Alimentação

Aspartame, o adoçante sintético causador de inúmeras doenças

Partilhar:

aspartame veneno

Embora tenha sido banido duas vezes pela FDA, o aspartame é atualmente encontrado em mais de 6.000 produtos em todo o mundo. Como o aspartame é 200 vezes mais doce do que o açúcar, é frequentemente usado em refrigerantes dietéticos, iogurtes de baixas calorias e outros alimentos e bebidas que querem reivindicar, “baixas calorias” enquanto ainda oferece um sabor doce. Infelizmente, o produto tem sido associado a graves problemas de saúde, incluindo danos cerebrais, que serão explicados mais adiante.

A MAIORIA DA INFORMAÇÃO DESTE ARTIGO, PROVÉM DO WIKILEAKS E OS FAMOSOS MAILS DE JOHN PODESTA (MUITO SE FALA NESSES MAILS, MAS POUCOS SABEM O QUE CONTINHAM: HOJE DEIXAMOS MAIS UM DESSES MAILS)

Se você bebe coca-cola zero, light ou outros tipos de refrigerantes ou sumos sem açúcar e que contenham aspartame, é claramente um erro que lhe irá custar caro no futuro! A solução também não é beber refrigerantes com açúcar! A solução é eliminar os refrigerantes da sua alimentação (no máximo, beba apenas nalguma festa de aniversário, acontecimento especial, etc).

Se você é pai/mãe também é de uma extrema irresponsabilidade continuar a permitir que os seus filhos bebam refrigerantes. Em muitos casos, trata-se de situações criminosas, porque se as pessoas sabem que o aspartame e o açúcar são um veneno, então têm de parar.

Este artigo é publicado , porque a maioria da população ainda desconhece ou julga que alimentos sem açúcar e com aspartame não são nocivos, mas a verdade é que ainda são mais prejudiciais. Neste artigo, nem vamos falar em diabetes…

Comida Vibracional e a Aura dos alimentos

Aspartame ~ a descoberta acidental

Tudo começou em 1965 por uma empresa chamada G.D. Searle & Company, quando James M. Schlatter, estava trabalhando no desenvolvimento de uma droga contra úlceras gástricas, derramou acidentalmente uma pequena quantidade de uma substância sobre as mãos. Quando ele lambeu um dos seus dedos com a tal substância, deu-se conta de que tinha um sabor muito doce.

Tratava-se de um pó branco, cristalino e sem cheiro, derivado de dois aminoácidos, o ácido aspártico e a fenilalanina. A substância, batizada de aspartame, era um aditivo alimentar artificial usado para substituir o açúcar comum.

Composto por ácido aspártico (40%), fenilalanina (50%) e metanol (10%), o aspartame era 200 vezes mais doce que o açúcar natural e não continha calorias.

A descoberta era muito valiosa: tratava-se do primeiro edulcorante a se aproximar do sabor do açúcar, acabando com o domínio da sacarina.

Aprovação Polémica pela FDA

Apressado através da FDA por normas de testes duvidosos para obter aprovação, mais tarde gerou a primeira investigação criminal de um fabricante pela FDA em 1977, depois que graves problemas de saúde começaram a surgir. Em 1980, o Aspartame foi banido pela FDA após três cientistas independentes terem estudado o produto e o terem considerado inseguro (um dos principais problemas eram os tumores cerebrais). Em 1981, o novo comissário da FDA Arthur Hayes Hull Jr. decidiu rever o produto novamente com um painel de 5 pessoas, que afirmou a proibição do Aspartame com 3 votos a favor e 2 contra. A Hull decidiu então nomear um 6.º membro para criar um empate. Hull decidiu então quebrar pessoalmente o empate e abri-lo para uso comercial.

A guerra contra a vitamina D ~ Uma ameaça à Indústria Farmacêutica

Empresa Nutrasweet

Em 1985, A Monsanto compra a G.D. Searle e cria A NutraSweet Company que produz e comercializa o Aspartame e lança o slogan em que publicitava que o Aspartame era feito com ingredientes naturais. Foram gastos 30 milhões de dólares, um valor muito elevado para a época. O slogan dizia:“Nature doesn’t make NutraSweet, but NutraSweet couldn’t be made without it”.  A FDA continua a afirmar que o aspartame não causa danos à saúde.

Aspartame causa demência, derrame, tumores cerebrais

Desde então, vários estudos foram publicados sobre os efeitos colaterais do Aspartame. Um estudo conduzido por cientistas do Brigham and Women’s Hospital em Boston, descobriu que 2 ou mais refrigerantes dietéticos por dia, a maioria contendo Aspartame, levam a um risco duplicado de doença renal.

Outro estudo do American Journal of Clinical Nutrition mostrou que o aspartame está ligado ao linfoma não-Hodgkin e à leucemia. Além disso, um estudo publicado no Journal of Applied Nutrition disse que o aspartame causa danos cerebrais ao deixar vestígios de metanol no sangue. Um estudo adicional publicado pela Washington University Medical School delineou uma conexão entre o aspartame e os tumores cerebrais.
Uma vez que uma molécula de Aspartame é feita de cerca de 10% de metanol, ela é libertada no corpo em poucas horas após o consumo. O principal problema com o metanol, é que ele passa facilmente pela barreira hematoencefálica e, uma vez lá, é convertido em formaldeído, que é o que causa o dano cerebral. Também foi determinado que um dos aminoácidos encontrados no Aspartame é capaz de atravessar a barreira hematoencefálica, criando uma superestimulação celular chamada excitotoxicidade… que pode levar à morte celular.

Como você pode ver há muitas razões para evitar Aspartame e produtos como refrigerantes com açúcar zero (coca-cola, etc) e iogurtes de baixas calorias contêm a substância.

Existem outros estudos com outros tipos de situações prejudiciais à saúde

A investigação científica revela que ZERO é o nível aceitável de ingestão de aspartame

Desintoxicar o seu corpo de substâncias nocivas:
Felizmente, você pode desintoxicar seu corpo de substâncias tóxicas usando alimentos em sua dieta, como a spirulina que pode obter mais detalhes aqui:

Dieta Alta Vibração

estudo (1) realizado pela Universidade de Boston revelou que o consumo de refrigerantes sem açúcar triplica mesmo as hipóteses de derrames e demência e AVCs

Wikileaks (2) publicou um documento em 2015 sobre o aspartame e a empresa que o fabrica: Nutrasweet

uma troca de mails entre John Podesta (ligado a Hillary Clinton), Wendy Abrams e Don Kennedy no qual é relatado o veneno que é o aspartame e a forma fraudulenta como foi autorizado pela FDA é o que podemos ler no mail. Também se fala na sacarina outro causador de câncer (cancros).

https://wikileaks.org/podesta-emails/emailid/20045

Os adoçantes artificias existentes no mercado, são bastante prejudiciais à saúde. Stevia orgânico é uma das melhores opções.

Em todo o caso, no artigo acima Dieta de Alta Vibração, encontra as melhores dicas.

fontes:
(1) http://stroke.ahajournals.org/content/early/2017/04/20/STROKEAHA.116.016027
(2) https://wikileaks.org/podesta-emails/emailid/20045
https://livingtraditionally.com/aspartame-causes-dementia/
dailyhealthpost.com/the-shocking-story-of-how-aspartame-became-legal/

aspartame veneno
Disclaimer:
1. Os artigos são escritos em português do (Brasil ou de Portugal) ou numa mistura de ambos.
2. Os artigos colocados neste site, são diferentes dos colocados nos corruptos meios de comunicação de massas. Não significa que os autores concordam ou discordam com os mesmos. Você deve usar a sua intuição com aquilo que ressoa ou não consigo. Ninguém é dono da verdade absoluta e este site não foge à regra.

Partilhar:

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

6 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments