Astronomia, Via Láctea

Via Láctea

Partilhar no Facebook

Todas as estrelas e, na verdade, todas aquelas que podemos ver à noite, estão localizadas neste pequeno círculo que representa um braço da Via Láctea, na foto acima. Por este exemplo torna-se de importância óbvia vermos as coisas de uma perspetiva diferente. Aqui na Terra vemos apenas uma pequena fração da realidade, porque os nossos olhos têm a habilidade de capturar apenas uma pequena proporção da faixa eletromagnética. Para expressar esta ideia sem rodeios: nós vemos e sentimos “praticamente nada”. Dentro deste pequeno círculo, vemos todas as estrelas no céu noturno. A Via Láctea como um todo só aparece como uma nuvem leitosa em que, com exceção da pequena seleção, mais nenhumas estrelas são reconhecíveis. A grande maioria esmagadora das estrelas, bem como todas as galáxias adicionais existentes, são invisíveis para nós.

Disclaimer:
1. Os artigos são escritos em português do (Brasil ou de Portugal) ou numa mistura de ambos.

2. Se segue a página do facebook, terá que escolher a opção ver primeiro, caso contrário dificilmente verá as publicações colocadas, devido à restrição a esta página.

3. O autor não usa facebook (raramente), portanto se tiver alguma pergunta, coloque aqui na página (os comentários colocados na página do facebook não serão respondidos: lembre-se, o facebook e youtube fazem parte da Matrix, portanto não passe os dias lá!)

4. Os artigos colocados neste site, são diferentes dos colocados nos meios de comunicação de massas. Não significa que o autor concorda ou discorda com os mesmos. Você deve usar a sua intuição com aquilo que ressoa ou não consigo. Ninguém é dono da verdade absoluta e este site não foge à regra.

Partilhar no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.