A Lei do Uno - livro 2

A LEI DO UNO ~ sessão 39 ~ raios

Partilhar:

39.4 QUESTIONADOR: Eu me desculpo antecipadamente se meu questionamento for enganoso. Eu percebo que tudo parece… ou a maioria das coisas básicas parecem se dividir em unidades que totalizam sete. Ao olhar para uma transcrição de Henry Puharich de “Os Nove” eu encontrei uma declaração feita pelos Os Nove, na qual eles dizem: “Se nós tivermos sete vezes o equivalente elétrico do corpo humano então resultaria em setenon da massa da eletricidade”. Você poderia explicar isto?
RA: Eu sou Ra. Explicar isto está além das habilidades de sua linguagem. Nós devemos, entretanto, realizar uma tentativa de tratar este conceito. Como você está ciente, no início das criações estabelecidas por cada Logos, são criados os potenciais completos, tanto elétrico, no sentido daquele que você chama Larson, quanto metafísico. Esta eletricidade metafísica é tão importante em entendimento, digamos, desta declaração quanto o é o conceito de eletricidade. Este conceito, como você está ciente, lida com energia potencializada. Foi dito que o elétron não tem massa, mas apenas um campo. Outros afirmam uma massa de medida infinitesimal. Ambos estão corretos. A verdadeira massa da energia potencializada é a força do campo. Isto também é verdade metafisicamente. Entretanto, no seu presente sistema de conhecimento físico é útil tomar o número da massa do elétron a fim de se realizar trabalho, para que vocês possam achar soluções a outras questões sobre o universo físico. De tal forma, vocês podem convenientemente considerar cada densidade do ser como tendo uma massa espiritual maior e maior. A massa aumenta, digamos, significativamente, mas não grandemente até a densidade do portal. Nesta densidade, a soma, a retrospectiva – em resumo, todas as funções úteis da polaridade foram usadas. Portanto, a natureza elétrica metafísica do indivíduo cresce mais e mais em massa espiritual.
Para uma analogia, pode-se observar o trabalho daquele conhecido como Albert que postula o crescimento à infinidade de massa na medida em que essa massa se aproxima da velocidade da luz. Assim, o ser de sétima densidade, o ser completo, o Criador que se conhece, acumula massa e se compacta no Uno Criador mais uma vez.

39.5 QUESTIONADOR: Então na equação que eu tenho aqui nesta página, o Mi se referiria a massa espiritual, eu presumo. Isto está correto?
Mᵢ = (m₀C²) / √(1 – v² / c²)
RA: Isto está correto.

39.6 QUESTIONADOR: Obrigado. Você poderia me dizer – você pode interpretar uma transmissão vinda de “Os Nove”, onde eles dizem “CH é um princípio que é o princípio revelador do conhecimento e lei”? Você pode me dizer que princípio é esse? RA: O princípio assim vendado naquela declaração é nada além do simples princípio da constante ou Criador e o ser transiente ou encarnado e a ânsia existindo entre os dois, um pelo outro, em amor e luz entre as distorções do livre arbítrio atuando sobre a entidade amarrada em ilusão.

39.7 QUESTIONADOR: A razão pela qual “Os Nove” transmitiram este princípio nesta forma foi… a razão para isto foi a primeira distorção? RA: Isto está incorreto.

39.8 QUESTIONADOR: Você poderia-me dizer por que eles deram o princípio de forma tão velada então? RA: O escriba é muito interessado em enigmas e equações.

39.9 QUESTIONADOR: Eu entendo. “Os Nove” se descrevem como os “nove outorgados de Deus”. Você poderia-me dizer o que eles quiseram dizer com isto? RA: Esta também é uma declaração velada. A tentativa é feita para indicar que os nove, que se sentam no Conselho, são aqueles representando o Criador, o Uno Criador, tal como podem haver nove testemunhas num julgamento testemunhando para um réu. O termo outorgados também tem este significado. O desejo do escriba pode ser visto, em muito deste material, como tendo afetado a maneira de sua apresentação, tal como as habilidades e preferências deste grupo determinam a natureza deste contacto. A diferença está no facto de que nós somos como nós somos. Assim, nós podemos tanto falar como nós quisermos ou mesmo não falar. Isto exige um grupo, digamos, muito sintonizado.

39.10 QUESTIONADOR: Eu percebo que há solo fértil para investigação do nosso desenvolvimento ao traçar a evolução dos centros de energia do corpo, porque estes sete centros parecem estar ligados a todos os setes que eu mencionei anteriormente e parecem ser centrais para o nosso próprio desenvolvimento. Você poderia descrever o processo de evolução destes centros de energia do corpo começando com a mais primitiva forma de vida a tê-los?
RA: Este material foi tratado anteriormente até certo ponto. Portanto, nós não repetiremos informação sobre quais raios habitam a primeira e segunda densidades e os motivos disto, mas em vez disso, tentaremos ampliar esta informação. Os pontos cruciais de cada nível de desenvolvimento; ou seja, de cada densidade além da segunda, podem ser vistos como os seguintes: Primeiramente, a energia básica do assim chamado raio vermelho. Este raio pode ser entendido como sendo o raio de fortalecimento básico para cada densidade. Ele nunca deve ser condescendido a menos importante ou menos produtivo para a evolução espiritual, pois ele é o raio da fundação.
O próximo raio da fundação é o amarelo. Este é o grande raio trampolim. Neste raio, a mente/corpo se potencializa até o seu pleno equilíbrio. A forte tríade vermelho/laranja/amarelo lança a entidade para o raio central verde. Este é novamente um raio básico, mas não um raio primário.
Este é o recurso para o trabalho espiritual. Quando o raio verde é ativado, nós encontramos o terceiro raio primário sendo capaz de iniciar potencialização. Este é o primeiro verdadeiro raio espiritual no sentido de que todas as transferências são de uma natureza mente/corpo/espírito integrada. O raio azul assenta os aprendizados/ensinamentos do espírito em cada densidade do complexo mente/corpo, animando o todo, comunicando a outrem esta totalidade do estado do ser.
O raio índigo, apesar de precioso, é aquele raio trabalhado apenas pelos adeptos, como vocês os chamariam. É o portal para a infinidade inteligente trazendo energia inteligente através dele. Este é o centro de energia trabalhado naqueles ensinamentos considerados interiores, secretos e ocultos, pois este raio é aquele que é infinito em suas possibilidades. Como vocês estão cientes, aqueles que curam, ensinam e trabalham para o Criador de qualquer forma que possa ser vista como sendo tanto radiante quanto equilibrada, são aqueles em atividade no raio índigo.
Como vocês estão cientes, o raio violeta é constante e não está presente numa discussão das funções da ativação dos raios, no sentido de que ele é a marca, o registo, a identidade, a verdadeira vibração de uma entidade.

39.11 QUESTIONADOR: A fim de esclarecer um pouco, eu gostaria de perguntar a questão se nós temos uma entidade altamente polarizada na direção do serviço a outrem e uma entidade altamente polarizada na direção do serviço a si, qual seria, tomando-se cada raio, começando com o vermelho, haveria alguma diferença no raio vermelho destas duas entidades?
RA: Não há diferença em entidades positivas e negativas igualmente fortemente polarizadas com relação ao raio vermelho.

39.12 QUESTIONADOR: Isto também é verdade com todos os outros raios?
RA: Nós responderemos brevemente. Você poderá questionar mais em outro trabalho.
O padrão de raio negativo é o vermelho/laranja/amarelo se movendo diretamente para o azul [índigo?], este sendo apenas usado a fim de contactar infinidade inteligente.
Em entidades orientadas positivamente, a configuração é nivelada, cristalinamente limpa e de descrição do sétimo raio.

16 de março de 1981

artigos relacionados:

sessão 40 ~ densidade ~ cancro (câncer) ~ alimentação
resumo do livro “A lei do Uno” e os 5 livros em .pdf

Disclaimer:
1. Os artigos são escritos em português do (Brasil ou de Portugal) ou numa mistura de ambos.
2. Os artigos colocados neste site, são diferentes dos colocados nos corruptos meios de comunicação de massas. Não significa que os autores concordam ou discordam com os mesmos. Você deve usar a sua intuição com aquilo que ressoa ou não consigo. Ninguém é dono da verdade absoluta e este site não foge à regra.

Partilhar:

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments