3D1">Iniciar sessão</a></u> ou <u><a class="register-link" href="https://www.oevento.pt/wp-login.php?action=register">Registo</a></u> para criar artigos e tópicos

Revelaçoes Illuminati - 8 partes (artigo)

Boa noite companheiros de jornada!

 

Há um bom tempo que nada posto no fórum nem comento artigos, limitando me a ler os artigos postados no site e a fazer o que acredito que boa parte faz, aprender e pegar no que faz sentido para interiorizar na minha verdade.

Aqui há dias vi nos comentários que existe um "artigo" dividido em 8 partes que explica muito bem determinadas coisas que não sabemos e nos deixam muitas dúvidas.. Sobretudo sobre os illuminati e o que está por trás deles..

 

Acabei agora de ler a parte 7 de 8.

 

Gostava de obter o feedback de quem já leu estas 8 partes e trocar umas ideias.

Se o local para escrever este post no fórum não for o local ideal, desde já as minhas desculpas!

Saudações a todos e não desfazendo ninguém, um abraço especial ao Sr. Álvaro, que é 5 estrelas! 😉

 

 

AlvaroBarriaMaio reagiu a este artigo.
AlvaroBarriaMaio
Citação de Rodrigo em 23 Maio, 2022, 0:24

Boa noite companheiros de jornada!

 

Há um bom tempo que nada posto no fórum nem comento artigos, limitando me a ler os artigos postados no site e a fazer o que acredito que boa parte faz, aprender e pegar no que faz sentido para interiorizar na minha verdade.

Aqui há dias vi nos comentários que existe um "artigo" dividido em 8 partes que explica muito bem determinadas coisas que não sabemos e nos deixam muitas dúvidas.. Sobretudo sobre os illuminati e o que está por trás deles..

 

Acabei agora de ler a parte 7 de 8.

 

Gostava de obter o feedback de quem já leu estas 8 partes e trocar umas ideias.

Se o local para escrever este post no fórum não for o local ideal, desde já as minhas desculpas!

Saudações a todos e não desfazendo ninguém, um abraço especial ao Sr. Álvaro, que é 5 estrelas! 😉

Caríssimo Rodrigo seja bem retornado a este fórum, espaço que em boa hora foi criado pois gerou um óbvio entusiasmo mas que gradualmente se foi esvaziando ficando apenas praticamente eu por aqui (rs).

Não vem ao caso adiantar o que já se disse sobre quais os motivos mas um deles, naturalmente, foi o de que o pessoal limitou-se a abrir espaços por aqui mas nem pensou se teria condições de os manter, que foi problema que nunca tive pois sabia exactamente que teria condições para tal. E é o que tenho feito, ultimamente com alguma malabarismo e imaginação mas nada de complicado, estou até a bem apreciar esta nova fase (rs).

Portanto, caríssimo, eis que chega você, renascido das cinzas, com um novo tópico que acontece não ser propriamente uma novidade pois com essa designação já havia este, aberto pelo usuário Rogério Tigre/Rygar86, que incompreensivelmente, logo o desconsiderou tendo sido eu a aguentá-lo por uns tempos e tendo aproveitado deixar-lhe alguns complementos que achei de interesse , conforme pode verificar, caso não o tenha feito já. https://www.oevento.pt/forum/topic/cartilha-iluminati-os-protocolos-dos-sabios-de-siao/

Vem agora saber quem esta interessado em trocar ideias a propósito do conteúdo da entrevista em 8 partes de um insider illuminati.

Pois bem e antes de mais, essa extensa entrevista já tem uns anos (2008) e apesar de muito do que aí é exposto e denunciado ser ainda para muitos, sobretudo os mais novos, totalmente desconhecido e até mesmo incompreensível em certos aspectos, já está desactualizado e até descontextualizado, e ser já tema por demais batido e rebatido em todas as suas muitas versões e variantes.

Por outro lado e como também o deixei expresso por mais de uma vez, já tudo foi visto, dito, redito e escrito e e estar por conseguinte tudo consumado só faltando vir a ser consumido, o que decerto não tardará acontecer (rs).

Há sim portanto, que aproveitar o imenso manancial informativo que está disponível na nossa língua, muito pela prestimoso e esforçado empenho de responsáveis de sites como esse, thoth3126, d'aonde aproveito lhe dar conta de mais essa entrevista que decerto desconhece, em 4 partes, mas que eu copiei e editei em duas, só o que interessava, como aliás tenho feito a alguns outros artigos dessa importante biblioteca itinerante, que recomendo. 

OS ARQUIVOS LACERTA – REPTILIANOS DO I NTERIOR DA TERRA 1/2

https://mega.nz/file/B4wzXaIS#67N38q-aXcFW78tszq7hKYFRGRpXXkpO4X0A2djwFcg

https://mega.nz/file/woYRWYoQ#JiGjNpxPM_j0Xe-2cZwlofAgiIz-Iweu6o73pfcFdMM

E pronto, caríssimo, fico por aqui deixando a porta aberta para eventuais acrescentos apesar de ter já aqui com que me entreter (rs)

Saudações Luminosas e até...

 

Rodrigo reagiu a este artigo.
Rodrigo

Olá Sr. Álvaro!

Obrigado pela recepção e pela sua resposta.

Começando de baixo para cima, já fiz o dl dos docs q deixou aí através dos links e vou lê-los.

Quanto à questão da entrevista de 2008 desse insider illuminati, o que deixo aqui é: Sendo credíveis essas palavras, estarão assim tão desactualizadas da realidade? Se durante milénios foi assim, porque é que em 14 anos deixariam de estar minimamente actualizadas?

Foi dos poucos artigos que fez algum sentido para mim, do que leio ultimamente, fez me parecer algo com nexo.. Mas ainda assim ficam as minhas dúvidas  e por isso gostava que me pudesse explicar um pouco melhor.

Surgiu me outra dúvida, agora relativamente a esse site, thoth3126. É um site credível? Claro que devemos ter cuidado com todas as informações e reter apenas o que faz sentido para nós.. Mas aproveito e pergunto qual a sua opinião a respeito do mesmo.

 

Obrigado Sr. Álvaro, tudo de bom.

 

Abraço

Citação de Rodrigo em 24 Maio, 2022, 11:19

Olá Sr. Álvaro!

Obrigado pela recepção e pela sua resposta.

Começando de baixo para cima, já fiz o dl dos docs q deixou aí através dos links e vou lê-los.

Quanto à questão da entrevista de 2008 desse insider illuminati, o que deixo aqui é: Sendo credíveis essas palavras, estarão assim tão desactualizadas da realidade? Se durante milénios foi assim, porque é que em 14 anos deixariam de estar minimamente actualizadas?

Foi dos poucos artigos que fez algum sentido para mim, do que leio ultimamente, fez me parecer algo com nexo.. Mas ainda assim ficam as minhas dúvidas  e por isso gostava que me pudesse explicar um pouco melhor.

Surgiu me outra dúvida, agora relativamente a esse site, thoth3126. É um site credível? Claro que devemos ter cuidado com todas as informações e reter apenas o que faz sentido para nós.. Mas aproveito e pergunto qual a sua opinião a respeito do mesmo.

Obrigado Sr. Álvaro, tudo de bom.

Abraço

Caríssimo, tem razão quanto a essa entrevista, não há dúvida de que é um documento deveras relevante e, diria mesmo, único no género pela extensiva e pormenorizada exposição dos bastidores para além de...

Mas é no contexto para aquém de...,, isto é, no que é dito e afirmado quanto aos supostos acontecimentos que nesse tempo se passavam nos bastidores das politicas, nomeadamente dos states, bastando cingir-me apenas ao primeiro artigo no qual se fala da demolição da bolsa de valores, das dúvidas quanto às eleições presidenciais, Obama, McCain, etc, etc, sendo por causa desses apartes é que, não tendo acontecido nenhuma dessas hipóteses, pelo menos no que ficou registado, é que se pode falar em desactualização e mesmo descontextualização.

Mas tirando esses apartes, esse é um daqueles assuntos que deixa marca, pois supostamente se está a lidar com alguém que não é humano, não ficando esclarecido de que origem, mas muito provavelmente deverá ser da mesma linhagem (ou relacionada), da Lacerta, daí eu lhe ter mandado essa outra inédita e impactante entrevista.

Portanto, ao que tudo indica esse pessoal é o que está por detrás das elites humanizadas, entre as quais se configuram, grosso modo, os illuminatis, Rothschilds, Rockfellers e demais camarinha, que o jornalista Fulford apelida e muito bem, de Mafia Khazariana, pois foi nessa região que teve, ao que agora se tem mais aprofundado conhecimento, origem essa linhagem satânica.

E mais não adianto, deixo-lhe desta vez mais um documento relacionado que extraí do site thoth3126 no qual se confirma a origem dessa raça supostamente judaica e volto a insistir que acesse o link do tópico Cartilha Illuminati... pois a 3 de abril 21, nos complementos que deixei, incluí o ebook A SINAGOGA DE SATANÁS do escritor Andrew Washington que recomendo leia com atenção, pois aí está exposto em pormenor o essencial dessa linhagem e aparentados. 

E quanto a esse site, como pode constatar pois me sirvo bastante dele como suporte e já desde há um bom tempo, é um dos que considero mais completos e abrangentes, uma biblioteca itinerante, como disse, pois seu responsável tem caprichado por ser o mais fiável que possa, sendo a melhor garantia a de sempre linkar as fontes dos artigos principais, para além das que faz ao longo do texto, muitas vezes até para infopédias e relacionados, para além da mais valia que é a qualidade das suas traduções. Se pesquisar por qualquer desses itens (via google), terá farta e variada informação, tendo em atenção que a responsabilidade das escolhas e selecções que fizermos é sempre e exclusivamente de nossa conta, portanto...!

Saudações Luminosas e até...

https://mega.nz/file/BpYnwa4J#5HOy_RO9XrCdBQ7AC05sITsZewqCiF4mw0gSevxS520

Boa tarde Sr. Álvaro!

Primeiramente e para nos organizarmos, step by step ehehe

  1. Ainda nao dei essa checkada no tópico da Cartilha illuminati, mas irei fazê-lo.
  2. Li as 2as partes do artigo que enviou do contacto com a Lacerta e o que retiro daí, tal como os outros artigos que já li, bem como fazendo uma "q.b." comparação com as revelações do insider illuminati, há um ponto comum que destaco. (Devemos desenvolver a nossa percepção do que conhecemos, estando abertos ao desconhecido e desenvolver cada vez mais, aceitando que pouco ou muito pouco sabemos sobre a existência, pelo menos neste plano em que vivemos e da forma como vivemos. O que me leva concluir que o trabalho principal a ser feito é a investigação interna em nós mesmos para o seu desenvolvimento.
  3. Confesso que houve coisas que li no artigo da Lacerta que me levou muito a ficção, mas ao mesmo tempo não colocando em causa, acredito serem possíveis. Contudo levanta a questão de que dos poucos/alguns contactos e transcrições que se vão tendo/fazendo, parece que há sempre uma história um pouco diferente da nossa origem.
  4. Agradeço o feedback que me deu tanto do artigo do insider illuminati como do site thoth3126, o qual irei ter em consideração e ler uns artigos por mera curiosidade ehehe
  5. Haverá alguma relação da "marioneta Hitler" querer exterminar os Judeus na altura, com as conclusões do cientista, referentes à proveniencia da raça Judaica?

Abraço

AlvaroBarriaMaio reagiu a este artigo.
AlvaroBarriaMaio
Citação de Rodrigo em 25 Maio, 2022, 17:45

Boa tarde Sr. Álvaro!

Primeiramente e para nos organizarmos, step by step ehehe

  1. Ainda nao dei essa checkada no tópico da Cartilha illuminati, mas irei fazê-lo.
  2. Li as 2as partes do artigo que enviou do contacto com a Lacerta e o que retiro daí, tal como os outros artigos que já li, bem como fazendo uma "q.b." comparação com as revelações do insider illuminati, há um ponto comum que destaco. (Devemos desenvolver a nossa percepção do que conhecemos, estando abertos ao desconhecido e desenvolver cada vez mais, aceitando que pouco ou muito pouco sabemos sobre a existência, pelo menos neste plano em que vivemos e da forma como vivemos. O que me leva concluir que o trabalho principal a ser feito é a investigação interna em nós mesmos para o seu desenvolvimento.
  3. Confesso que houve coisas que li no artigo da Lacerta que me levou muito a ficção, mas ao mesmo tempo não colocando em causa, acredito serem possíveis. Contudo levanta a questão de que dos poucos/alguns contactos e transcrições que se vão tendo/fazendo, parece que há sempre uma história um pouco diferente da nossa origem.
  4. Agradeço o feedback que me deu tanto do artigo do insider illuminati como do site thoth3126, o qual irei ter em consideração e ler uns artigos por mera curiosidade ehehe
  5. Haverá alguma relação da "marioneta Hitler" querer exterminar os Judeus na altura, com as conclusões do cientista, referentes à proveniencia da raça Judaica?

Abraço

Caríssimo, desta vez o que começo por destacar é o que vc próprio destaca no 2º step, pois nesse postulado se encerra o essencial do que, enquanto personagens em trânsito neste teatro de superfície, o que nos é dado conhecer e perceber do que julgamos que acontece como realidade à nossa volta, é tão só o que nossos sentidos básicos reconhecem, vêem e sentem de modo directo e palpável. Tudo o mais nos chega por vias terceiras sendo as virtuais sobretudo as tecnológicas as que predominam de modo cada vez mais intenso, invasivo e condicionador, não dando praticamente espaço às demais alternativas.

Daí lhe perguntar, o que é realidade e o que é ficção, se nosso subconsciente não tem como fazer tal distinção que é atributo da consciência desperta, que por sua vez é condicionada pelas mil e uma convenções, tradições, dogmas, etc, de cada região/país, para além das globalizadas que estão passando a ser as que todos terão de cumprir e seguir.

Portanto, caríssimo, aproveite as imensas vantagens de ter tudo ainda à mão de semear (como aqui se diz) e leia, veja, ouça, etc , o que achar valer a pena de todo este manancial sem se ater se é real ou ficcional, pois o que importa é precisamente o que o leva a concluir ser o trabalho principal a ser feito, que é a investigação interna em nós mesmos para o nosso desenvolvimento e que essa investigação possa assim agregar de proveitoso, substantivo e positivo à base de dados, o que será determinante para aquilatar qual o nível da frequência vibracional, que terá o humano cósmico quando se desligar deste patamar dimensional.

E a propósito desse assunto, aproveito para lhe deixar mais um link, desta vez para um blog que decerto já deve ter reparado pois não é tema novo por aqui, tendo sido recentemente até motivo de intercâmbio com um outro usuário.

Curioso é que seu responsável entretanto, desde essa altura, procedeu a alterações nesse seu espaço, que quanto a mim ficou a perder em relação à arrumação anterior, mas isso não é de minha conta, pois o que interessa é o seu conteúdo, que considero ser único no género, pois na nossa língua não conheço nenhum idêntico, sendo um dos que sigo há já um bom tempo, também. E o interessante é que o último artigo tem a ver portanto, com a complexidade das dimensões, que vão muito para além de nossa compreensão como terráqueos confinados provisoriamente a esta 3ª  (conforme é assim genericamente considerada). E não será preciso adiantar que decerto tirará bom entendimento dessas 'realidades mais reais que a ficção' e que se passam aqui tão perto embora tão longe na compreensão da maioria.

Quanto à sua última questão, o que lhe adianto é que não vale a pena adiantar nada (rs), pois como se está neste fim de ciclo a TUDO questionar e revisar, o melhor é deixar as coisas rolar e aguardar no que isto vai dar, se possível o mais longe que se puder estar... (que é aonde eu estou, por sinal, rs).

https://www.apometriauniversalista.org/blog

Saudações Luminosas e até...

Rodrigo reagiu a este artigo.
Rodrigo

Boa tarde Sr. Álvaro,

 

Bem, podemos resumir entao que o único foco que devemos ter seja o nosso auto desenvolvimento para uma melhoria continua.

Por vezes questiono-me se vale realmente a pena em certo ponto. Olho para a vida como uma aprendizagem através das inumeras tarefas e desafios que vamos tendo enquanto por cá andamos e que à medida que vamos evoluindo vamos subindo uns degraus.. O objectivo chegar ao fim da escadaria, lá bem a cima... Mas depois com as informações diversas penso, será que realmente vale a pena? Digo, se formos mesmo um produto geneticamente trabalhado por raças superiores e se não existir um "Deus" como o que acreditamos que nos quer acolher junto dele, chegando à fonte passo a passo, então do que adianta sermos bons e fazer o bem? Se formos mesmo desenvolvidos por raças mais desenvolvidas, toda esta história de evoluir no bem parece me nao fazer muito sentido. Não sei o que acha a respeito e desviando-me um bocado do que estávamos a falar directamente.

 

Já dei uma vista de olhos no site, parece me muito interesasnte, terei que ver com mais calma e tempo, inclusive alguns videos do youtube que são grandes. Obrigado pela partilha.

 

Abraço

AlvaroBarriaMaio reagiu a este artigo.
AlvaroBarriaMaio
Citação de Rodrigo em 26 Maio, 2022, 19:47

Boa tarde Sr. Álvaro,

 

Bem, podemos resumir entao que o único foco que devemos ter seja o nosso auto desenvolvimento para uma melhoria continua.

Por vezes questiono-me se vale realmente a pena em certo ponto. Olho para a vida como uma aprendizagem através das inumeras tarefas e desafios que vamos tendo enquanto por cá andamos e que à medida que vamos evoluindo vamos subindo uns degraus.. O objectivo chegar ao fim da escadaria, lá bem a cima... Mas depois com as informações diversas penso, será que realmente vale a pena? Digo, se formos mesmo um produto geneticamente trabalhado por raças superiores e se não existir um "Deus" como o que acreditamos que nos quer acolher junto dele, chegando à fonte passo a passo, então do que adianta sermos bons e fazer o bem? Se formos mesmo desenvolvidos por raças mais desenvolvidas, toda esta história de evoluir no bem parece me nao fazer muito sentido. Não sei o que acha a respeito e desviando-me um bocado do que estávamos a falar directamente.

 

Já dei uma vista de olhos no site, parece me muito interesasnte, terei que ver com mais calma e tempo, inclusive alguns videos do youtube que são grandes. Obrigado pela partilha.

 

Abraço

Caríssimo, não há dúvida de que é isso mesmo o que se pode resumir, ter como foco, seja em área de nossa vida for, o objectivo de incrementar o melhor e mais elevadamente possível o autodesenvolvimento para uma melhoria contínua. E estando nós já num nível para lá da mera sobrevivência, beneficiando de benesses familiares, sociais e profissionais que nos permitem e facilitam a diversificação de um amplo leque de conhecimentos e informações, seria de lamentar não tirar de todas essas vantagens a enorme capacidade que nos é inerente como seres cósmicos e imortais de nos expandirmos para além das limitações e condicionamentos desta condição passageira.

Mas acaba por se questionar se em certo ponto valerá a pena e o que lhe digo é que é uma pena assim pensar pois, glosando o grande poeta Pessoa, TUDO VALE A PENA SE A ALMA NÃO É PEQUENA. E dessa certeza todos aqueles que se consideram despertos não deveriam jamais duvidar, não acha?

É certo que, conforme temos conhecimento por variadíssimas fontes, sobretudo Zecharia Sitchin, fomos em muitos aspectos geneticamente modificados, mas a verdade é que essas alterações foram feitas por seres não humanos com capacidades e tecnologias bem para além de nosso entendimento e se hoje a que aqui foi sendo incrementada e desenvolvida já avançou a tal ponto que se consegue alterar e manipular geneticamente quase tudo quanto vive por aí, a verdade é que toda essa parafernália precisa de estar sempre em constante actualização não dando aso a garantir benefícios sustentados a médio e longo prazo, servindo apenas para colmatar o imediato e ir iludindo o pessoal.   

E nada mais adianto, deixo-lhe sim, algo mais com que se entreter, desta vez informações a propósito desse tal pessoal que por aqui andou a fazer das suas e que acabou por ser corrido pela bagunçada gerada, tendo no entanto deixado descendência híbrida camuflada que são aqueles que poderemos definir como Arcontes, dentre os quais se suplantam os degenerados negativados, que são os que controlam nos bastidores toda esta cáfila de mafiosos.

Este é o link para um artigo do site de Rodrigo Romo no qual apresenta um vídeo editado e gerado por voz virtual que uma moça gravou de modo camuflado, numa das suas palestras. https://rodrigoromo.com.br/2014/03/10/enki-de-nibiru/

E este é o link para o livro escrito por uma canalizadora sobre um outro elemento dessa família de Nibiru, Inanna.

https://mega.nz/file/cx40SSib#a5U5LStLV5rJ08huXKpLqCH83qm4hmeUVr31zgocKv0

Saudações Luminosas e até...

pedromanuel reagiu a este artigo.
pedromanuel

Boa noite Sr. Álvaro,

 

Concordo plenamente com o seu primeiro parágrafo. Faz todo o sentido, claramente.

 

A dúvida surge no seguimento de diversas situações que nos colocam a dúvida sobre o facto de que se ser bom compensa, num mundo onde cada vez menos certezas temos da nossa origem e do que é realmente o bem e o mal, não no sentido de consciencia do que aprendemos, mas da nossa origem e da nossa jornada, ou seja, que penalizações, que problemas podemos ou não ter derivados daí. É uma questão que se coloca talvez por perder um pouco a fé naquilo que tenho aprendido como sendo verdade e achar que de alguma forma somos meros peões de um sistema que é apenas o que é, neste caso, controlado por outros superiores a nós e que ser bom ou mau, nao beneficia nem prejudica. Contudo e mais importante que isso, devemos sentirmo-nos bem connosco e isso geralmente acontece quando somos "bons", logo, já nos dá uma directriz.

 

Irei dar uma vista de olhos, com olhos de ver no artigo do Rodrigo Romo, que já ouvi falar, tanto da sua credibilidade como informação de qualidade. Agradeço pela partilha.

 

Um forte abraço e uma excelente semana.

AlvaroBarriaMaio reagiu a este artigo.
AlvaroBarriaMaio