revelação cósmica temporada 01

S01E08 Liga Global Galáctica das Nações (Revelação Cósmica)

Partilhar no Facebook

Repomos mais um episódio, agora com o episódio transcrito completo (para quem não deseja assistir ao vídeo). Este episódio foi colocado originalmente no final de 2015.

S01E08 Liga Global Galáctica das Nações (Revelação Cósmica)
S01E08 Global Galactic League of Nations (Cosmic Disclosure)

Assista ao episódio clicando no link abaixo, usando o browser chrome:
https://drive.google.com/open?id=1Eb4E_6BXUPCyfIziWwLwChSv4AEuN6xh

Se der erro, use o browser chrome em modo anónimo (teclando Ctrl + Shift + n) no PC e se necessário, antes tem de fazer logout do seu gmail. Se ainda não conseguir, aceda a partir de outro PC. Alerta-se que os episódios têm sido retirados da internet, portanto se detetar que o episódio foi denunciado, faça um comentário, para indicarmos outro link.

Episódio com legendas em português do Brasil (para quem não deseja assistir ao vídeo):

revelação cósmica temporada 1 episódio 8

REVELAÇÃO CÓSMICA – POR DENTRO DO PROGRAMA ESPACIAL SECRETO COM COREY GOODE E DAVID WILCOCK

Liga Global Galáctica das Nações

Este é o ”Revelação Cósmica”. Sou David Wilcock.

E estou aqui com Corey Goode… que trabalhou há mais de 20 anos… no programa espacial secreto. Saiu em 1987, e agora foi chamado de volta… de forma bem interessante. Depois de se apresentar como informante… ele foi contatado por uma aliança… que diz querer pegar… a tecnologia quase sobrenatural… e o modo de vida do programa espacial… romper o segredo… e trazê-la de volta à Terra.

-Corey, bem-vindo ao programa.
-Obrigado.

Já falamos das facções do programa espacial… em episódios anteriores. E falamos em vários graus. Mas quando eu revisava nossas anotações, mentalmente… vi que embora tivéssemos falado delas superficialmente… nunca falamos muito sobre… o grupo da Liga Global Galáctica das Nações.

Certo. Sempre me referi a eles como sendo tipo a OTAN.

Sempre disse “tipo a OTAN”.

-Isso.
-Lembro disso.

Então, abrindo um pouco isso, vamos pensar a respeito. Agora sabemos que Joseph Stalin sabia muito bem… que Roswell era, na verdade, um disco-voador destruído… porque foi anunciado assim. De repente, o governo dos EUA disse: “É só um balão de meteorologia”.

Erro fácil.

Eu fiz uns episódios para Alienígenas do Passado… nos quais parte da pesquisa que eu fiz… mostrou que Stalin contratava gente para voltar… e analisar os registros. Descobriram que alguém tinha encontrado… um foguete estranho na Sibéria… que tinha escritos em sânscrito e era todo metálico. O foguete… Não conseguiam tirar do chão… sem danificá-lo. Era no fim dos anos 1800… então deixaram enterrado. Enterraram de novo. Depois de Roswell… Stalin parece ter desenterrado o foguete. Era tão avançado… que não conseguiam entender nada. Mas parece que tinha um baú lá. O baú tinha vários
documentos, que incluíam… plantas e diagramas elaborados da nave… como construir iguais, e estações espaciais… Coisa muito legal. A partir disso os russos conseguiram… desenvolver o que se chama de cosmosferas… que são objetos esféricos… Está acenando com a cabeça. Já ouviu falar das cosmosferas?

-Claro.
-Mesmo? O que sabe sobre elas?

A Rússia usou… Ou a União Soviética usou… como um jeito de forçar e entrar… no programa espacial secreto… e se envolver nisso.

O que é uma cosmosfera? Como funciona? Como é?

Eram esferas que… Esferas metálicas… que os cosmonautas pilotavam no espaço. O Homem Entra no Espaço Nossas naves viam isso e seguiam… de volta à União Soviética. Era preocupante. Nós nos abrimos mais para o diálogo.

Qual era o tamanho das cosmosferas? Quantas pessoas cabiam lá?

Tinham diferentes tamanhos. Mas acredito que tivesse… para caber de uma a três pessoas, até maiores.

Vamos ver um clipe agora. Isso vai perturbar muita gente… mais velha, que se lembra disso pessoalmente. O ônibus espacial Challenger explodiu no ar. Vão ver um vídeo de um OVNI esférico… feito por um câmera que tinha filmado… o Challenger explodindo. E você vai ver aqui.

Alguém está vendo o ônibus? É só uma nuvem, não é? -Está pegando? -Sim. Não é uma nuvem. É alguma coisa caindo.

Corey, não sei se conhece isso… mas o Tenente Coronel Tom Bearden, aposentado… disse que aquela esfera era uma nave russa… e que tinham atacado o Challenger na decolagem… que fazia parte de uma guerra secreta… a Guerra Fria com tecnologia avançada. Eles faziam isso para atacar os EUA. Já ouviu falar desse incidente?

Já estávamos trabalhando com os russos… bem antes disso. A Guerra Fria foi um artifício.

S09E06 Tecnologias da Base Secreta (Revelação Cósmica)

Para angariar fundos?

Pode-se dizer que sim. Mas as pessoas nos mais baixos escalões… entraram na história. Foi real para elas. Mas, no fim das contas… os soviéticos e os americanos eram aliados.

Parece que recentemente foi revelado… Alguém postou isso como um comentário no meu site… depois que eu escrevi
sobre o Projeto Manhattan. Que os EUA nunca poderiam… enriquecer urânio suficiente… para fazer a bomba atômica… e conseguiram o restante com a Alemanha nazista. Esse tipo de coisa enlouquece as pessoas. Porque crescemos
lutando contra grandes inimigos. E na Segunda Guerra Mundial… até as mulheres se envolviam em fazer bombas. E a ameaça de Hitler tinha deixado… o mundo todo com medo. E está dizendo que tudo isso é… um circo grande e elaborado?

Um dia desses, quando houver… uma revelação da história verdadeira… do que aconteceu no nosso mundo… as pessoas se sentirão burras. E bravas.

Acha que por isso os soviéticos… tinham a bomba atômica depois dos EUA… embora os EUA, supostamente… tivessem feito o projeto secreto? Que tivessem trocado segredos… nos bastidores?

Tudo isso no nível mais baixo das coisas. No fim das contas… eles já estavam trabalhando juntos no espaço… por conta de ameaças extraterrestres… percebidas de forma diferente. E eles trabalharam juntos para manter… Da melhor forma possível, que não era muito… Era bobagem achar que podíamos proteger o planeta… contra os extraterrestres
super avançados. Mas eles formavam uma aliança… bem antes da Guerra Fria, no espaço… para começar a proteger
a Terra.

Acha que essa foi a base… do discurso famoso de Ronald Reagan… sobre uma ameaça alienígena unificando o mundo?

Sim, acho que pode ter sido. Mas, como eu disse, bem antes disso… já éramos aliados de muita gente… de quem, supostamente, éramos inimigos.

Vamos dar uma olhada no clipe de Ronald Reagan.

Não pude evitar, num dado momento, em discussões… particulares com o Secretário Geral Gorbachev. Quando paramos para pensar que somos filhos de Deus… não importa onde estejamos no mundo… eu disse a ele… para pensar como a tarefa dele e a minha seriam fáceis… nas reuniões que tínhamos… se de repente houvesse uma ameaça a este mundo… por parte de outras espécies… de outro planeta, no universo. Esqueceríamos das nossas diferenças locais… entre os países… e descobriríamos, de uma vez por todas… que somos todos humanos aqui… nesta Terra, juntos.

Você disse que essas cosmosferas… são furtivas e chatas no programa espacial. Houve muita colaboração… com a União Soviética?

No início, era pouca. Mas… ficou aparente não só com a União Soviética… mas com todos os países do mundo… onde havia os programas espaciais secretos.

Ficou aparente quando?

No fim dos anos 50, início dos 60, isso ficou aparente. Foi óbvio. E não só… Sabe, a União Soviética… e todas as superpotências começaram a trabalhar juntas. Mas e todos os países menores… agora que sabem disso… como vão ficar quietos? Eles queriam salvar o mundo… fazer parte de um programa secreto espacial.

Tinha serviços de inteligência nesses países… capturavam e interrogavam as pessoas… talvez com meios estrênuos… obtinham informações por práticas antiéticas? Era assim que acontecia?

Eles conseguem as informações… de várias formas. Inclusive… Tínhamos acordos com os países para que… sempre que um OVNI caísse no nosso país… podíamos mandar suas equipes de recuperação.

Em que data foi feito esse tratado?

Aconteceu no fim dos anos 40, nos anos 50 e 60.

Tão cedo assim?

Sim. Recolhíamos OVNIs que caíam… em países pequenos. Não podiam guardar este segredo. Não precisavam forçar a barra… para descobrir o que estava acontecendo. O que houve foi que formaram… um programa espacial secreto, ou um programa… que eu chamei, até há pouco… de grupo tipo a OTAN. Só quando eu estava… em uma das reuniões do programa espacial secreto… no Comando, referida como… a Liga Global Galáctica das Nações… Parecia um nome muito desonesto… a Liga das Nações, sabe? Mas eram chamados assim.

São os precursores das Nações Unidas, certo? Isso é coisa de depois da Primeira Guerra Mundial… e do Tratado de Versalhes.

Certo. Este grupo foi formado, eu acho… para enrolar as outras nações… para que ficassem quietas e se envolvessem… na proteção do planeta. Disseram a eles que havia… ameaças diferentes ao planeta… e que eles podiam se envolver na solução. Receberam as bases e a tecnologia… mas estavam baseados fora do sistema solar.

Quem nesses países… teve a sorte de ser informado deste mundinho? Esses oficiais eleitos são primeiros-ministros… presidentes e ministros?

Não sei quem desses países sabia. Todos os países que possa imaginar… estão envolvidos no programa espacial, em algum nível.

Você acha que pode ter mais a ver… com os agentes de alto nível desses países… e o pessoal da defesa, do exército… os militares de alto nível… as pessoas que ficam mais do que os governos… e pessoas eleitas?

Sim, e muitos cientistas. Parece que muitos cientistas se envolveram.

E os banqueiros, contadores… e o pessoal do sistema financeiro?

Eles parecem se meter em tudo.

Então, nos diga o que pode sobre… Você disse que isso começou nos anos 50 e 60. Como abordaram essas pessoas… e o que elas veem? Como foram tiradas do planeta? O que vivenciaram? Quanto souberam?

O programa era bem recente. Não começou nos anos 50 e 60. Nessa época eles descobriram o que acontecia.

Certo.

Acho que isso começou, talvez… no mínimo nos anos 80, talvez até 90. É bem recente. E não sei ao certo os dados específicos… da propaganda que eles ouviram. Mas eu fui a uma de suas bases. E descrevi, brevemente… uma das bases,
num episódio… mas não entramos em maiores detalhes.

Vamos fazer isso agora. Você foi lá de nave… ou atravessou um portal? Como foi a sua chegada?

Por mais estranho que seja, foi pelo sistema de vagões… de que você já ouviu falar. O vagão subterrâneo passava por um portal… e saía no que era uma lua… perto de um gigante de gás em outro sistema solar… e aí parava. Aí nós desembarcávamos.

Estava nos trilhos quando parava? Numa sala?

Saía de… O vagão pairava acima de um trilho.

Meu informante do programa espacial, Jacob… descreveu a passagem por um portal num sistema desses. Ele disse que era tão rápido… que a maioria não se sentava. Você só fica lá… se segura na barra e sai.

As pessoas… Já falei de atravessar um portal num trem… e as pessoas me disseram… que só eu disse isso.

Eu ouvi isso em 2009, 2010.

É ridículo. Ouvi que sou ridículo… que ninguém comentou isso.

Esta é uma das centenas de coisas que nunca divulguei… para saber quem é quem. E você confirmou.

Certo. Quando desembarcamos…

Ele paira muito longe do chão?

De… De um trilho. Não é longe, é pertinho do trilho.

É uma espécie de sistema gravitacional.

Sistema Solar e a quarentena

Sim, tipo levitação magnética. Nós saímos… e a primeira coisa que notamos… foram os anúncios em inglês.

Dá para ver o céu, lá de dentro?

Não, é… Imediatamente… entramos numa caverna, uma área tipo uma gruta.

Certo.

Ouvimos os anúncios em inglês… anúncios gerais.

É uma espécie de lua tropical, com muita vegetação… água e chuva?

Bom, no momento nós só vimos a caverna. E vimos as pessoas andando por ali. Sua linguagem corporal… Elas andavam em duplas… talvez em grupos de quatro… tipo duplas uma atrás da outra, ou trios. Bem relaxados. Eles pareciam…
Tudo era muito relaxado.

Eles usavam calções e chinelos?

Não. Usavam macacões com bandeiras dos países… no ombro, como… o que vemos em Stargate Atlantis.

De que cor eram os macacões? Tinham cores diferentes, dependendo da posição?

As cores eram diferentes, mas o azul era um padrão.

Que tom de azul?

Acho que é a cor da Força Aérea.

-Azul claro?
-Azul escuro, tipo azul Royal.

Azul Royal, está bem. E você disse que usavam bandeiras?

Todos tinham bandeiras de diversos países.

Que países você reconheceu, sem dúvida?

Não reconheci muitos. Mais tarde, reconheci bandeiras da Estônia… e de países que… Ucrânia. E…

-Letônia?
Sim, e coisas como… Bandeiras que eu nunca tinha visto e reconhecia.

Alguma do Oriente Médio?
-Grécia.

Marrocos, Argélia?

Pessoas desses países estavam envolvidas… mas não lembro de todas as bandeiras vistas. Não vi milhares de pessoas. Só vi um certo grupo de pessoas… o grupo que eu vi.

Algum país da África… como a Nigéria ou o Chad, o Congo ou Níger?

Havia pessoas que pareciam ser da África… mas, sabe, eu não ficava andando por ali… espiando os ombros das pessoas. Chamaria muita atenção. Mas havia pessoas de todos os lugares.

Então, América do Sul, a maioria dos “Five Eyes”… os países ocidentais, Nova Zelândia… Austrália, Canadá, todos estavam representados?

Todos os lugares que você imaginar.

E disse que eles pareciam felizes e relaxados?

Sim.

Não era… Isso não parece normal pelo que andou descrevendo.

S01E07 Relatório: Inspeção da Colónia de Marte (Revelação Cósmica)

Não. Nas colônias de Marte que nós visitamos… fomos acompanhados por guardas armados. Disseram para não fazermos contato visual, nem falarmos. As pessoas pareciam muito abatidas, estressadas e tristes. Essas pessoas eram completamente diferentes. Quando saímos da plataforma… e andamos em direção… à caverna, onde ela tinha sido fechada… por uma parede de metal gigante, com uma entrada… por onde passávamos pela segurança… e olhamos para a direita. A entrada da caverna era grande. E era… um ambiente meio tropical. E nas diversas vezes em que estivemos lá… havia luas em lugares diferentes… no céu.

Quantas luas você se lembra de ter visto?

Duas.

Elas eram maiores, em diâmetro… do que a lua da Terra?

Dependendo da posição, pareciam maiores, sim.

Elas têm alguma cor incomum, características de superfície?

-Laranja. Uma parecia laranja. Não lembro da outra… porque só dava para ver parte dela.

Alguma delas tinha um anel ou algo assim?

Não.

Dava para ver o gigante de gás onde elas orbitavam?

Eu não vi. Mas me contaram que era em volta de um gigante de gás. Mas havia uma piscina azul brilhante. Se você olhasse para a esquerda, na saída da caverna… havia uma piscina azul brilhante… com uma cachoeira descendo.

Construída na pedra? Pedras naturais?

Tudo era natural. Não foi construído. E tinha…

Mas o azul parece coisa feita pelo homem, não? Era um brilho estranho?

Acho que era natural para o planeta.

Uma coisa estranha, incomum na natureza.

Isso. E tinha um vapor… que ficava muito perto da superfície da água. Tinha gente lá rindo, conversando… e curtindo, entrando na água.

Isso não é como A Batalha de Riddick… em que um monstro horrível chega com uma cauda e… É um lugar seguro, feliz.

Sim. Sim. Eles estavam se divertindo, entrando na água.

Tinham cadeiras de praia em volta… toalhas e coisas assim?

As pessoas… Tinham toalhas e roupas de banho… entravam na água… nadavam e saíam.

Pessoas se divertindo numa colônia espacial?

Sim. Estavam se divertindo. E à esquerda tinha uma parede grande… por onde passava para ir ao verdadeiro local… onde as pessoas iam para consertar coisas.

Que tipo de equipamento era consertado?

Certos tipos de equipamentos envolvidos em testes. Era diferente a cada vez. Eram equipamentos muito especializados… normalmente produzidas pelo CCI.

Verdadeiro terceiro segredo de Fátima e documentário

CCI (CONGLOMERADO CORPORATIVO INTERPLANETÁRIO)

E o CCI ou os cientistas… designados para as naves de pesquisa… eram proficientes e trabalhavam nelas.

O que esse ponto tinha de especial? Disseram que era fora do nosso sistema solar?

Isso.

Tinha alguma coisa única ou valiosa nele? Era perto de outros lugares onde tinham morado outras raças? Tinha um significado tático?

O boato era que era nas Plêiades.

Mesmo?

Muitos não acreditaram nisso, mas foi o que disseram. Mas por algum motivo… as Plêiades pareciam uma espécie de selo… colocado em tudo. “Isso veio das Plêiades. Isso era das Plêiades”. Plêiades. Plêiades. Plêiades. Então, foi assim: “Este lugar fica nas Plêiades”. Ah, sei. De novo, isso. Então isso foi o que disseram. Mas quem sabe onde era, mesmo?

Considerando-se que são sete estrelas nas Plêiades… muito brilhantes… e num espaço reduzido… próximas umas das outras…

Soube que tem mais estrelas.

Sim. Essas são, como eu disse… as sete mais aparentes, com magnitude de brilho… de dois ou mais. Você sabe se estar numa dessas estrelas… nas Plêiades é nas Plêiades mesmo? Porque as outras estrelas que estão perto… pareceriam maiores do que o normal… no nosso sistema solar?

Em se tratando do ponto de vista, onde você está… Digamos que esteja nas Plêiades e olhe para o céu. Terá novas constelações. Nada será igual. Você fica sem referência. Não tem como saber onde está. Mesmo para os cabeças de ovo, sem o equipamento certo… quando você chega a algum lugar… se você não sabe o endereço… de para onde foi enviado antes… ou se não tem o equipamento certo… que diga onde você está, não sabe onde está.

Vou fazer uma pergunta, para aquecer as coisas. Você vai para um sistema binário, digamos.

-A maioria é.

Está bem. Você vê dois sóis se está naquele planeta no céu?

Depende da relação do sistema estelar binário. Mas sim, dá para ver… um astro fraco, lá longe.

Mas não é tão grande quanto alguns filmes… que vimos, é? Ainda seria fraco e distante?

Algumas estrelas são mais próximas. Mas essas estrelas, quanto mais próximas… mais rápido giram em torno umas das outras… e mais dinâmico é o sistema. As estrelas que parecem ter mais vida… são as um pouco mais distantes… mas que parecem dançar a dança da gravidade juntas.

Vamos voltar à base, agora. Quando você entrou na gruta fechada… tinha alguma coisa nela… que parecia legal ou futurista… e que pudesse fazer as pessoas se sentirem… como se estivessem num local avançado… ou foi tudo convencional… fora essa piscina brilhante e estranha que viu?

Eles tinham várias ferramentas novas… e brinquedos do CCI. Acho que ganharam muitos brinquedos novos… tecnologia para deixá-los bem felizes. Pareciam estar fazendo muita pesquisa… muita mesmo. Essas pessoas… É um comentário depreciativo, mas eles são chamados… os cientistas, de cabeças de ovo. Diziam que cheiravam a cabeças de ovo. Mas essas pessoas eram cientistas ou engenheiros… pessoal da ciência ou da engenharia, na maioria.

Quantas pessoas você viu andando por lá… enquanto esteve lá?

Imediatamente, havia três ou quatro dúzias, talvez.

Certo.

E não havia muita segurança. Não vi muita gente correndo com armas por lá. O ambiente era relaxado e tranquilo. Onde quer que fosse, era bem seguro. E a energia, a sensação, como empático intuitivo… a sensação de todos não era de ansiedade… nem de agitação. Eles estavam felizes. Sentiam que o que faziam era importante. E eles só sentiam… Havia uma sensação de felicidade… e de relaxamento.

Chegamos aos últimos cinco minutos. Quero fazer umas perguntas para encerrar. Você viu um hangar com algum tipo… de nave incomum que eles poderiam usar… para voar por aí?

Eles tinham um hangar, mas nós não fomos lá.

Eles tinham algum veículo terrestre… que usariam para sair da gruta… e andar pelo resto da lua?

Não que eu tenha visto. E não vi nenhum tipo de trilho. Dentro, tinha alguns… caminhões à bateria… caminhões pequenos… que andavam por lá… com caixotes plásticos, numa determinada área.

A lua tinha atmosfera? Tinha? Era respirável?

Claro. Tinha pessoas do lado de fora da caverna. Tinha vegetação.

Fora da caverna tinha vegetação?

Isso.

Então a lua não é árida. Quando pensamos na lua… vem à mente uma esfera grande e morta.

Não. Muitas das esferas habitáveis… que existem por aí não são planetas… na zona habitável em volta de estrelas.

São luas que têm uma certa densidade… e tamanho e orbitam um gigante de gás… numa certa órbita onde este gigante está… com uma certa densidade e tamanho. E esse gigante de gás está a qualquer distância do seu sol.

Que tamanho teria o gigante de gás numa dessas luas? Qual é a escala? Pode ser algo tão grande… que preencha a metade do diâmetro do céu… que olhamos, ou é mais longe do que isso?

Seria especulação minha dizer. Eu não vi.

Parece que algumas luas de Júpiter… se estivéssemos em uma… Que Júpiter seria muito grande de onde se via. Seria um lugar bem interessante para morar.

Sim. E acho que essas luas habitáveis… precisariam ser maiores… do que algumas dessas luas, e um pouco mais longe… ou mais distantes do que as órbitas das luas… perto de Júpiter ou Saturno… pelas forças das marés que enfrentam… estando tão perto de Júpiter.

O que dizem a eles que estão fazendo? Estão preparando o quê? Qual é a sua missão? Qual é a sua meta?

Eles ouvem que estão bolando… ciência e tecnologia… úteis ao planeta Terra no caso de… ou em preparação para… uma ameaça alienígena externa… como a já comentada pelo presidente Reagan. E aquele clipe do presidente Reagan… pode ter sido para este grupo.

Parece que sim.

Então eles estão tentando estabelecer… um ponto de apoio defensivo para salvar a Terra… do que eles veem como uma ameaça próxima?

Não sei quanto ao ponto de apoio… mas acho que eles trabalham na ciência… e tecnologia que mais acreditam… que vai ajudar a humanidade a proteger o planeta Terra.

Quanto você acha que conhecem de extraterrestres? Ficam sem saber?

S09E01 Detalhes sobre 60 tipos de seres extraterrestres

Ouvem coisas parecidas com o que o exército ouve: “Vocês são o máximo, tudo o mais é antigo… mas talvez haja alguns
por aí que desconheçamos… e temos que nos defender se aparecerem?” Algo assim?

Que eu saiba, desde que tudo isso aconteceu… eles foram bastante divididos.

Então não sabem de nada… do que acontece?

Eles sabem de alguma coisa… mas não tanto quanto alguns dos outros programas.

Então é como se soubessem de algumas coisas… do programa espacial.

É dividido em partes. A mentira é diferente a cada nível e em cada parte. Todos, nas suas partes, ouvem… que são o máximo do máximo. Que são pontas de lança do planeta. Devem se orgulhar do que fazem. Ninguém sabe mais do que eles. “Você é muito especial, ‘muito especial'”. “Você foi liberado para saber mais do que todos no planeta”. Todos ouvem a mesma coisa… e acreditam nela.

Eu acho este um jeito perfeito… de calar a oposição: com pequenos agrados… oferecendo algo a cada um. “Agora, nos deixem em paz nesta lua”. Você ouviu aqui. Este é o ”Revelação Cósmica”. Informações surpreendentes. Tem muito mais da mesma fonte. Sou David Wilcock, e agradeço pela audiência.

REVELAÇÃO CÓSMICA – POR DENTRO DO PROGRAMA ESPACIAL SECRETO COM COREY GOODE E DAVID WILCOCK

Próximo episódio:

S01E09 Sol Elétrico (Revelação Cósmica)

FIM

Disclaimer:
1. Os artigos são escritos em português do (Brasil ou de Portugal) ou numa mistura de ambos.
2. Os artigos colocados neste site, são diferentes dos colocados nos corruptos meios de comunicação de massas. Não significa que os autores concordam ou discordam com os mesmos. Você deve usar a sua intuição com aquilo que ressoa ou não consigo. Ninguém é dono da verdade absoluta e este site não foge à regra.

Partilhar no Facebook

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

6 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments