covid-19, Notícias

Kiwi, laranja e frutos vermelhos testam positivo à COVID-19 em laboratório

Partilhar no Facebook

Há pouco mais de 2 semanas, no parlamento Austríaco um copo de Coca-Cola, testou positivo à Covid-19.

No Parlamento Austríaco, Coca-cola fez teste à COVID-19 e deu positivo

De seguida, o Fact-Checking veio desmentir esta notícia, alegando que o deputado em causa não tinha habilitações para efetuar aquele teste; o ambiente não era adequado e que no vídeo não era possível ver o resultado.

Desta vez fizeram-se novos testes mas num laboratório de Fermo (Italia), que tinha como objetivo avaliar a presença do coronavírus nestes alimentos: kiwi, laranja, frutos vermelhos, banana, uva, tangerina, pêra, abóbora, couve e sumo de fruta.

O vídeo é extenso e sem cortes e no qual se destaca o seguinte:

Descrição:

  • min. 01:24 – 05:43 apresentação do pessoal e descrição do teste
  • min. 05:44 – 30:29 fase de teste
  • min. 30:30 – 31:19 apresentação resultados
  • min. 34:40 – 34:47 deputado austríaco apresenta Coca-Cola positiva.

Resultados:

  • o kiwi (17:07), a laranja e os frutos vermelhos deram positivos.
  • uva, banana e tangerina deram resultados incertos. É preciso referir que se fossem feitos num laboratório convencional, os mesmos teria, dado positivo conforme indicam os doutores no vídio.
  • pêra, abóbora, couve e sumo de fruta deram negativo.
kiwi, laranja e frutos vermelhos testam positivo à COVID-19

Desta vez, este laboratório usou todos os procedimentos corretos, visto ter sido feito por pessoas habilitadas, o dr. Mariano Amici e Stefano Scoglio.

Dr. Mariano Amici, médico cirurgião italiano

Veremos qual será a análise dos Fact-Checking nos próximos dias!

Dr. Mariano Amici com o Papa João Paulo II

Dr. Stefano Scoglio foi candidato ao prémio Nobel da Medicina em 2018 e tem desmascarado esta falsa pandemia.

Stefano Scoglio

Desta vez colocamos fotos dos médicos para não suceder o que aconteceu com este artigo que o Fact-Checking português SIC Polígrafo considerou como falso e disse que o médico Dr. Roger Hodkinson em questão, provavelmente nem existia:

Médico destrói “histeria pública totalmente infundada” sobre a COVID-19

Normalmente quando não encontram nada, omitem a informação. Seria importante que este artigo fosse partilhado, para se tornar viral.

Itália tem sido um dos países que mais está contra esta FALSA PANDEMIA. Em abril, a deputada Sara Cunial acusou Bill Gates de crimes contra a humanidade:

Deputada Italiana pede prisão de Bill Gates por crimes contra a humanidade

O Fact-Checking Polígrafo SIC rapidamente veio considerar as afirmações como falsas.

Também o deputado italiano Vittorio Sgarbi e o Dr. Giampaolo Palma tinham posto em causa esta pandemia:

FALSA PANDEMIA: diagnósticos, terapias e autópsias erradas

Também o Fact-Checking apressou-se a desmentir esta notícia.

Recorde-se ainda sobre as vacinas, que ninguém pode ser vacinado sem o seu consentimento, nem tão pouco pode ser prejudicado por tomar essa opção:

UNESCO artigo 6: ninguém pode ser vacinado sem o seu consentimento

Este artigo da UNESCO conta já com 26.252 partilhas e não foi desmentido pelos corruptos Fact-Checking.

Por último, vamos aguardar as medidas que vão ser tomadas contra os kiwis, laranjas? Será que os mesmos podem permanecer juntos? Será que serão obrigados a usar máscara?

FIM

Disclaimer:
1. Os artigos são escritos em português do (Brasil ou de Portugal) ou numa mistura de ambos.
2. Os artigos colocados neste site, são diferentes dos colocados nos corruptos meios de comunicação de massas. Não significa que os autores concordam ou discordam com os mesmos. Você deve usar a sua intuição com aquilo que ressoa ou não consigo. Ninguém é dono da verdade absoluta e este site não foge à regra.

Partilhar no Facebook

Author: Krystal

colaborador

5 2 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

7 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments