temporada 12

T12E24 Operações Subaquáticas (Revelação Cósmica ~ Emery Smith)

Partilhar no Facebook

Revelação Cósmica Corey Goode temporada 12 episódio 24

pode ver o episódio clicando no link abaixo (click below to watch the episode):

https://drive.google.com/open?id=1BMn5NZXkig-E-7Lz2CUi5gJ1Kphwg7Q_

Se der erro, usar o browser chrome em modo anónimo (teclando Ctrl + Shift +n) no PC e se necessário, antes tem de fazer logout do seu gmail. Se ainda não conseguir, aceda a partir de outro PC. Alerta-se que os episódios têm sido retirados da internet, portanto se detetar que o episódio foi denunciado, faça um comentário para indicarmos outro link.

T12E24 Operações Subaquáticas (Revelação Cósmica ~ Corey Goode)
S12E24 Underwater Operations (Cosmic Disclosure)

resumo do episódio:

Uma das missões mais incomuns de Emery Smith levou-o a uma base localizada no fundo do Oceano Atlântico para examinar um ser que não poderia ser trazido à superfície. Ele compartilha o que sabe sobre a prevalência de bases localizadas nas profundezas dos oceanos, algumas das quais estão enterradas no leito marinho. Muitos delas estão localizadas perto de locais sagrados que servem como portais para mundos distantes; outras foram construídas para rastrear o tráfego extraterrestre cruzando os oceanos da Terra.

episódio completo transcrito para o português do Brasil (para quem não quer ver em vídeo):

Sou George Noory e estou aqui com Emery Smith. E se houvesse algo como a Área 51 no mundo subaquático? Estamos discutindo tecnologias e bases subaquáticas com Emery Smith. Esse é um assunto incrível, Emery.

Sim, será ótimo. Obrigado pelo convite. É um prazer. Fale sobre algumas das bases subterrâneas da antiguidade. O que sabemos sobre isso? Existem bases antigas que estão aqui desde muito antes da nossa chegada. O que tento explicar às pessoas para que entendam esse conceito é que… Em Albuquerque, eu fazia muita escalada. Eu coletava artefatos do Pico da Sandia, a 3.300 metros acima do nível do mar. Essas rochas contêm basicamente trilobitas e algas subaquáticas. Estou dizendo que isso já esteve debaixo d’água, mas agora está a 3.300 metros acima do nível do mar. Vamos inverter isso. Vamos ao lugar mais profundo, a Fossa das Marianas, para imaginar isto. Pode ser que, muito tempo atrás… Estou falando de bilhões de anos. Talvez lá fosse seco. Talvez houvesse civilizações vivendo nesses lugares profundos. E elas viviam nessas áreas com volumes incríveis de energia, por algum motivo, como a Estrada de Bimini e o litoral oeste de Cuba. Existe uma Atlântida subterrânea… Com pirâmides maiores que as de Gizé. Além disso, no litoral do Japão, estão descobrindo artefatos e ruínas. Obviamente, já houve uma época em que o nível da água não era tão alto e havia civilizações no mundo todo. Quero que as pessoas entendam que pode ser por isso que todos esses… Tudo foi construído nas linhas de Leye áreas energéticas, por algum motivo. Havia uma correlação… Por que essas coisas aconteciam e por que vários portais encontrados debaixo da água também existem nessas áreas.Os governos, os militares, as fundações científicas e outras empresas uniram-se secretamente e estão começando a construir essas instalações subterrâneas, bases subterrâneas perto dessas áreas, para que possam pesquisá-las com a tecnologia certa, uma tecnologia muito mais avançada que a que temos agora, coletando dados e artefatos, além de fazer engenharia reversa. Isso significa que existem bases subaquáticas perto de lugares sagrados da antiguidade por todo o planeta hoje. E estão construindo cada vez mais. Eles constroem essas coisas de algumas formas diferentes. Uma das formas é… Sabe como construímos as estações espaciais em…

-Modular.
-Modular, exato. E a mesma coisa está ocorrendo aqui. Estão enviando cabines altamente pressurizadas lá para baixo. E montando tudo com robôs e outras coisas, criando uma base gigantesca. Também estão perfurando túneis para criar uma… Uma das bases de verdade, não compartimentalizadas nem modulares. Eles começam a perfurar no lado continental e vão até uma parte subterrânea do oceano, emergindo de lá. Eles têm dispositivos especiais que criam campos eletromagnéticos, muito poderosos, é claro, a três mil metros abaixo da superfície, e eles emergem do solo. Isso forma uma bolha especial, como uma esfera. E isso limpa tudo. Toda a água é empurrada para trás. Depois de criar essa bolha, eles têm uma forma de instalar um metal transparente. Ele tem 1,8 m de espessura e é transparente. Dá para ver através dele. Depois de instalar essa estrutura, eles começam a construir de dentro para fora. E essas coisas são… Podem ter de dois a oito hectares de diâmetro.

Na antiguidade, qual surgiu primeiro? A base ou a água?

-A base primeiro.
-E então ela foi…

Coberta pela água. Na Fossa das Marianas, existe um grande portal que eles acompanham há algum tempo, avaliando e fazendo… testes para saber de onde vêm as naves que entram e saem do portal. Eles não interagem com elas. Não tentam fazer nada. Só observam. O que está acontecendo? E fica perto de outra estrutura antiga que existe lá. Eles colocam uma base nas proximidades para monitorar esse portal e construir uma base lá em baixo onde possam passar muito mais tempo analisando o portal, esse achado arqueológico.

Essas bases servem para monitorar a movimentação de ETs ou outra coisa?

O motivo principal era monitorar os portais por onde os extraterrestres passavam. Então, encontraram artefatos perto dessas áreas do planeta onde há portais. E eles sabem que essa é a sequência que eles vêm usando. Achamos um portal? Fica perto de um sítio arqueológico. Vamos construir uma base e monitorar.

Por que debaixo d’água?

Em primeiro lugar, eles precisam vigiar essa área 24 horas por dia. Fazem leituras constantemente das oscilações nos campos eletromagnéticos. Estão tentando replicar isso. Querem aprender. Aonde essas coisas estão indo? E por que…? Aqui está na água. Ele também leva a outro lugar dentro da água, se você entrar de novo? Eles devem estar montando equipes para testar isso. Já enviaram drones e outras coisas, mas não funciona. Essas coisas só se abrem de vez em quando. Tem que ser na hora certa. Essa é a informação mais recente que tenho sobre o que está acontecendo nessa área.

Quantas bases existem neste planeta?

São dezenas. Não sei onde ficam todas. São muito comuns.

Modernas?

As novas são muito modernas, com certeza. São como as bases subterrâneas, onde é possível ficar por até um ano. Estão transformando isso em uma base de pesquisa altamente secreta para coletar informações, filmar e registrar, e para criar uma área onde possam controlar remotamente… Esses aparelhos de vigilância subaquática por vídeo estão sempre… Assim como nossos F-16s sempre sobrevoam o litoral dos EUA. Sempre tem alguns deles no ar para nos proteger. Eles fazem a mesma coisa lá, monitorando isso. É um projeto muito caro que estão desenvolvendo. Com esses domos de metal transparente que ficam no solo do mar… A única forma de chegar lá é saindo do litoral, seja pelo Maglev que o leva até perto da base, e aí você emerge de baixo, vindo do litoral.

Isso fica no subsolo do oceano.

-Sim, lá no fundo…
-Quilômetros!

Sim, com certeza. E aí você sobe no tubo. Todos os suprimentos chegam por lá.

Quantas pessoas trabalham lá?
Não sei.

Emery, você já teve que trabalhar em alguma dessas bases subaquáticas?
Já visitei algumas dessas bases, mas nunca para trabalhar.

Quando você as visitou, qual era o propósito?
Só fui lá para examinar alguns corpos de extraterrestres. Só isso.

Como médico?
Como médico.

E como você foi até lá? Pelos tubos?
Sim, pelos tubos. Já usei o sistema de tubos, quando trabalhava no Novo México, para viagens curtas no subsolo. Isso não fica dentro da água. Fica debaixo da água, debaixo do solo, mas não demorava muito mais para ir do Novo México ao Golfo do México. E não demorava muito mais para ir do Novo México ao Oceano Atlântico, por exemplo. Não demorava muito mais. E eu não… Não sei dizer que velocidade eles atingem, mas eles são muito, muito rápidos. E muita gente entrava e saía dessas bases. Pareciam ser muito movimentadas.

O que aconteceria no caso de um terremoto subaquático, que é possível, na área onde ficam essas estruturas?
Primeiramente, as que eles jogam no oceano e constroem em um penhasco ou no solo do mar, são todas modulares. Não ficam presas ao solo e, portanto, não são muito afetadas. Elas são conectadas, mas têm dispositivos. Elas podem se mover, como quando você atraca um barco e deixa uma corda solta para quando a maré subir. É similar. Já as bolhas transparentes de metal, elas também são muito flexíveis. Muito resistentes. Isso foi dito em uma das reuniões. Gostaria de saber mais sobre esse material. Com certeza é um material fruto de engenharia reversa que eles desenvolveram e projetaram com base em dispositivos extraterrestres.

O que estão fazendo lá embaixo que não podem fazer na superfície?
Para eles, é mais fácil controlar remotamente seus drones subaquáticos para vigiar e proteger o ponto de foco que fica nessa área, com todas as naves extraterrestres que passam por esse portal.

É tudo extraterrestre?
Com certeza. O motivo principal da base era monitorar isso.

Os ETs sabem que estamos lá? E cooperam conosco?
Não. Não há nenhum extraterrestre nessas bases, até onde eu saiba. E eles não se comunicam com os extraterrestres que entram e saem. São como um fotógrafo na África…

Só monitoram.
Só se escondem e observam os leões comendo.

Os ETs não demonstram hostilidade?
Não, não que eu saiba.

Quem criou esse plano? Como isso começou?
Tudo começou devido à assinatura energética que vem lá de baixo… Eles a encontraram de alguma forma com satélites. E enviaram alguns drones lá. Eles filmaram essas naves entrando e saindo dessa área na Fossa das Marianas. Não sei onde exatamente. Eles decidiram que isso era muito importante e precisava ser estudado. Eles gastaram trilhões de dólares para construir essas bases lá embaixo, para poderem monitorar o que os ETs estão fazendo. E aonde estão indo. Rastreando essas naves pelos oceanos também. É a mesma coisa. Essas naves são iguais às que eles usam para viajar intergalaticamente. Essas naves geram seu próprio campo gravitacional, mesmo dentro da água. Elas voam muito rápido e fazem curvas em ângulos retos. Ouvimos várias histórias dos submarinos e outros militares.

Entram e saem?
Sim, entram e saem da água. Isso é visto e filmado pelos militares há muito tempo.

Dizem que os alemães nazistas também tinham bases subaquáticas. Existem provas disso?
Acho que sim. Não sei muito sobre essa história, mas sei que eles eram muito bons em aprender novas tecnologias. E acho que estão entre as primeiras pessoas que se encontraram com extraterrestres e fizeram trocas de tecnologias ou que abateram uma nave e fizeram engenharia reversa. Eles estavam muito bem no quesito tecnologia. Com certeza. E faziam coisas incríveis com ela. Não tenho dúvidas de que eles tinham algo assim em vários lugares.

Por quanto tempo as pessoas que trabalham na base ficam lá?
Não sei. Só fiquei um dia.

Já foi o suficiente, não?
Não foi… Não fui trabalhar lá.

Mas eles podem ficar lá por anos ou só períodos curtos?
Sim. Teoricamente, é possível ficar lá por tempo indeterminado. Elas têm seu próprio sistema de água.

-Existem famílias lá?
-Não.

-Nenhuma criança?
-Não. Cada um é abordado de um jeito específico. E todo mundo tem uma função. É um ambiente todo voltado para a missão e o trabalho.

Elas podem ser usadas para fins militares?
É possível, mas não sei como as usariam. É uma base de pesquisa no fundo do oceano. Eles as usam para coletar informações das assinaturas energéticas da área. Não sei o que os militares fariam com isso. Não é tipo um porto para submarinos.

-Eles já têm muito disso.
-Certo, bom argumento. Eles têm aquele sistema de cavernas no litoral de San Diego. Ele vai até… Até Nevada. Esses submarinos gigantes podem usá-lo. E há bases subterrâneas para eles. Com certeza.

Qual era a sua missão? Por que foi lá?
Alguém saiu de licença.

Como assim, saiu de licença?
Alguém pediu licença e não foi trabalhar naquele dia.

Então, você…
Por algum motivo, não podiam levar o ser até nós. Então, enviaram-me lá para coletar amostras.

-Essa era a sua missão?
-Sim.

Que tipo de amostra?
Amostras de tecidos e músculos.

-De quem?
De um ser do tipo aquífero.

E o que esses tecidos revelaram?
Não participei da parte de genética.

-Só foi coletar as amostras?
-Sim, só um técnico.

Seres aquíferos são como sereias?
Era tipo uma sereia.

Seres Aquíferos que vivem nas profundezas do Oceano cá na Terra

Sério?
Acharam uma civilização que vive lá, mas raramente sai.

ETs? Ou são terrestres?
São humanoides, mas com barbatanas. Já falei disso em outros episódios. Eles têm mãos palmadas. Têm barbatanas que passam pela lateral dos braços, das pernas e do corpo, como uma sépia. Eles têm uma cor branca azulada, eu diria. Têm cabeças mais redondas. E têm guelras. Só respiram na água. Eles não gostam nem um pouco de luz. Têm olhos muito grandes. Com certeza conseguem ver dentro d’água.

Uma espécie que não conhecemos…
Sim, é uma espécie.

…aqui na superfície.
Estão tentando estudá-la agora. Acho que várias espécies como essa estão sendo descobertas. Com certeza, outras surgirão no futuro, mais dessas espécies que vivem lá, nas cavernas dentro da Terra, na Fossa das Marianas, sendo capazes de suportar essas pressões… Esses seres… Embora a aparência seja muito parecida com a nossa, com traços delicados, eles têm um tipo de… É como se fosse um… Ossos de pássaros são meio ocos. Algo que notei nessa espécie é que seus ossos eram esponjosos. São muito… Como cartilagem. Acho que ele pode se expandir e encolher.

Parece que eles são mais terrestres que extraterrestres. É um bom palpite?
Acho que foram plantados aqui como nós, mas também acho que eles estão aqui há mais tempo que nós.

-São amigáveis?
-Não tenho nenhuma…

-Experiência direta com isso?
-…experiência com eles, nem por vídeo. Ouvi várias histórias nos projetos sobre eles se apresentando a essas bases, mas não fizeram nada para feri-los ou ameaçá-los. Porém, acho que as bases têm vários vídeos e imagens desses seres. Pois já vi muitas dessas imagens feitas por drones submarinos, desses seres.

Qual é a diferença entre essas bases e os laboratórios da superfície?
São muito parecidos. A única diferença é que muitas bases subterrâneas são meio arcaicas, pois começaram com uma base pequena. Quanto mais fundo você vai, mais modernas elas ficam, por causa das expansões. É tipo o contrário dessas novas bases que estão construindo rapidamente em volta dos oceanos. Como você disse, é uma tecnologia muito mais ultramoderna, com uma aparência muito diferente.

Que outras tecnologias você viu lá?
Uma das coisas mais legais era algo que também tínhamos na superfície, que também era no subsolo. As nossas bases subterrâneas tinham aquários enormes para cirurgia. Vários extraterrestres que examinamos têm que ser mantidos em uma solução salina especial durante a coleta das amostras, ou o tecido, por algum motivo, decompõe-se e dissolve ao entrar em contato com o ar cheio de oxigênio. Havia algumas dessas salas de cirurgia, que, é claro, eram aquários, o que eu achava incrível. Eu achava que era daí que tinham tirado a ideia.

-E é por isso que temos…
-Claro. …a mesma coisa nas bases.

Você teve que trabalhar dentro d’água com respiradores e coisas do tipo?
Algumas espécies que tive que examinar… Tinha que ser nesses aquários de cirurgia,
nesses ambientes, porque os corpos exigiam uma certa salinidade
e um certo pH, ou eles dissolviam.
Tínhamos nossos próprios trajes.
Não eram como os de mergulho,
pois você precisa da sua própria atmosfera
e de um traje totalmente vedado com ímãs nos sapatos.
Você anda até… É a mesma coisa. Tem uma mesa.
Todos os computadores. Todos os seus instrumentos.
Você tem tudo,
mas está dentro d’água.

Mas você teve que examiná-los dentro d’água?
Tinha que ser dentro d’água.

Tinha?

Tínhamos que examiná-los e coletar as amostras
como normalmente fazíamos.
Porém, fazíamos tudo
dentro d’água.

É incrível o que está acontecendo neste planeta, e poucas pessoas sabem.
Sim, é irreal.

Isso tudo custa muito?
É impossível estimar. Novas civilizações são criadas
em partes do planeta
que acreditávamos serem inabitáveis. Agora, estamos descobrindo várias coisas que eu espero que sejam divulgadas
em breve, pois não necessariamente precisamos viver na superfície.
Existem outros lugares na Terra e nos oceanos onde podemos ser autossustentáveis.

Sem a presença dos ETs, Emery, teríamos essas bases subaquáticas?
Acho que não. Eles sempre precisam de um motivo
para investir trilhões e descobrir algo.

Existe uma base submarina no meio do deserto de Nevada. É conhecida como Hawthorne, Nevada. O que acontece lá? Não tem água.
Sempre rio quando vejo isso, pois não há nenhum lago em Nevada.

O que acontece lá?
Existe uma base.
O sistema subterrâneo passa por lá. Já vi os mapas subterrâneos. E eles podem levar submarinos
de um litoral a outro
muito facilmente.
São sistemas cavernosos enormes.
Deve ficar apertado em alguns lugares…

Como você classificaria essas bases subterrâneas e subaquáticas em termos de complexidade?
É um grande empreendimento… com certeza. Mas você tem que entender que eles não usam retroescavadeiras para isso.
Eles usam tecnologias
que as pessoas desconhecem para criar o sistema, para criar essas cidades autossustentáveis
e esses laboratórios modulares, que facilitam as coisas.
Acho que, dependendo do ponto de vista, todas as tecnologias usadas
para fazer essas coisas
que as pessoas desconhecem, isso faria com que parecessem mais… Seria mais fácil para você
entender como eles as construíram.

Esses objetos submersos não identificados… O que eles estão fazendo lá?
Eles usam a Terra para ir do ponto A ao ponto B. Acho que somos só
uma área de transição. É a minha opinião sincera,
que eles passam desse portal talvez para outro portal. Acho que eles só aparecem lá, e essa é uma área de grande atividade. Acho que não há nenhuma outra intenção
por trás do uso desse portal.
Parece que há algo embutido na rocha
que pode ser uma base e que estão tentando entender.
É extraterrestre.
Acho que é só um hub.
É só um hub
como os hubs que temos
nos nossos aeroportos, é uma área de muita atividade.

Onde ficam essas bases subaquáticas? Em vários lugares do planeta ou só nos Estados Unidos? Onde ficam?
Não sei a localização exata
de todas as bases.
Só sei que há instalações subterrâneas em todos os oceanos do planeta que foram construídas por nós.
Existe uma questão relacionada
ao sistema de transporte subterrâneo. E existem… Debaixo dos EUA, existem cavernas enormes
que esses submarinos podem atravessar, pois são cheias de água.

Você acha que estão no mundo todo.
Sim, acho que a Terra inteira…
Dá para ir a qualquer lugar pelas cavernas, com certeza.

Para que servem essas bases subaquáticas? Para monitorar ETs? A humanidade? Os seres aquáticos? Para que servem?
Acho que servem para monitorar tudo isso.
Sempre que descobrem algo novo,
eles querem se infiltrar,
estudar, aprender o que for possível,
descobrir por que esses sistemas energéticos existem ou por que esses portais existem.
Acho que é tudo isso,
mas eles estão observando, monitorando e vigiando essa área.

Esses veículos submersos… De onde vêm? São nossos?
Os que passam pelos portais
são extraterrestres. Temos nossas naves antigravidade,
submersíveis, pois fizemos engenharia reversa em várias dessas naves
para voarem na atmosfera. É a mesma coisa. Essas naves podem ser
atmosféricas, subaquáticas,
podem fazer qualquer coisa.
Também temos as nossas.

Você já viu esses tanques em que médicos calçam as luvas e operam dentro do tanque, mas eles ficam do lado de fora. Você fica dentro. Por quê?
O ser não pode sair da área.
E aquele aquário de cirurgia
contém várias outras salas
para testes de tecidos. É um laboratório completo, todo subaquático.
Tudo fica com o ser dentro d’água.

-Ficam lado a lado…
-Inclusive você. Inclusive você. Exato.

Essas bases subaquáticas são extraterrestres?
Temos as nossas bases, como comentei antes,
que construímos nessas áreas movimentadas.
E existem bases extraterrestres por perto que são embutidas na rocha e que eles estão investigando agora.

-Quem as construiu?
-Os extraterrestres.

Emery, obrigado por sua participação.
Obrigado, George.

Para assistir a outras temporadas (to watch other seasons):

filme / documentário ABOVE MAGESTIC (ACIMA DE MAJESTOSO)
Quem é COREY GOODE?
1.ª TEMPORADA / 1st SEASON
2.ª TEMPORADA / 2nd SEASON
3.ª TEMPORADA / 3rd SEASON
4.ª TEMPORADA / 4th SEASON
5.ª TEMPORADA / 5th SEASON
6.ª TEMPORADA / 6th SEASON
7.ª TEMPORADA / 7th SEASON
8.ª TEMPORADA / 8th SEASON
9.ª TEMPORADA / 9th SEASON
10.ª TEMPORADA / 10th SEASON
11.ª TEMPORADA / 11th SEASON
12.ª TEMPORADA / 12th SEASON
13.ª TEMPORADA / 13th SEASON

No caso de ter dificuldades em abrir o episódio, deverá aceder no PC/Computador ou usar outro dispositivo ou então tentar mais tarde ou fazer o download. Há também limitações de visualização (100) e em alguns dispositivos não funciona sempre corretamente. Também se tiver o seu google drive aberto, poderá não permitir a visualização (terá de abrir noutro browser). Se ainda não conseguir, navegue de forma anónima: no google chrome (Windows) prima Ctrl + Shift + n. Alerta-se que os episódios têm sido retirados da internet, portanto se detetar que o episódio foi denunciado, faça um comentário para indicarmos outro link.

Partilhar no Facebook

4 Comments on “T12E24 Operações Subaquáticas (Revelação Cósmica ~ Emery Smith)

  1. Grato por disponibilizar mais um episódio duma temporada que parece se alongar bem mais que as anteriores, esperando que não seja por ser a última.

  2. Certo, a 7ª temporada, pelo menos, não tinha reparado. Quanto ao filme de Bob Lazar, como já o tenho, aqui lhe deixo, caso lhe interesse, claro, o site aonde o encontrei ‘comando torrents’. Segue assim, pois como já é segunda vez que tento enviar este comentário sem resultado, deduzo que links não estão a ser permitidos. Ok, tudo bem. A legenda, acessível a partir dai, está noutro local, e eu costumo embuti-la, no formato (container) mkv, para ficar com um ficheiro, apenas. Saudações.

    1. os links dão, mas os links do torrent são bloqueadas diretamente pelo wordpress (pelo menos já aconetceu no facebook também) (eu não bloqueio nenhum comentário). o filme do Bob Lazar eu tenho desde dezembro, mas devido a problemas desde que publiquei o “Above Majestic”, existe um processo optei por não publicar o Bob Lazar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.