temporada 07

SE07E08 Antártida – O Processo para a Revelação (Corey Goode)

Partilhar no Facebook

S07E08 Antártida – O Processo para a Revelação (Revelação Cósmica)
S07E08  (Cosmic Disclosure)

Assista ao episódio clicando no link abaixo, usando o browser chrome (watch the episode by clicking on the link below, using the chrome browser):
https://drive.google.com/open?id=1-g7-iaB3rmYF-7KXQDtXHp7RHRiwXUrZ

Se der erro, use o browser chrome em modo anónimo (teclando Ctrl + Shift + n) no PC e se necessário, antes tem de fazer logout do seu gmail. Se ainda não conseguir, aceda a partir de outro PC. Alerta-se que os episódios têm sido retirados da internet, portanto se detetar que o episódio foi denunciado, faça um comentário (não no facebook), para indicarmos outro link.

resumo episódio 8

Os alemães descobriram dentro de cavernas, artefactos de civilizações antigas. Em 2002, colocaram uma equipa de cientistas na Antártida e obrigaram os mesmos a manter sigilo. O jornal “The Mirror” veio confirmar que havia essa equipa desde 2002. Encontraram lá tecnologia antiga, naves espaciais, laboratórios onde os pré-adamitas faziam muito experimentos genéticos, onde foram encontrados todo o tipo de humanos e até com cauda além dos pré-adamitas que aterraram forçadamente na Terra há 55 a 60 mil anos. Os pré-adamitas são o grupo alienígena, o grupo não terrestre que habitava Marte e Maldek. Após as catástrofes, guerras que aconteceram há meio milhão de anos eles foram para a Lua, mas foram expulsos, mas as suas naves estavam danificadas demais para saírem do sistema solar e acabaram por vir para a Terra. Cá na Terra decidiram ir ao único continente que ainda tinha tecnologias da raça dos Construtores Antigos que teriam 1800 milhões (1,8 biliões EUA) de anos. Os pré-adamitas só tinham a tecnologia que tinham nas naves e tiveram que canibalizar e adaptar a tecnologia das naves. Três dessas naves eram naves-mães chamadas Nina, Pinta e Santa Maria. No futuro será anunciado uma dessas nave-mães de 50km de largura maioritariamente circular. Eles encontraram naves dentro da nave-mãe e pilotaram-nas dentro e fora da nave-mãe e fora da atmosfera. Eles encontraram vários tipos de nave que tinham usos diferentes, uma das quais era uma nave muito decorada em formato de estupa. Eles se referem a elas como “vimanas”.

Os pré-adamitas tinham à volta de 4m de altura, tinham crânios alongados, eram muito espichados e magros. Os homens tinham bolsos flácidos no peito.

Os pré-adamitas tinham problemas com os reptilianos. Os pré-adamitas também não eram do bem de forma alguma e conseguiram colocar os reptilianos sob controlo aqui na Terra. Depois fizeram uma trégua. Depois os reptilianos assumiram o controlo e os pré-adamitas já não conseguiam o acesso à sua tecnologia antiga, suas bibliotecas. A maioria que sobreviveram ao cataclismo eram experimentos genéticos e eram híbridos porque não conseguiam funcionar muito bem no nosso ambiente.

Os pré-adamitas faziam parte do grande experimento genético mas não deveriam ter vindo para a Terra. Os outros 22 experimentos genéticos que as raças de fazendeiros genéticos estavam aqui conduzindo na Terra, os pré-adamitas começaram a interferir levando a um cataclismo na Antártida. O pessoal da Cabala acredita que sejam descendentes destes pré-adamitas. No livro de Enoque estes pré-adamitas são descritos como os anjos caídos.

Há um interesse por muita gente conhecida, John Kerry visitou a Antártida no dia da eleição de Trump; Até os membros da realeza e o príncipe Harry visitaram a Antártida em Novembro de 2013.

Foi descoberta uma carga muito importante nas naves-mães que eram seres em estase que eram os pré-adamitas que sobreviveram, à linhagem que originalmente veio de outro planeta, eles se colocaram em estase antes desse cataclismo, há cerca de 12.800 anos. Eles ainda não foram despertos. Estão tentando decidir o que fazer com eles. Alguns arqueólogos e funcionários de várias universidades foram lá escavar e documentar isso tudo e a Cabala recolheu vários itens arqueológicos e escondeu-os da humanidade em grandes armazéns que serão revelados no futuro. Também removeram todos os corpos que não parecem humanos. As revelações serão feitas nas próximas décadas para esconderem que a civilização na Terra não tem apenas 6 mil anos de civilização.

Episódio com legendas em português do Brasil (para quem não deseja assistir ao vídeo):

revelação cósmica temporada 7 episódio 8

REVELAÇÃO CÓSMICA

POR DENTRO DO PROGRAMA ESPACIAL SECRETO
COM COREY GOODE E DAVID WILCOCK

Antártida: O Processo
para a Revelação

Muito bem, bem-vindos de volta
ao “Revelação Cósmica”.

Sou o apresentador, David Wilcock.

Estamos aqui com Corey Goode.

Corey, bem-vindo de
volta ao programa.

Obrigado.

Na nossa última atualização,

chegamos até o ponto em que

a sacerdotisa sombria
do submundo, a Mara,

apareceu na sua sala, agindo
de forma bem sarcástica,

como se estivesse totalmente
no controle da situação,

mas ela foi transportada de volta
pelos Anshar e colocada em estase.

Mas eles lhe deram
um aviso, certo?

Eles disseram que outros
como ela apareceriam.

Eles disseram que outros seres

do grupo dela viriam procurá-la.

Certo. Ou seja, talvez
eles o visitassem,

e você teria que
se defender disso.

Exato.

Vamos falar sobre o que
aconteceu em seguida.

Claro.

A propósito, ninguém
do grupo da Mara

aproximou-se de mim desde então.

Certo.

Tem sido meio tranquilo.

A maioria das minhas experiências
agora são com o PES do CMI.

Já fui levado algumas vezes.

Nas reuniões, fui informado que
eu não podia fazer perguntas

pelos dois homens da Força
Aérea que haviam me ajudado

a subir e descer as
escadas da nave.

Ou seja, você não podia
fazer nenhuma pergunta.

Nenhuma pergunta.

Eu só podia sentar e ouvir.

Certo.

E eles me repassaram

mais informações
sobre a Antártica,

o que foi descoberto lá, como
isso está sendo processado

e que eles planejam apresentar
isso à humanidade em etapas.

Certo.

Além disso, eu tive reuniões

com aquele que chamamos
de Sigmund, o comandante.

Ele também tem compartilhado
informações interessantes comigo,

algumas das quais eu
nem posso discutir

porque elas têm a ver
com reuniões futuras

que eu terei de caráter
mais terrestre.

Certo. Então, já
cobrimos isso por alto.

Você também tem se
reunido com os Anshar?

Em caso afirmativo, o que tem
sido dito nessas reuniões?

Eu tive algumas
reuniões com os Anshar.

Em várias delas, a Kaaree
também está me preparando

para reuniões terrestres
futuras que eu terei,

dizendo-me que eu não devo ficar

tão nervoso.

Estou muito nervoso.

Ela me disse que me ajudará

no processo.

Ela me dará informações
que eu deverei comunicar.

Também fui levado uma
vez pelos Anshar

até a Antártica.

Certo. Então, na última conversa
que tivemos neste programa,

discutimos a ideia de que
coisas interessantes

estavam acontecendo na Antártica.

Porém, não falamos sobre
essa grande novidade

que você está mantendo
oculta de mim.

Você não podia contar nem a mim.

E não podíamos falar
sobre ela no programa.

Foi aí que a nossa atualização
“Endgame II” começou.

Então, quais são essas informações
que você recebeu durante meses

que você não podia me
contar nem compartilhar

neste programa, mas que você
pode compartilhar agora?

O que estava acontecendo
na Antártica?

De acordo com o Sigmund
e seus homens,

eles fizeram descobertas
muito importantes.

Em 1939, a expedição
alemã à Antártica

havia descoberto grandes blocos de
rocha com escritas antigas neles.

Eles haviam tirado
várias fotos com eles.

Depois disso, eles começaram
várias expedições secretas.

São coisas que nos lembrariam

Stonehenge ou as pirâmides,

ou algo assim.

São mais como Pumapunku
ou algo assim.

São ruínas desgastadas
e espalhadas.

Certo.

Então, depois que os
alemães descobriram isso,

eles começaram não a escavar,

por motivos arqueológicos,

mas começaram a limpar as áreas

e usar o que encontraram.

Eles encontraram, dentro de cavernas,
artefatos de civilizações antigas.

Eles os removeram e levaram
seus grupos militares,

criando bases.

Eles não estavam muito
interessados na parte arqueológica

no começo, o que é
estranho da parte

dos nazistas, que
enviaram arqueólogos

a várias partes da
Ásia em busca de…

Principalmente os grupos
como o Sol Negro e o Vril,

pois parece que eles
se interessavam

muito por essa história antiga.

Exato.

Parece que a missão deles era
construir essa base às pressas.

Exato.

Essa era sua operação principal.

O tempo estava correndo.

Eles sabiam que não conseguiriam

vencer a Segunda Guerra Mundial.

Exato.

Então, eles estavam
pesquisando isso,

escavando aqui e
ali. Com o passar

das décadas, eles acabaram

trabalhando com os americanos,
o complexo militar-industrial.

Eles fizeram escavações
com o passar das décadas,

começando lá nos anos 50 e 60.

Desde então, em meados de 2002,

eles começaram a levar
professores e arqueólogos

de universidades.

Trata-se de pessoas
conhecidas por nós.

Se você for do meio acadêmico,
trata-se de pessoas

que nós conhecemos
que foram lá escavar

e pesquisar na Antártica.

Disseram-lhes que eles
teriam que manter

14 anos de pesquisa em sigilo.

E prometeram-lhes que haveria

uma coletiva de imprensa

na qual eles poderiam falar e
apresentar os documentários

que haviam feito com todas
as informações coletadas

ao público.

E eles…

E uma das coisas mais incríveis

foi que eles lhe disseram que
devíamos escrever o “Endgame II”

o mais rápido possível.

Sim.

E duas horas depois
que o publicamos,

tabloides como o The
Mirror e o The Sun

começaram a repetir esses
dados que publicamos.

Um dia depois da publicação
dessa atualização,

um desses tabloides,

acho que foi o The Mirror,

disse que havia uma
equipe de cientistas

que estava na Antártica
desde 2002, o que você

já havia me contado ao telefone.

Eu não havia me lembrado de
incluir isso na atualização,

mas você já havia
me contado isso.

Exato.

Então, lá estava, no tabloide.

Na minha opinião,
isso foi incrível,

o nível de confirmação
pública disso tudo.

Exato.

Disseram-me que nós
seríamos copiados,

que tínhamos que soltar as
informações imediatamente.

Então, disseram-nos,

antes de isso ser publicado,
que eles realmente

estavam lá desde 2002.

Sim.

O que me surpreendeu foi
o que eles acharam lá.

Eles encontraram
tecnologias antigas.

Eles encontraram naves espaciais

que foram canibalizadas para
criar uma nova civilização,

cidades e por aí vai.

Eles acharam áreas que
eram laboratórios

para experimentos
genéticos. Aparentemente,

esses pré-adamitas faziam
muitos experimentos genéticos.

Nós achamos todos os
tipos de ser humano,

até seres humanos com cauda,
humanos baixos, altos,

diversos tipos de ser humano,

além desses seres pré-adamitas

que fizeram um pouso forçado
aqui de 55 a 60 mil anos

atrás.

O que é um pré-adamita?

O grupo alienígena, o
grupo não terrestre

que habitava Marte e Maldek.

Depois de certas catástrofes,

em sua maioria criadas por
eles em suas guerras, eles…

Isso aconteceu há
meio milhão de anos.

Certo, há meio milhão de anos.

Então, eles acabaram indo
à Lua por um período.

Por algum motivo, eles
foram expulsos da Lua.

Ocorreram alguns ataques.

Depois disso, eles fugiram.

Suas naves estavam danificadas demais
para sair do nosso Sistema Solar

ou para chegar a outra
esfera planetária.

Então, como eles tiveram que
fazer um pouso forçado na Terra,

eles decidiram ir
ao único continente

que ainda tinha tecnologias da
raça dos Construtores Antigos

que eram…

De que época estamos
falando agora?

A informação que me passaram

foi 1,8 bilhão de anos atrás.

O que você quer dizer
com tecnologias?

Eles só tinham a tecnologia

que estava dentro de suas naves.

Eles só tinham essa tecnologia.

Então, eles tiveram que canibalizar
e adaptar a tecnologia

das naves após o pouso forçado.

Três delas eram
extremamente grandes.

Eram naves-mães.

Elas foram batizadas
de Nina, Pinta

e Santa Maria.

Só para esclarecer,

não há nenhuma conexão
real entre os nomes.

Acontece que as três
caravelas de Colombo

eram chamadas de Nina,
Pinta e Santa Maria,

ou seja, é só uma
piada sem graça

com o fato de três naves-mães
terem feito um pouso forçado lá.

Exato. Eles usam várias

dessa piadas sem
graça no relatório.

Eu gostaria de ressaltar

que esse é um dos
detalhes impressionantes

que eu comecei a perguntar
ao Pete ao telefone:

“Você sabe algo sobre a Antártica?”

E ele disse de forma
independente: “Eles vão anunciar

que encontraram uma
nave-mãe…” Ele só sabia

de uma nave-mãe de
50 km de largura,

majoritariamente circular, que
foi encontrada sob o gelo.

Exato.

Até o momento, eles só expuseram

uma área do tamanho
de um cruzeiro.

Porém, com isso, eles obtiveram
acesso a essas naves.

Eles têm entrado nelas
e pilotado as naves

que estavam dentro delas…

Eles entraram nessa nave-mãe
de 50 km de largura

e encontraram naves
dentro da nave-mãe.

Sim. E eles têm
pilotado essas naves?

Sim.

Dentro da nave-mãe
ou fora dela também?

Não, fora. Fora da
atmosfera, inclusive.

Eles encontraram
vários tipos de nave

que tinham usos
diferentes, uma das quais

era uma nave muito decorada
em formato de estupa.

Como os santuários tibetanos
que vemos com frequência.

Exato.

Eles se referem a
elas como “vimanas”.

Sério?

Dentro do programa, eles
as chamam de “vimanas”.

Se elas são mesmo ou
não, isso eu não sei.

Porém, elas serviam para
transportar somente a realeza.

Elas eram diferentes
das outras naves.

Eram decoradas com ouro,

eram muito ornamentadas.

E você disse que esses seres

que estavam dentro das
naves eram pré-adamitas.

Você pode nos dar uma breve
descrição do que isso significa?

Sim.

Eles têm de 3,65 m a
4,25 m de altura.

Eles têm crânios alongados.

Eles eram muito
espichados e magros.

Como Aquenáton, Nefertiti…

Exato.

…e seus filhos,
como Meritaton.

Exato.

E os homens tinham bolsos
flácidos no peito,

tipo um peito flácido.

E esses seres…

De que cor era a pele deles?

É difícil distinguir
a cor da pele deles,

pois eles sofreram um grande
cataclismo no qual…

Em alguns dos corpos, os
braços davam umas duas voltas

ao redor do corpo.

Havia grandes manchas
negras na pele.

Eles ficaram sob o gelo.

Não foram preservados
como vemos nos filmes,

como um homem de gelo que
daria para reanimar.

E os biólogos que
estudaram esses corpos

e fizeram autópsias neles
disseram que eles obviamente

são seres que se desenvolveram
em um ambiente muito diferente

do nosso, com menos
pressão barométrica

e um campo gravitacional
mais fraco.

Na sua opinião, ou de acordo
com o que você ouviu,

quem atirou neles quando
eles caíram na Antártica?

Aparentemente,
esses pré-adamitas

tinham conflitos com
os reptilianos.

Esses pré-adamitas não eram
do bem de forma alguma,

mas eles tinham algum tipo de
conflito com os reptilianos.

Na verdade, eles
mantiveram os reptilianos

sob controle aqui na
Terra durante essa época

em que eles caíram aqui.

Algumas outras catástrofes
menores haviam ocorrido,

após as quais eles
perderam seu poder.

E os reptilianos sempre acham
uma oportunidade de voltar

em um momento de fraqueza.

Então, parece mesmo que as
guerras entre os pré-adamitas

e os reptilianos ocorreram
quase no começo

de quando eles chegaram aqui?

Exatamente.

Certo.

Porém, após esses cataclismos

que ocorreram na
Terra, os pré-adamitas

e os reptilianos fizeram
uma trégua ou um tratado.

Depois disso, os reptilianos

assumiram o controle da Antártica.

E os pré-adamitas
perderam totalmente

o acesso à sua tecnologia
antiga, suas bibliotecas.

Tudo estava lá embaixo.

Exato.

A maioria das pessoas que
sobreviveram ao cataclismo

eram experimentos genéticos.

Eles haviam criado híbridos
porque não conseguiam funcionar

muito bem no nosso ambiente.

Eles criaram híbridos
deles com os humanos

que estavam na Terra.

Após o cataclismo, todos
os principais pré-adamitas

que tinham o sangue puro estavam
na Antártica quando isso ocorreu.

Então, havia um grupo dessa
linhagem de pré-adamitas

que estava na região das
Américas Central e do Sul.

E havia outro grupo de uma linhagem
completamente diferente, ambos realeza,

na Ásia e na Europa.

Quando analisamos
os descendentes

dessa civilização
original, você disse

que eles chegaram aqui
em três naves-mães.

Eu só quero confirmar
que estamos falando

dessas naves-mães
de 9 m de largura.

50 km.

50 km de largura. Essas
são as maiores naves-mães

que eles têm?

Não.

Eles encontraram outras
naves lá embaixo

que são bem grandes,
mas elas seriam

naves menores da frota.

Então, eles tinham
essas naves grandes,

mas outras naves também
foram encontradas.

Exatamente.

Eu gostaria de
explorar a conexão

com a Bíblia.

Uma das escrituras
da mesma época

que o livro de Gênesis,
no livro de Enoque,

foi removido da Bíblia, mas
ele é mencionado por Jesus.

Ele é mencionado
por várias pessoas

daquela época como um
texto muito reverenciado.

Ele descreve 200 anjos caídos

que chegaram à Terra.
Eles eram gigantes

e tornaram-se canibais
que eram hostis

com a população da Terra.
Por fim, julgou-se

que eles tinham que ser
destruídos em um grande dilúvio.

Parece que estamos falando
da mesma coisa aqui.

Então, qual é a conexão
com o livro de Enoque?

Sim.

E a informação que recebi

foi que esses pré-adamitas
haviam chegado em…

Eles estavam envolvidos
no grande experimento.

Não era para eles
estarem aqui na Terra,

vivendo entre nós abertamente.

E dois…

Os outros 22
experimentos genéticos

que as raças de fazendeiros genéticos
estavam conduzindo aqui na Terra,

esse grupo de pré-adamitas
começou a tomar conta

e interferir.

Então, algo precisava ser feito.

Caso algum dos telespectadores
tenha chegado agora

e não tenha assistido
a esses episódios,

você descreveu que, quando
a grade de proteção caiu

foi derrubada há 500 mil anos,
após o planeta explodir

e tornar-se o cinturão de
asteroides, logo em seguida,

essas raças de ETs que
eram fazendeiros genéticos

conseguiram entrar imediatamente

e começaram a pegar
DNA de toda a galáxia

e alterar o DNA dos terráqueos.

Sim.

Nas nossas explorações
das ruínas

aqui na Terra, achamos
cômodos que…

Eles formavam uma
série de corredores

com a mesma disposição que
veríamos em uma placa

de circuito.

E eles eram feitos de uma
liga de ouro e cobre

com gravuras
circulares entalhadas.

Eles não eram passagens
para pessoas.

Eles obviamente serviam para canalizar
grandes quantidades de eletricidade.

Não muito longe disso, eles
acharam os laboratórios genéticos

onde encontraram vários
tipos diferentes de ser,

em estágios diferentes
de desenvolvimento.

Eu pude confirmar que esses
experimentos genéticos

eram parcialmente
tecnológicos e parcialmente

biológicos.

Eles criavam zigotos
ou algo do tipo

e implantavam-no em um
humano ou outro animal,

deixavam crescer e era
assim que os incubavam.

Eles não tinham toda a
tecnologia de antes.

Eles entraram em modo de
sobrevivência desde que caíram aqui.

Eles tiveram que canibalizar
toda a sua tecnologia

de dentro dessas naves,
essas naves-mães.

Há áreas enormes nas
quais tudo foi removido.

Eles ficaram presos na Terra
porque tiveram que fazer

um pouso forçado, mas
você também disse

que outras naves
foram encontradas

que eram capazes de voar.
Isso não significaria

que eles poderiam ter ido embora da
Terra rumo a qualquer outro lugar

que quisessem?

Sim, eles poderiam
fazer isso nas naves,

mas tudo o que havia
restado da sociedade deles

estava aqui na Terra.

E essas naves não foram
feitas para longos trajetos.

As naves pequenas
que eles tinham

serviam para viagens
curtas no Sistema Solar.

Eles ficaram presos aqui
neste Sistema Solar.

E também temos as 22 raças
de fazendeiros genéticos.

Temos os reptilianos.

É um ambiente hostil
para navegar.

Eles estavam em números reduzidos.

Não estavam em uma
boa posição tática.

Então, teoricamente,
eles poderiam visitar

as luas de Júpiter e de
Saturno, lugares desse tipo,

mas eles não tinham
combustível suficiente,

ou seja lá qual for o método
de alimentação deles,

para sair do nosso Sistema Solar…

Correto.

…depois de caírem aqui.

Exato.

E esta parte do espaço era
muito hostil àquela época.

Eles não queriam
arriscar suas vidas

indo a Júpiter ou algo assim.

Eles poderiam morrer.

E já havia um número
reduzido deles.

Porém, essa civilização
controlava o planeta inteiro.

Com os poucos
recursos que tinham,

eles conseguiram
controlar o planeta.

Após a ocorrência desse
último cataclismo,

nenhum dos pré-adamitas
que sobreviveram

tinha acesso à tecnologia deles.

Já mencionamos o grupo de
pré-adamitas que ficou na Ásia.

Além dele, havia outro grupo
nas Américas do Sul e Central.

Eles não podiam mais se visitar
nem se comunicar entre si.

Eles foram separados.

Após a catástrofe
convencional de Atlântida

que já conhecemos.

Exato.

E sempre houve uma
certa competição

entre esses dois grupos
de linhagens diferentes,

mesmo antes do cataclismo.

Esse pessoal da Cabala
ou do tipo “Illuminati”

acredita que sua linhagem
esteja associada

a esses pré-adamitas.

Então, no livro de Enoque,

eles descrevem esse grupo
como os anjos caídos.

Então, você está dizendo
que esses pré-adamitas

de crânio alongado
são os mesmos seres

da história dos anjos caídos.

Sim, eles são os anjos caídos.

Porém, nós temos essa Cabala.

Essa é uma das coisas que
o nosso informante Bruce

vem dizendo…

Quer você acredite nisso ou não,

a única coisa que importa
é que eles acreditam.

Exatamente.

A religião deles é…

Para eles, a religião
deles é tudo.

Está por trás de tudo o que fazem.

Onde se deu o desenvolvimento
dessa cultura

pré-adamita?

Onde eles se esconderam
nas Américas

após essa catástrofe?

Eles estabeleceram seus enclaves

nas Américas do Sul e Central.

Eles haviam se estabelecido perto
de outras estruturas pré-adamitas

que foram destruídas
devido ao cataclismo.

Houve grandes terremotos que
basicamente liquefizeram o solo.

Vários dos enormes
edifícios que eles tinham

simplesmente caíram e
afundaram no solo.

Eles controlavam
todo o hemisfério.

Eles misturavam sua genética

com a dos povos indígenas das
Américas do Sul e Central.

É por isso que vemos
seres de crânio alongado

cuja pele tem uma cor diferente,
uma mistura genética diferente.

Exato.

Eles misturavam sua genética
com a de qualquer grupo

que encontrassem
depois do cataclismo.

Voltando à questão de que
a religião dos Illuminati

é baseada em muito do que
os pré-adamitas fizeram,

podemos entender o porquê de
várias pessoas interessantes

terem indo à Antártica
recentemente,

incluindo o Kerry
no dia da eleição.

Exato.

Até mesmo membros da
realeza foram lá.

Agora, estou falando da ideia

de uma carga muito interessante
que foi encontrada

nessas naves-mães.

Você poderia descrever do que
se trata essa carga preciosa

que ainda estava nessas naves?

Havia vários seres em estase.

A informação que recebi
foi que os pré-adamitas

que sobreviveram, a
linhagem que originalmente

veio de outro planeta,
eles se colocaram

em estase antes
desse cataclismo,

há cerca de 12.800 anos.

Eles ainda não foram despertados.

Estão tentando decidir
o que fazer com eles.

Outra coisa interessante

é que alguns arqueólogos
e funcionários

de várias universidades
foram lá escavar

e documentar tudo isso.

Porém, eles…

Eu me refiro à Cabala.

Eles usaram submarinos
eletromagnéticos enormes

que mencionei antes para pegar
vários itens arqueológicos

que encontraram em
outras escavações

e que estavam escondendo
da humanidade,

guardando-os em
imensos armazéns,

eles levaram alguns desses
artefatos à Antártica

para colocá-los nessa
grande escavação

dos arqueólogos para
que sejam revelados.

Eles também removeram todos os
corpos que não parecem humanos.

E vários dos corpos humanos

não parecem escravos.

Eles têm túnicas bordadas
com fio de ouro.

Eles têm uma aparência
de realeza.

Então, eles planejam fazer
uma revelação editada.

Com o passar dos
anos, eles revelarão

o Programa Espacial Secreto do
complexo militar-industrial.

Em seguida, eles
dirão: “A propósito,

temos um programa espacial
secreto bastante avançado.

Quando visitamos
outros planetas,

encontramos ruínas similares
às que achamos na Antártica.”

Então, eles tentarão soltar
as informações aos poucos

no decorrer de décadas, não
nos contando imediatamente

sobre as naves que encontraram nem
sobre as tecnologias avançadas

e os seres não humanos.

Você não está falando
necessariamente

de algo que você pega e que
projeta um holograma…

Não. É arqueologia
fora do lugar.

Certo.

Eles escondem certos artefatos

para manter a narrativa
de que a Terra

tem apenas 6 mil
anos de civilização

e por aí vai.

Exato.

E você está dizendo
que eles realmente

estão encontrando esses
restos genéticos lá.

Exato.

E vários dos humanos,

humanos como nós,

que eles acharam sob o gelo,

e isso foi…

Eles obviamente foram
atingidos por uma onda enorme

que congelou instantaneamente.

Você quer dizer uma
onda oceânica?

Sim, uma onda oceânica.

Outra piada sem graça que eles
fazem em relação aos corpos

é que eles os chamam
de Pompeia no gelo,

devido à forma em que todos
os corpos foram encontrados,

alguns deles amontoados.

É muito similar.

Você poderia descrever para nós

o que você viu pessoalmente?

Obviamente, você não
podia fazer perguntas.

Porém, o que você
viu pessoalmente

disso tudo que você disse?

Fui levado à Antártica
pelos Anshar

em uma de suas naves
em formato de ovo.

O Gonzales estava conosco.

Quando fomos levados
lá, o Gonzales estava

com uma mochila parecida

com as mochilas do exército.

Certo.

Quando chegamos lá,

ele retirou um
aparelho de amostragem

que tinha uma alça e uma câmera

na ponta, com agulhas longas

que giravam.

Eles foi até cada
um desses corpos

e tirou uma foto
ou fez um vídeo,

não sei. Depois, ele
enfiou a agulha

nos corpos, girando-a,
retirando-a

e depositando a amostra

em tubos de ensaio de plástico.

Depois, ele os guardou
na mochila, um por um.

Quando você diz “esses corpos”,

você está falando de
corpos de pré-adamitas?

Corpos de pré-adamitas
e seres híbridos.

Eu pessoalmente vi
um ser humano baixo

em posição fetal que
tinha uma cauda.

Dava para ver as dobras da
pele descendo pelas costas,

com a cauda retorcida
e congelada.

Então, ele estava coletando
amostras genéticas.

Enquanto isso, logo antes disso,
os grupos da Terra Interior

levaram-nos através de uma parede
que não havia sido escavada.

Só dava para ver um
pedaço da rocha para fora

do gelo e da neve.

Não muito longe dali, havia
um local sendo escavado.

Havia holofotes apoiados em
tripés e apontados para poços.

Eles estavam escavando.

Eles nos levaram através
da neve na parede.

O cômodo ficou iluminado.

Esse cômodo estava cheio
de pergaminhos e livros.

Obviamente, era uma biblioteca.

Os dois seres da Terra
Interior foram até uma área

em particular, como se
soubessem exatamente

aonde estavam indo, abriram

uma caixa dobrável e
começaram a pegar

uns pergaminhos metálicos

e colocá-los na caixa.

Eles estavam pegando
os pergaminhos.

Esses pergaminhos metálicos continham
símbolos gravados a laser.

A rocha era…

Você está dizendo que o
pergaminho era metálico

ou que era um recipiente metálico
que abrigava o pergaminho

de papel?

Eram folhas de metal enroladas.

Folhas de metal enroladas.

Certo.

Elas se enrugavam
quando eles as pegavam.

Emitiam um som de lata.

Nessas folhas, dava para ver

símbolos gravados a laser.

Eles as removeram antes
que fossem encontradas

pelas pessoas que
estavam escavando.

Ainda não sei o que
estava nos pergaminhos

nem qual é sua importância.

Porém, quando saímos,
eles os levaram na nave.

Obrigado, Corey.

Eu gostaria de agradecer-lhe

por assistir-nos e
apoiar-nos aqui na Gaia,

contribuindo no nosso caminho
rumo à revelação total.

Obrigado por assistir.

REVELAÇÃO CÓSMICA

POR DENTRO DO PROGRAMA ESPACIAL SECRETO
COM COREY GOODE E DAVID WILCOCK

 

Partilhar no Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.